Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

S. Teotónio inaugura hoje Oficina de Violas Campaniças- Mestre Daniel Luz

VIOLA-768x432.jpgEste espaço, situado no antigo mercado da Junta de Freguesia que foi recuperado, para o efeito, é uma forma de reconhecimento de Daniel Luz, “que nos últimos anos tem tido um trabalho muito importante na construção de instrumentos de corda, especialmente de violas campaniças”, explica Dário Guerreiro, presidente da Junta de Freguesia de S. Teotónio.

 

Alvito quer “vilas mais brancas”

P1020925.JPGO Município de Alvito volta a oferecer cal para a caiação das fachadas dos prédios do concelho. A campanha “Cal 2019 – Vilas mais brancas” já arrancou.

Os interessados podem inscrever-se no Balcão Único em Alvito e na Junta de Freguesia de Vila Nova da Baronia.

A entrega da cal será feita a 18 de Junho na Praça da República de Alvito e a 19 de Junho, no Largo da Igreja, em Vila Nova da Baronia.

A magia do Festival Islâmico está de regresso a Mértola

cartaz_fim_2019.jpg

O Festival Islâmico de Mértola começa esta quinta-feira, 16 de maio, um evento organizado pela Câmara Municipal, que celebra a herança islâmica e o encontro de culturas de que a vila é sinónimo desde a antiguidade. Mértola vai estar em festa até domingo com o souk, música, dança, exposições, oficinas, conferências, poesia, apresentações de livros, passeios no rio e gastronomia.
O souk - mercado de rua, que está a ser montado no centro histórico, irá receber artesãos e comerciantes com produtos de várias origens, com destaque para o artesanato, as especiarias, os chás, a gastronomia tradicional de Mértola e de Marrocos. É no coração do Centro Histórico que acontecem a maioria das iniciativas, como a música circulante de Al Yamal, Alentejanos e Trovadores Del Andaluz, as oficinas de henna, do ritual do chá, de oficina campaniça, da dança oriental, de latoaria, de precursão, de empreita, de instrumentos de corda do Médio Oriente e de demonstração de extração de óleos essenciais. 

Todas as informações sobre o Festival Islâmico estão em atualização em:

https://www.festivalislamicodemertola.com/ 
https://www.facebook.com/festivalislamicodemertola/

Comentários recentes

  • Anónimo

    Não podes estar mais longe. O eterno e sempre à mã...

  • Anónimo

    Se há tanta clarividência acerca da geringonça com...

  • Anónimo

    Sem dúvida, sobretudo os grandes interesses capita...

  • Anónimo

    Tal e qual ... até que enfim que alguém vai ao cer...

  • Anónimo

    Esta técnica de mal-dizer é cronicamente utilizada...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.