Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aeronaves ATL-100 vão ser projectadas em Évora e produzidas em Ponte de Sor . E Beja?

Zé LG, 23.10.20

imgLoader2.ashx.jpgO Aeródromo Municipal de Ponte de Sor (Portalegre) vai acolher a produção da primeira aeronave ligeira integralmente feita em Portugal, cujo primeiro protótipo deverá estar concluído em 2023, disse o presidente do município, Hugo Hilário, após o encerramento do primeiro dia da cimeira aeronáutica “Portugal Air Summit”, que decorre até sexta-feira naquela cidade alentejana.

A fábrica está integrada no Programa ATL-100, o primeiro programa aeronáutico completo de Portugal e que envolve o CEiiA - Centro de Engenharia e Desenvolvimento de Produto e a empresa brasileira DESAER, fundada por antigos quadros da construtora aeronáutica Embraer, também do Brasil.

“Este projeto vai criar 1.200 postos de trabalho, não todos em Ponte de Sor. O centro de engenharia vai ser em Évora, prevê-se também alguma atividade em Beja no âmbito deste triangulo aeronáutico Ponte de Sor, Évora e Beja, mas desses postos de trabalho, aquilo que eu penso, é que a maior parte vai ser em Ponte de Sor, mas não vou quantificar”, disse o autarca.

OE prevê 147 milhões de euros na ferrovia e 26 milhões para novo Hospital Central do Alentejo

Zé LG, 14.10.20

ferrovia_2.png“Decorrem desde 2019 as empreitadas no Corredor Internacional Sul, cujo investimento autorizado ascende a 466 milhões de euros, designadamente, nas linhas do Leste (modernização e eletrificação do troço entre Elvas-Fronteira), de Évora (construção, em três subtroços, de 80 km de nova linha ferroviária e da subestação de Tração do Alandroal) e na linha de Sines/Sul (modernização da ligação ferroviária). Em 2021, estima-se uma execução de despesa neste âmbito na ordem dos 150 milhões de euros”.

O Governo vai destinar uma verba de quase 26 milhões de euros para os trabalhos de construção do novo Hospital Central do Alentejo, em Évora, segundo a versão preliminar da proposta de Orçamento do Estado (OE) para 2021.

Câmara de Beja melhora acesso ao Bairro da Esperança

Zé LG, 29.09.20

120159145_1037288923370017_6805232001641201876_n-7As intervenções passaram por pavimentação da Rua do Carmo Velho (realizada em julho) no troço Rotunda de Serpa/Espanha, até à entrada do Bairro da Esperança, prevendo-se a marcação horizontal para o mês de outubro; arranjo exterior da frente ao edifício do Centro de Dia do Centro Social, Cultural e Recreativo do Bairro da Esperança e colocação de abrigo de passageiros das carreiras urbanas.

“Aeroporto, ferrovia e rodovia” inscritos no plano de recuperação económica 2020/30

Zé LG, 19.09.20

No Plano de Recuperação Económica e Social de Portugal 2020-2030 já consta o “aeroporto de Beja, a ferrovia e as acessibilidades rodoviárias”. No documento inicial estas matérias não estavam incluídas, mas “o Beja Merece+ conseguiu que estes projetos estruturantes para o Baixo Alentejo não ficassem de fora”, assegura Florival Baiôa, do movimento.

202001141623475250 Beja+.jpg

Agora, referiu, igualmente, Florival Baiôa e depois desta vitória, “o Beja Merece+ continua a trabalhar com todos, tal como até aqui, em defesa do Baixo Alentejo e reenviou para os políticos os projetos estruturantes para o território para lhes reavivar a memória”.

O Plano de Recuperação Económica e Social de Portugal 2020-2030 já foi apresentado e sobre ele, entre outros aspetos, António Costa Silva, na audição parlamentar, adiantou que defende "a otimização do aeroporto de Beja", que incluiria “uma ligação ferroviária moderna e veloz com Lisboa”. Neste contexto frisou mesmo que "Não podemos correr o risco de ter ativos que não são aproveitados", referindo-se ao aeroporto de Beja.

É tão bom ter a Câmara Municipal do mesmo partido do governo!...

Zé LG, 03.08.20

Odemira exige intervenção urgente na rede viária

imgLoader2.ashx ode.jpgA Assembleia Municipal (AM) de Odemira reiterou o seu “desagrado pela falta de compromisso” do Governo face à degradação da rede viária nacional que atravessa o concelho alentejano. Numa moção, apresentada pelos eleitos do PS e aprovada por unanimidade em reunião da (AM), os deputados municipais criticam "a evolução negativa de um processo que se arrasta há dois anos", depois de terem sido detetados problemas em vários troços que “careciam de intervenção urgente”.

A Câmara de Odemira, de maioria socialista, já mostrou "total abertura e vontade de cooperar", além de ter manifestado junto do Ministério das Infraestruturas e Habitação e da entidade gestora da rede viária nacional, a Infraestruturas de Portugal, "as suas enormes preocupações nesta matéria".

Os eleitos consideraram que “a necessidade de intervenção nestas vias impera e o território de Odemira, que tanto impacto tem no PIB nacional, tem que ser olhado de forma estratégica por quem gere as infraestruturas e economia deste país, tomando medidas de priorização de projetos e investimentos em matéria de acessibilidades”.

“não tratam os assuntos com gritaria” e os resultados estão à vista...

Zé LG, 29.07.20

76756948_805983806500531_2024966755239067648_o car

"Lembram-se da reunião com a administração da CP quando o presidente da câmara mandou uma indireta ao Beja Merece Mais dizendo que não tratam os assuntos com gritaria. Vê-se o resultado dessa reunião, o que melhorou."
Anónimo 29.07.2020, aqui.

Vale mesmo a pena ter a Câmara Municipal do mesmo partido do governo...

Zé LG, 29.07.20

Obras de requalificação do IP8 entre Beja e Beringel só em 2022

202007271856483968 IP.jpgPaulo Arsénio, presidente da Câmra Municipal de Beja, revelou que foi informado pelo Secretário de Estado das Infraestruturas que, “na melhor das hipóteses”, este troço que liga Beja a Beringel, “dificilmente estará em perfeitas condições antes de 2022”. 

Paulo Arsénio disse ainda que a autarquia bejense tem feito um grande esforço junto do Ministério das Infraestruturas, no sentido das acessibilidades serem melhoradas, em particular, as rodoviárias e ferroviárias. Com grande sucesso, como vemos....

Aberto o acesso, "A26 abre ao tráfego na próxima sexta-feira"

Zé LG, 25.06.20

106088932_1560597597454332_230252336703243575_o A2

"A26 abre ao tráfego na próxima sexta-feira, dia 26 de junho. Ontem foram verificados os acessos de socorro à autoestrada. A partir de sexta feira o troço que passa pelo concelho de Ferreira do Alentejo vai abrir ao tráfego." - Informa a Câmara Municipal de Ferreira do Alentejo, aqui.

 

Quando julgávamos que nada mais de "extraordinário" podia envolver a abertura deste troço da A26 ao trânsito, depois de concluído há mais de dois anos, eis que o anúncio da sua abertura é feito pela Câmara Municipal de Ferreira do Alentejo... Porquê? Porque se trata de uma estrada "municipal"?! Porque a Câmara pretende mostrar quanto foi importante o seu papel para a sua abertura?! (mesmo com todos os adiamentos e mais de dois anos depois de concluída?!) Ou é o governo que tem vergonha (o que só lhe fica bem) de anunciar o que já devia estar feito há mais de dois anos?! 

Leia também:

- A26: abre amanhã ao tráfego, a partir das 20:00 horas.

- “Precisamos da A26 na sua plenitude” diz Nelson Brito. Troço da autoestrada abre amanhã ao trânsito.

Até onde vai a (falta de) vergonha do governo do PS, mantendo a A26 fechada, apesar de concluída há anos?

Zé LG, 22.06.20

"Imagens de satélite da autoestrada A26 já concluída

Através de imagens de satélite obtidas pelo Google Maps há vários meses, é possível ver que a ligação entre as autoetradas A26 e a A2, está totalmente concluída, faltando apenas a vontade política para que tal aconteça. Num país em que a justiça funcionasse, provavelmente, políticos e gestores públicos seriam processados por construirem uma autoestrada, com dinheiro público, e a mesma não ser utilizada por claro desinteresse pessoal e político, trazendo prejuízos para as empresas, turismo e segurança dos condutores que usam a A2 e o IP8.

As imagens têm legendas para compreender mais facilmente o absurdo que é toda esta história."

21835958_UiU4d.png

21835957_CYfEI.pngCopiado do Mais Beja.

ministro-vergonha.jpg

“Coitos, São Matias e Selmes não têm direito a transporte público”?

Zé LG, 02.06.20

«Os Coitos, São Matias e Selmes não têm direito a transporte público. Nem um autocarro de manhã e outro à tarde para ir trabalhar ou visitar doentes. Não pagam impostos como os outros? Que dizem os presidentes de junta? Continuamos a telefonar para vir o táxi? mais uma despesa? é o que temos? ze toi»
Anónimo 01.06.2020, aqui.

Câmara de Beja reforça oferta de transporte público

Zé LG, 01.06.20

beja.jpgNos próximos meses os horários poderão sofrer alterações mês a mês e como tal serão monitorizados a procura e o número de passageiros de cada carreira ao longo do mês de junho.

Assim a partir do dia 1 de junho, aos horários em vigor desde 18 de maio, irão acrescentar-se, até 30 de junho pelo menos, os seguintes:
✔ Mombeja - Beringel - Trigaches - São Brissos - Beja (Saida de Mombeja às 7.15; Regresso com partida de Beja às 18.20);
✔ Quintos - Quinta do Estácio - Monte Padrão - Vila Azedo - Beja (Saída de Quintos às 7.40; Regresso com partida de Beja às 18.35);
✔ Beja - Cabeça Gorda- Salvada (Saída de Beja às 13.25; vinda para Beja com partida da Salvada às 14.25);
✔ Castro Verde - Entradas - Albernoa - Trindade - Boavista - Beja (Saída de Castro às 14:30; Regresso com saída de Beja às 19.10);
✔ Serpa - Baleizão - Quinta de Santo António - Neves - Beja (Saídas de Serpa às 8:00 e às 19.15; Regressos com partidas de Beja às 12.30 e às 18.30);

Desta forma são adicionadas a partir de hoje mais 12 carreiras, com origem ou destino "Beja", às existentes.

Mais um adiamento… O que será preciso para abrir o troço da A26?!...

Zé LG, 29.05.20

Auditoria ao troço da A26 adiada para a próxima semana

A auditoria ao troço da A26, entre Grândola Sul, junto ao nó da A2 e a Malhada Velha, em Figueira de Cavaleiros, deveria ser efectuada ainda durante esta semana, como disse Pedro do Carmo. Entretanto, a IP-Infraestruturas de Portugal revelou que a auditoria foi adiada para a próxima semana.

202005271835423618 A26.jpgQue mais será ainda necessário para abrirem a porra do troço da Autoestrada?!... Imaginemos o filme que seria se fosse a Autoestrada completa, até à fronteira...

Porque não foram retomados comboios Beja/Lisboa/Beja suprimidos na Páscoa?

Zé LG, 26.05.20

070320141642-713-ESTAODECOMBOIOSDEBEJA comboios.jpNo fim-de-semana de Páscoa, a CP suprimiu horários de comboios na linha Beja/Lisboa/Beja. Mais de um mês depois, os horários, que deveriam ter sido retomados depois de 13 de abril, mantêm-se suprimidos. O Beja Merece+ vai “pedir esclarecimentos à CP” e alerta para “o perigo” desta questão, dizendo que “pode colocar em” risco “as promessas efetuadas e legisladas para esta linha.”

Florival Baiôa, do Beja Merece+, teme que esta situação tenha sido “uma desculpa” alerta para que esta tomada de decisão “pode fazer perigar as promessas efetuadas para esta linha e que já estão legisladas”. Defende que as “instituições de Beja têm de fazer algo” em relação a esta matéria, avançando que o Beja Merece+ vai “confrontar a CP, no sentido de perceber o que pretende efetivamente”.

Florival Baiôa lembrou que “até à pandemia, o número de passageiros a utilizar o comboio, na linha em causa, tinha aumentado”.

Câmara de Moura avança com reabilitação de arruamentos

Zé LG, 22.04.20

Moura-1-768x432.jpgA Câmara Municipal de Moura vai avançar com a reabilitação da Rua do Areeiro, em Moura, cujos trabalhos começam no início do próximo mês; do pavimento e substituição da rede de águas da Rua Catarina Eufémia, em Sobral da Adiça; dos pavimentos em Amareleja, Póvoa de São Miguel, Santo Amador e Moura; e o recalcetamento do Bairro 25 de Abril, em Moura, em cubos de granito.