Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
14
Mai 18

SOMINCOR-768x512.jpg

A empresa concessionária da Mina de Neves-Corvo realizou esta tarde o primeiro “Encontro” com a Comunidades de Castro Verde e tem agendados encontros com as populações de Almodôvar, amanhã; Aljustrel, na quarta-feira; Ourique, na quinta-feira e Mértola, na sexta-feira.

Desta forma a SOMINCOR pretende “contribuir para que todas as pessoas, empresas, associações ou outras entidades conheçam melhor” a sua actividade bem como as “perspectivas e projectos futuros”.

Segundo a empresa, esta aposta “assenta numa política de proximidade com as comunidades onde se encontra inserida, estabelecendo um relacionamento aberto e próximo”.

publicado por Zé LG às 22:43
10
Mai 18

201805041533011.jpg

Das 29 centrais fotovoltaicas sem tarifa subsidiada aprovadas pelo actual Governo, cinco localizam-se no distrito de Beja, num investimento avaliado em cerca de 121 milhões de euros.

Segundo fonte da Secretaria de Estado da Energia, estas cinco centrais solares representam uma potência instalada de 201 megawatts (MW), um quarto da potência total aprovada em termos nacionais.
A maior central (49 MW) fica no concelho de Ourique, que conta ainda com uma segunda central com a potência de 46 MW. Moura recebe mais duas centrais (uma de 48 MW e outra de 16 MW) e Ferreira do Alentejo uma (com 42 MW).

publicado por Zé LG às 17:09
05
Abr 18

cartaz_fpr_2018.jpg

Ver AQUI.

publicado por Zé LG às 12:48
01
Abr 18

025.JPG

publicado por Zé LG às 11:41
25
Mar 18

O Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Mineira (STIM) desconvocou a greve de três dias que estava prevista para a próxima semana, porque a paralisação não ir ter o "impacto pretendido", em virtude de a Somincor já ter superado "os objectivos de extracção e produção para o primeiro trimestre deste ano".
O conflito entre o STIM e a administração da empresa prolonga-se desde 2017, tendo mesmo motivado três greves no último trimestre do ano passado. Os trabalhadores continuam a reivindicar o fim do regime de laboração contínua no fundo da mina, a "humanização" dos horários de trabalho e a antecipação da idade da reforma para os funcionários das lavarias, entre outras exigências.

publicado por Zé LG às 10:18
18
Mar 18

mineiro.png

É pelo fim do regime de laboração contínua no fundo da mina, pela "humanização" dos horários de trabalho, pela antecipação da idade da reforma para os funcionários das lavarias, pela progressão nas carreiras, pela revogação das alterações unilaterais na política de prémios e pelo fim de alegadas pressões que os mineiros de Neves-Corvo, Castro Verde, têm nova greve agendada para 26 e 30 deste mês.

O Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Mineira acusa a Somincor de não quer negociar e de ter afastado quatro encarregados gerais das lavarias da mina por terem usado do direito à greve. A Somincor, por sua vez, acusa o sindicato de ser intransigente e não equacionar a competitividade e a sustentabilidade da empresa.

publicado por Zé LG às 18:01
18
Mar 18

cfotovol.jpg

Uma central fotovoltaica, com uma potência de 24 megawatts, vai começar a ser construída, em maio, em Castelo de Vide, num investimento de cerca de 20 milhões de euros, o de maior montante até agora realizado naquele concelho.

O projeto, que prevê a instalação de mais de 70 mil painéis solares, numa extensão de cerca de 50 hectares, vai ser desenvolvido na Herdade de Tendeiros e deverá estar conlcuido em novembro, sendo a energia produzida introduzida na rede nacional através da subestação de Alpalhão, no concelho de Nisa.

O projeto da responsabilidade da EXUS Management Partners Portugal foi apresentado esta sexta feira nos Paços do Concelho de Castelo de Vide.

publicado por Zé LG às 00:18
03
Mar 18

Somincor.jpg

Os trabalhadores da Somincor, empresa concessionária da mina de Neves-Corvo, suspenderam o pré-aviso de greve para os dias 5, 7 e 9 de Março, por estarem previstas para os próximos dias reuniões com a administração da empresa, que "poderão resultar em soluções para resolver o conflito laboral".
Recorde-se que os trabalhadores reivindicam o fim do regime de laboração contínua no fundo da mina, a "humanização" dos horários de trabalho e a antecipação da idade da reforma para os funcionários das lavarias, entre outras exigências.

publicado por Zé LG às 22:12
02
Mar 18

festival-do-cogumelo-800x305.jpg

Ver PROGRAMA.

publicado por Zé LG às 08:50
14
Fev 18

201802131054441327.jpg

Os trabalhadores da Somincor, vão avançar, no próximo mês, para uma nova greve, a quarta desde Outubro, revelou o STIM-Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Mineira.

Esta paralisação, que está marcada para aos dias 5, 7 e 9 de Março, foi decidida nos plenários de trabalhadores realizados na semana passada e surge devido à “ausência de uma proposta palpável” por parte da administração da Somincor, concessionária da mina de Neves-Corvo.
Na próxima 6ªfeira, está marcada uma reunião, entre uma delegação do STIM e a administração da Somincor, no Ministério do Trabalho, em Lisboa. Luís Cavaco, dirigente do STIM, acredita que pode haver uma luz ao fundo do túnel porque este conflito laboral um dia tem que acabar.
O fim do regime de laboração contínua no fundo da mina é uma das principais reivindicações, outras exigências passam pela humanização dos horários de trabalho, antecipação da idade da reforma para os funcionários das lavarias, progressão nas carreiras, revogação das alterações unilaterais na política de prémios e fim da pressão e da repressão.

publicado por Zé LG às 13:58
08
Fev 18

27751833_752454504953577_316535741467617540_n.jpg

publicado por Zé LG às 12:44
09
Jan 18

O canadiano Kanneth Lee Norris é o novo administrador-delegado da Somincor, empresa concessionária das minas de Neves-Corvo, no concelho de Castro Verde, apurou o "CA" junto de fonte oficial da empresa. De acordo com a mesma fonte, Kanneth Norris foi nomeado nesta segunda-feira, 8 de Janeiro, pela Lundin Mining (multinacional sueco-canadiana que é proprietária da Somincor), depois de Michael Welch, o até agora presidente do conselho de administração da empresa mineira, ter apresentado a sua demissão na passada quarta-feira, 3 de Janeiro.

publicado por Zé LG às 08:56
22
Dez 17

081120171103-373-greveSomincorGNR.jpg

Os trabalhadores da SOMINCOR estão, hoje, de regresso à greve. Uma paralisação de 24 horas, decretada pelo STIM-Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Mineira, que se repete, na próxima semana, das 6.00 horas do dia 27 às 6.00 horas do dia 28 e das 6.00 horas do dia 29 às 6.00 horas do dia 30.
As reivindicações continua a ser as mesmas de sempre pelo fim do regime de laboração contínua no fundo da mina, pela humanização dos horários de trabalho, pelo estabelecimento de protocolo, entre a empresa e a Segurança Social, que permita a antecipação da idade de reforma dos trabalhadores adstritos às lavarias, pastefill e backfill e central de betão, pela progressão nas carreiras, pela revogação das alterações unilaterais na política de prémios, pelo fim da pressão e repressão sobre os trabalhadores.

publicado por Zé LG às 01:14
13
Dez 17

Somincor-1859.jpg

O Sindicato dos Trabalha-dores da Indústria Mineira (STIM) apresentou um novo pré-aviso de greve para as minas de Neves-Corvo, para os dias 22, 27 e 28 deste mês, o terceiro apresentado nos últimos três meses, após um período de 14 anos de paz social na empresa.
Os trabalhadores reivindicam o “fim do regime de laboração contínua no fundo da mina” e a “humanização dos horários de trabalho”, o “estabelecimento de um protocolo entre a empresa e a Segurança Social que permita a antecipação da idade da reforma dos trabalhadores das lavarias, pastefill e backfill e central de betão” e a “progressão nas carreiras”.

publicado por Zé LG às 17:54
29
Nov 17

montagem-feira-montado-2017-artigo.jpg

Ver PROGRAMA.

publicado por Zé LG às 17:45
23
Nov 17

FCM17_WEB.jpg

publicado por Zé LG às 12:47
22
Nov 17

manchete_text_311020171052-183-aljustrelmina.jpg

O protesto que surge, por melhores salários, horários e condições de segurança no trabalho, abrange todos os trabalhadores nomeadamente os da empresa concessionária das minas, a Almina-Minas do Alentejo, e das outras duas empresas que prestam serviços no complexo mineiro, a EPDM-Empresa de Perfuração e Desenvolvimento Mineiro e Urmáquinas.

Jacinto Anacleto, dirigente do STIM-Sindicato dos Trabalhadores da Industria Mineira, critica o facto de grande parte dos trabalhadores terem um vencimento mensal de 600 euros, com horários diários de 10 horas. Jacinto Anacleto, aponta ainda o dedo às administrações das três empresas porque até agora têm recusado dialogar com o sindicato que representa os trabalhadores.
A realização da greve foi decidida no plenário geral de trabalhadores das minas, que decorreu no dia 18 de Outubro.

publicado por Zé LG às 00:10
20
Nov 17

0001 (1).jpg

O evento contará com a participação dos restaurantes “Flor do Campo” (Sabóia), “O Tarro” (Odemira), “O Jaime” (Boavista dos Pinheiros) e “Mar e Sol” (Vila Nova de Milfontes). Nas ementas estarão diversos pratos ou petiscos bem como sobremesas aromatizados com medronho.

O concelho de Odemira tem bastante tradição na produção de medronho e de aguardente à base de medronho, sendo um dos produtos estratégicos para o desenvolvimento e dinamismo económico do interior do concelho.

 

publicado por Zé LG às 13:48
19
Nov 17

SOMINCOR-1.jpg

A iniciativa é dirigida a jovens estudantes, entre os 16 e os 25 anos, dos ensinos secundário, profissional ou universitário ou jovens desempregados inscritos no Centro de Emprego e Formação Profissional de Beja. Os candidatos têm obrigatoriamente ser residentes em Castro Verde, Almodôvar, Aljustrel, Mértola ou Ourique.

“Promover a criatividade dos jovens e simultaneamente aproximarmo-nos da comunidade, abrindo novas formas de interação com todas as gerações, é um dos nossos objetivos. Queremos uma SOMINCOR cada vez mais integrada nas comunidades, e ter connosco um trabalho artístico de qualidade, criado por jovens da nossa região, será um enorme motivo de orgulho”, salienta Dina Diogo, do Departamento de Comunicação e Responsabilidade Social Empresarial da SOMINCOR.

Os jovens interessados podem candidatar o projecto de reabilitação até dia 28 de Fevereiro de 2018.

publicado por Zé LG às 16:38
09
Nov 17

201711080755241.jpg

O Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Mineira (STIM) critica a presença da GNR na mina de Neves-Corvo, no concelho de Castro Verde, nos últimos dois dias, acusando-a de estar a "interferir na greve em curso na Somincor" e a Unidade de Intervenção da GNR de se colocar "do lado patronal e contra a luta dos mineiros". "Trata-se de uma inaceitável interferência, que tem como propósito limitar o normal funcionamento do piquete de greve. Mas o recurso à força policial é também revelador de uma postura anti-democrática da administração da Somincor e da multinacional Lundin Mining".
O sindicato acrescenta ainda que "os mineiros contribuem com o seu árduo trabalho para a riqueza nacional e para os lucros da multinacional". "São trabalhadores e não podem ser tratados como criminosos".
O STIM anunciou que na sexta-feira, 10, os trabalhadores de Neves-Corvo vão deslocar-se a Lisboa, para manifestar o seu descontentamento face à situação na Somincor junto do Ministério do Trabalho.

publicado por Zé LG às 08:45
Maio 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
29
30
31
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Em Beja as palhaçadas são mais isto:Áurea Dâmaso ·...
Em Beja também se trabalha nisso: https://www.face...
As empadas altas são muito boas!
Dizer mal de tudo e de todos é um passatempo nacio...
eheheheh não resisto, adoro o "para ali vão passar...
Já era tempo de essa pastelaria/ restaurante vir p...
O DN, sabe-se lá bem porquê, parece se o único jor...
Boa reportagem https://www.dn.pt/portugal/interior...
Esqueçam a eletrificação da linha férrea, o IP8 e ...
Os eleitores de Beja, tal como os de Portalegre, i...
Bem visto! Já agora era útil que se demonstrasse e...
E não é que a senhora tem toda a razão! Para não f...
Realmente é uma autêntica vergonha o péssimo estad...
No Baixo Alentejo os eleitores não votam em indepe...
Ponham ali os olhos, políticos do Baixo Alentejo. ...
blogs SAPO