Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

“Vila Alva. Terras de Vinho” em exposição a partir do dia 10 na Adega do Mestre Daniel

Zé LG Zé LG, 03.11.18

VilaAlva_expo_web.jpg

No âmbito do projecto para a sua reactivação, a Adega do Mestre Daniel, em Vila Alva, acolhe a partir do próximo dia 10 de Novembro a exposição “Vila Alva. Terras de Vinho”, da iniciativa de Daniel Parreira, com a colaboração de Samuel Pernicha e João Taborda.

No ambiente cénico da renascida adega, embalada pela melodia do vinho a sangrar de velhas talhas, envolta em encantatórios aromas, esta exposição,constituída por 10 painéis temáticos, é uma inebriante viagem no tempo.

O visitante principia a jornada pelos vinhedos de Vila Alva, recuando à época da ocupação romana. Depois, é convidado a conhecer esta aldeia e o quotidiano das suas gentes, já nos meados do século XX. A aventura prossegue no sombrio interior de velhas adegas, à descoberta de talhas centenárias, de símbolos de mestres talheiros e marcas de fabricantes mais próximos. A viagem continua com a iniciação aos segredos do vinho de talha, tal como era produzido pelo Mestre Daniel, terminando no universo das vendas,entre copos e singelos petiscos. No final, mas como num regresso às origens, os visitantes poderão provar o vinho novo e sentir-se irmanados… na comunhão de uma moda!

Esta exposição conta ainda com duas obras do mestre Chico Taborda que, com um rigor mágico, reproduzem os ambientes de uma adega tradicional e de uma venda d’outros tempo.