Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Governo não avança com 2ª fase do Hospital de Beja, apesar da Recomendação da AR

Hospital-de-Beja-768x512.jpgO Programa de Investimentos na Área da Saúde (PIAS), aprovado em Conselho de Ministros e ontem publicado, pretende “alavancar o investimento, a recuperação e a melhoria de infra-estruturas e equipamentos do sector da saúde”, revela o Governo.

Fora do Programa ficou o alargamento do Hospital de Beja, apesar do Projecto de Resolução que recomenda ao Governo a construção da 2ª fase do Hospital Distrital de Beja, apresentado pelo PCP, sido aprovado pela Assembleia da República.

Face à ausência desta obra do Programa de Investimentos, João Dias, deputado do PCP eleito por Beja afirma que o Governo “despreza por completo” o distrito.

“a destruição do SNS começou em 2002, com os hospitais sociedades anónimas e que depois passaram a EPE's”

E contrariamente ao que seria expectável, a empresarialização do SNS acabou por agravar ainda mais a situação, fruto de gestões ruinosas no que concerne à contratação de pessoal, de todas as categorias, sem excepção. Quanto a mim a destruição do SNS começou em 2002, com a história dos hospitais sociedades anónimas e que depois passaram a EPE's, pois jamais um hospital deve ou pode ser gerido como uma empresa. Ou então se querem que de facto assim seja, legisle-se de forma mais flexível mas sem deixar de ser transparente.

...

Lamentavelmente muitos dos que aqui vêm não sabem do que falam. Outros, que não sabendo, anseiam por mais e melhores serviços de saúde, anseio esse de todo legitimo mas lamentavelmente não depende exclusivamente dos Conselhos de Administração mas sim de uma política central que teima em não marcar a diferença nas questões de saúde, que teima em ignorar as regiões do interior, mais despovoadas, em particular a nossa e de um conjunto de políticos locais que não só deveriam como têm a obrigação de se empenhar mais, que deverão de uma vez despir a camisola do(s) partido(s) e vestirem a da região pois todos juntos somos poucos para mudar as coisas, quanto mais com a falta de compromisso gritante a que vamos assistindo? E isto para não mencionar as questões estruturais e de fundo.

Vitor Paixão 14.04.2019 20:45, aqui.

Investimento de 40 milhões na canábis medicinal em Aljustrel cria 150 postos de trabalho

marijuana_reuters.jpgEm Portugal, foram investidos, até à data, 160 milhões de euros, mas este valor pode vir a aumentar depois do acordo entre os investidores da Terra Verde ser finalizado. Ao todo, serão criados 750 novos postos de trabalho que variam desde a mão-de-obra agrícola à especializada (farmacêuticos, biólogos e engenheiros químicos).

Com sede em Sintra, a RPK Biopharma, subsidiária do grupo Holigen, vai instalar a sua primeira fábrica em Aljustrel, num terreno de 72 hectares, depois de 18 meses a estudar o negócio. Segundo a imprensa internacional e local, depois de obter a licença por parte da Infarmed para a produção de mais de 500 mil quilos por ano de canábis, o grupo investiu 40 milhões de euros na nova fábrica e prevê a abertura de 150 novos postos de trabalho. A canadiana Flowr detém 19% do projeto.

“não parece que haja vontade política alguma para alterar o que quer que seja”

O problema do estado deprimente do hospital e da saúde do distrito, é complexo, vem bem de trás e não parece que haja vontade política alguma para alterar o que quer que seja.
A começar pelos autarcas da região, que lhe viram as costa e assobiam para o lado a dizer que esse é um assunto do poder central e que não lhes diz respeito.

Anónimo 13.04.2019 11:43, aqui.

Termina hoje em Beja o XVIII Simpósio Anual sobre suicídio

201904121523343397.jpgCom o apoio do Serviço de Psiquiatria da ULSBA, Beja tem estado a receber o XVIII Simpósio da Sociedade Portuguesa de Suicidologia, com a temática principal “Suicídio e comportamentos autolesivos: da investigação à ação”.
Hoje realizam-se duas mesas redondas programadas: “Prevenção do Suicídio em Espanha e no Brasil” e outra sobre “Educação e Saúde – dos projetos de prevenção aos cuidados especializados”.
Ana Matos Pires, directora do Serviço de Psiquiatria da ULSBA- Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo explica que a realização do Simpósio em Beja prende-se com número elevado de suicídios, que acontece na região.

Município de Alvito aderiu à Rede Portuguesa de Municípios Saudáveis

alvito.jpgO Município de Alvito é o mais recente aderente da Rede Portuguesa de Municípios Saudáveis, uma associação que tem como objetivo a promoção de hábitos e estilos de vida promotores de saúde e bem-estar.
Um Município saudável é o que coloca a qualidade de vida dos munícipes no centro da tomada de decisões, ou a que procura melhorar o bem-estar físico, mental, social e ambiental dos que nela vivem e trabalham.

Conselho de Administração da ULSBA com novos vogais

ULSBA-logoazul_800x800.jpgO Governo já nomeou, por despacho aprovado em Conselho de Ministros, Iria Cristina Martins Manangão Velez e Patrícia Isabel Silvestre Ataíde para os cargos de vogais executivas do Conselho de Administração da ULSBA, para completar o mandato em curso do atual órgão, atendendo à renúncia e à aposentação dos anteriores titulares, José Manuel Mestre e António Sousa Duarte.

De destacar que estas nomeações para as Unidades Locais de Saúde foram feitas ao abrigo do Regime Jurídico e os Estatutos aplicáveis às unidades de saúde do Serviço Nacional de Saúde, aprovado por este Governo, tendo passado um dos vogais a ser proposto pela respetiva Comunidade Intermunicipal", nome que no caso da ULSBA continua por indicar.

Leia também aqui e aqui.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Tem razão! No entanto é necessário não perder voz,...

  • Anónimo

    Foram buscar o antigo imperador JR .....dizem que ...

  • Anónimo

    O Imperador está suficientemente saudável para c...

  • Anónimo

    As odalascas vêm com o calor...

  • Anónimo

    Alguém sabe em que dia desfila o imperador, as oda...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds