Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

“O que é mais importante?”

Zé LG, 13.02.21

202102112232197197.jpg«No turbilhão do tempo, na voracidade dos mercados, somos peças de uma grande máquina. Recursos. Recursos humanos. Humanizados? Ganhámos projeção individual. Mas somos levados a pensar que o nosso contributo social de pouco importa. E, afinal, percebemos agora melhor do que nunca que, o que cada um fizer, reflete-se num todo que a todos diz respeito. Corremos atrás do que não temos mas esquecemo-nos de cuidar do que está ao nosso alcance. As pessoas. A nossa integridade. Enquanto parte de um todo de que somos semente, raiz e fruto. Mais do que respostas, que muitas vezes não temos, é importante questionar: o que é mais importante?»

Joana Gomes, aqui.

Incubadora de Inovação Social do Baixo Alentejo comemora o seu 2º aniversário

Zé LG, 22.12.20

202012211835383785.jpgA IISBA - Incubadora de Inovação Social do Baixo Alentejo comemora hoje, de forma simbólica, o seu "segundo ano ao serviço da inovação social e de toda a comunidade baixo alentejana", com a realização de um encontro, via plataforma ZOOM, às 17.00 horas, transmitido em direto no facebook da IISBA em: www.facebook.com/IISBAIncubadora, onde são apresentados os dados das iniciativas desenvolvidas e é atribuida a distinção de "Agentes de Dinamização Social" a personalidades que se destacaram na promoção e dinamização da Inovação Social durante 2020.

Não ao racismo e xenofobia!

Zé LG, 14.12.20

«De acordo com a Convenção Internacional sobre a Eliminação de todas as Formas de Discriminação Racial das Organização das Nações Unidas (ONU), não há distinção entre os termos "discriminação racial" e "discriminação étnica", sendo que a superioridade baseada em diferenças raciais é cientificamente falsa, moralmente condenável, socialmente injusta e perigosa, além de não haver justificação para a discriminação racial, em teoria ou na prática, em qualquer lugar do mundo.[9]» – daqui.

African_woman_slave_trade.jpg«Xenofobia (do grego ξένος, translit. xénos: "estranho"; e φόβος, translit. phóbos: "medo"[1]) é o medo, aversão ou a profunda antipatia em relação aos estrangeiros,[2] a desconfiança em relação a pessoas que vêm de fora do seu país com uma cultura, hábito, raça ou religião diferente. A xenofobia compartilha diversas características com o racismo[3] »– daqui.

Vivemos numa casa comum - a  TERRA -, que anda a ser tão mal tratada. Devemos tratá-la com mais cuidado e ter mais respeito uns pelos outros.

“Beja é uma cidade madrasta”?

Zé LG, 12.12.20

127039230_1087071795058396_6042060700786322194_o.j«Há muito tempo ouvi alguém dizer na rua que Beja era uma cidade madrasta. Só anos depois percebi o que isso significava. Infelizmente é assim, para os seus, para os que vierem de fora, na verdade para todos aqueles que estejam dispostos a fazer alguma coisa diferente, Quem tiver o azar de dar nas vistas por boas razões logo é "abatido" seja dentro do partido, do clube, da empresa, na coletividade ou na associação, em qualquer lugar. A mediocridade reinante logo se encarrega de esconder, abafar, anular.....apenas para se defender e poder continuar a dominar pela mediocridade.» Anónimo 10.12.2020, aqui.

“Não castrem quem é mais capaz, nem deixem cair quem tem menos capacidades”

Zé LG, 09.12.20

«Que comunismo (tentativas que sejam) conhece que tenham melhorado as condições de vida do seu povo? Foi (é) apenas a tentativa de nos nivelar por baixo. Ao menos o capitalismo deu-nos a possibilidade de emergir pelo mérito, pela inovação, pela competição. Querer anular os mais capazes, perspicazes, audazes, etc, é nivelar por baixo.

Dos fracos não reza a história, sabe, metaforicamente, o que significa? Não que sejam deixados para trás, mas são os outros, os inovadores, progressistas, que fazem a civilização que hoje vivemos, e usufruímos.»

Nmfdm sff 08.12.2020

 

«Essa pode ser uma das conclusões da análise. Que a Humanidade precisa dos inovadores, dos criadores, dos empreendedores. Mas precisa também de mecanismos que coordenem e regulem justamente a distribuição da riqueza produzida, para não agravar assimetrias sociais.»

Munhoz Frade 08.12.2020

 

«Concordo e subscrevo. Não castrem quem é mais capaz, nem deixem cair quem tem menos capacidades.»

Nmfdm sff 08.12.2020, aqui.

“Precisamos de pensar! De pensar mais além!”

Zé LG, 16.09.20

“Não sei o que me custa mais, se o problema na saúde ou se o problema moral, social, económico e político... Felizmente na saúde ainda não me afectou, directa ou indirectamente, mas nas outras vertentes afecta-me a cada instante.

Vejo tanta hipocrisia, vejo tanto falso moralismo, vejo tanta ignorância...

Minha gente, ver os telejornais e acreditar não basta para se ser gente!

É preciso acreditar e pensar. É preciso prevenir e pensar. É preciso prevenir e não parar com o que nos faz falta. E não é só o trabalho que nos faz falta, não é só o trabalho que nos alimenta... Somos seres humanos, porra! Para além de todos os defeitos inerentes do ser humano, como o de apontar o dedo porque discordamos de algo mesmo sem conhecimento, precisamos de amor, diversão, compreensão, consideração... Precisamos de nos prevenir mas não de sermos escravos de um sistema cada vez mais capitalista. Precisamos de nos amar! Precisamos de nos respeitar! Precisamos de pensar! De pensar mais além!”

Anónimo 16.09.2020, aqui.

Câmara de Ferreira do Alentejo distingue empresas socialmente responsáveis

Zé LG, 13.09.20

202009111658287157 FA.jpgA Câmara Municipal de Ferreira do Alentejo atribuiu a distinção de responsabilidade social, que se enquadra no programa de responsabilidade social promovido pela Autarquia, à Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Ferreira do Alentejo e à Aggraria – Lagar, Lda, que, no ano de 2019, se destacaram no apoio a organizações ou iniciativas de interesse local, designadamente através de doações de natureza financeira e em géneros, a um conjunto de entidades individuais e coletivas do concelho.

“A vida pode ser tão simples”

Zé LG, 27.08.20

75282242_10215952297980047_956784899547725824_n Ma«A Rosa

A cabeça está cansada.

O corpo está exausto.

Por mais que tentasse não conseguiria descrever a luta dos dias que estão nos antípodas da palavra e do conceito “rotina”.

Quilómetros na estrada, de estrada, na rua, nas ruelas, caminhos longos e curtos, respostas na hora, pedidos que não param, história de vida que precisam de algo no momento, não quero que esperem, não podem esperar, não faz sentido a espera quando as armas, as ferramentas e a solução estão logo ali, à distância de um caminho longo ou curto mas logo ali. Tantas vezes a resposta e a solução são apenas uma palavra ou um apontar para o caminho certo, o tratar pelo nome próprio ou o olhar nos olhos. Ouvir. Saber ouvir.

 

 

Covid-19 & Igualdade, qual a realidade?

Zé LG, 16.05.20

ESDIME.jpg

A ESDIME lançou o desafio à população de partilhar representações sobre a igualdade em tempos de confinamento social devido à pandemia Covid-19, em formato escrito, desenho, fotografia, dança, música, escultura, etc, que serão divulgadas na página do Facebook do Gabinete VERA, “mostrando a criatividade e a importante reflexão”.

Alentejo de Excelência doou termómetros infravermelhos ao Hospital de Beja

Zé LG, 11.05.20

ULSBA-1-768x432.jpgA Alentejo de Excelência fez uma doação de 15 termómetros infravermelhos ao Hospital de Beja, adquiridos no âmbito da campanha de recolha de fundos que lançou em março com o objetivo de contribuir no combate à pandemia de Covid-19.
De acordo com Márcio Guerra, Vogal na Direcção da Associação Alentejo de Excelência, “este contributo é uma forma da sociedade civil de base dizer presente e de apoiar solidariamente as nossas instituições e os profissionais de saúde que estão na linha da frente, não podendo nós deixar de agradecer às cerca de 50 pessoas e às 12 empresas e organizações da região que contribuíram financeiramente para que esta doação fosse agora concretizada”.
Para além do Hospital de Beja também os hospitais de Évora, Portalegre e Santiago do Cacém receberam os termómetros.

ESTAR "reforça parcerias"para “chegar aos que estão em risco de exclusão social”

Zé LG, 28.01.20

202001271541359690.jpgA Associação ESTAR reforçou a sua “rede de parcerias” com o IPBeja e foi convidada pela Câmara Municipal para “coordenar e gerir a Loja Social de Beja.

A ESTAR revela que pode “receber doações de roupas, para todas as idades, calçado, mobiliário, produtos de higiene e de limpeza, mantas, cobertores, brinquedos, livros, entre outros”, no espaço cedido pelo IPBeja.

A Associação avança que a “partir de fevereiro será colocado ao dispor da comunidade mais um espaço de venda de produtos a preços muito reduzidos, que vai servir, igualmente, para fazer doações a quem seja sinalizado por alguma das entidades parceiras da ESTAR ou da Câmara Municipal.”

"Quando nos colocamos a questão sobre se temos um enviesamento racista, já é um bom sinal."

Zé LG, 09.12.19

racismo 001.jpg"(A História) É fundamental para compreender. O que a Europa está a fazer com os refugiados é igual ao que fez em relação aos estrangeiros, mesmo os que circulavam dentro do continente. Vejamos o meu país: a primeira vez em que joguei futebol numa equipa foi no clube Portugais de Fontainebleau. Éramos insultados para onde que fôssemos, porque representávamos os portugueses. Quando eu era jovem, os portugueses eram detestados em França, não eram vistos como sendo brancos pelos franceses."

"Claro que sim (Épossível ser-se racista sem o saber). O racismo tem uma enorme profundidade histórica. Obrigatoriamente, há comportamentos que passam de geração em geração. Quando nos colocamos a questão sobre se temos um enviesamento racista, já é um bom sinal. Se o racismo perdura na sociedade é, justamente, porque continua a existir muita gente que diz não ser racista, mas que reproduz comportamentos racistas. Até as pessoas que sofrem de racismo integram o discurso racista."

In: A Visão de 27/11/2019.

“Colaborar faz toda a diferença”

Zé LG, 16.09.19

govint.jpgO Fórum para a Governação Integrada (GovInt) promove ao longo de 2019 o Ano da Colaboração, uma iniciativa de âmbito nacional, que pretende mobilizar e inspirar a sociedade portuguesa para a relevância estratégica da colaboração.
A Câmara Municipal de Mértola está inscrita nesta iniciativa com projetos da área social onde é predominante a colaboração entre os parceiros sociais e foi convidada para estar presente no próximo dia 17, no âmbito do encontro “Colaborar faz toda a diferença”, que irá decorrer em Vila Nova de Gaia, para apresentar um desses projetos, a Unidade Domiciliária de Cuidados Paliativos de Mértola. Um projeto que prima pela colaboração entre 4 entidades do concelho, Câmara Municipal de Mértola, Santa Casa da Misericórdia da Mértola, Centro de Saúde de Mértola e Núcleo de Voluntariado de Mértola.

Associação ESTAR apresenta-se hoje em Beja

Zé LG, 16.07.19

A Biblioteca Municipal de Beja - José Saramago recebe, esta tarde, às 18:30, a apresentação pública da, recém criada, Associação ESTAR e do seu projeto Ser. Nesta sessão tomam posse, também, os órgãos sociais da ESTAR.

estar 1.jpgMadalena Palma, Inês Féria e Carla Martins são os “rostos” da Associação ESTAR, que nasceu da ideia de três licenciadas em Serviço Social de criarem o seu próprio emprego, com o papel importante da Incubadora de Empresas do Baixo Alentejo neste processo.

Castro Verde está a actualizar o “Diagnóstico Social”

Zé LG, 25.03.19

cv.jpgO Diagnóstico Social e o Plano de Desenvolvimento Social do Concelho de Castro Verde estão a ser actualizados pelos vários parceiros que fazem parte da Rede Social.

De acordo com o município “a actualização do Diagnóstico Social, instrumento para um bom plano de intervenção social no concelho, tem vindo a identificar os problemas e as necessidades do nosso território, no âmbito da saúde, habitação, educação, envelhecimento activo, igualdade de género, qualificação, emprego e empreendedorismo, associativismo”.
O Núcleo Executivo, enquanto órgão que integra o CLAS-Conselho Local de Acção Social (CLAS) vai apresentar, ainda durante este mês, os documentos para aprovação às 22 entidades parceiras.

Hoje é dia de luto nacional contra a violência doméstica

Zé LG, 07.03.19

201805141510178987.jpegO Governo decretou que hoje, 7 de março, é dia de luto nacional contra a violência doméstica e criou uma equipa técnica multidisciplinar para trabalhar na melhoria, e reforço, das respostas a este tipo de casos. A nova equipa multidisciplinar reúne-se, hoje, pela primeira vez. 
Neste dia de luto nacional, que é um ato simbólico, são homenageadas as vítimas e é renovado o propósito, coletivo, de se continuar a combater o flagelo da violência doméstica.

CPC de Beja tem Centro de Apoio à vida Independente

Zé LG, 20.02.19

cpc.jpgO CPCB- Centro de Paralisia Cerebral de Beja está, desde o mês passado, a desenvolver o projecto “Centro de Apoio à Vida Independente”, que surge no âmbito da candidatura aprovada aos Fundos Europeus Estruturais e de Investimento – Programas Operacionais do Portugal 2020.

Este projecto visa “disponibilizar assistência pessoal a indivíduos com deficiência e incapacidade para a realização de actividades da vida diária e de mediação em contextos diversos” e vai ser desenvolvido “durante 36 meses” e vai abranger “24 destinatários”.