Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Orçamento Participativo 2022 de Beja já tem vencedores

Zé LG, 08.07.22

imgLoaderUrl.jpgEncerrou no dia 1 de julho de 2022 a votação online desta primeira edição do Orçamento Participativo 2022 de Beja, com um total de 169 votos apurados. “Hortas Comunitárias – Requalificação e Ampliação”, a implementar na freguesia de Salvador e Santa Maria da Feira, “Construção polidesportivo descoberto”, na freguesia de Beringel e “Ares de Beja”, foram as propostas mais votadas.
Os projetos vencedores serão inseridos no Orçamento e Opções do Plano do Município de Beja para o ano de 2023. A autarquia investirá, nos três projetos vencedores, um total de até 150 mil euros, no máximo de 50 mil euros por projeto.

A (falta de) segurança da Avenida Salgueiro Maia

Zé LG, 24.05.22

Há uns anos, quando ainda gastava tempo a pensar na minha Cidade, sugeri à Câmara Municipal de Beja que ponderasse a criação de uma rotunda (ou algo parecido) no cruzamento das Ruas Salgueiro Maia e Ivo Góis Figueira, como forma de assegurar mais segurança a quem circula pela primeira, designadamente às crianças que frequentam a Escola Mário Beirão. Completei a sugestão com a possibilidade de criação de outra rotunda, no cruzamento das ruas Salgueiro Maia e Vasco da Gama, o que reduziria ainda mais os traçados sem obstáculos, reforçando ainda mais as condições de segurança. A sugestão foi rejeitada, de imediato e sem qualquer ponderação, com o argumento da sua inviabilidade. O mesmo usado, uns anos antes, quando avancei com as propostas de criação de um parque de estacionamento no Largo dos Correios e de uma rotunda no cruzamento das avenidas Vasco da Gama com a das Piscinas, que o tempo veio a viabilizar...

Rua Salgueiro Maia.pngInfelizmente, têm-se registado vários acidentes na Salgueiro Maia, o úlimo dos quais no passado fim-de-semana, com várias vítimas.

Presidente da Câmara de Odemira diz que melhoraram condições dos migrantes

Zé LG, 28.04.22

202204271020322769.PNGO presidente da Câmara de Odemira, Hélder Guerreiro, garantiu que foram dadas respostas “fortemente” transformadoras no território, no último ano, para melhorar as condições de vida e de habitabilidade dos trabalhadores migrantes das explorações agrícolas, revelndo que “já existem aprovados e estão a ser implantados no território” alojamentos temporários em diferentes explorações agrícolas “com capacidade para 2.000 pessoas”.

No entanto, e apesar de estar garantida habitação “para cerca de 2.000 pessoas, na próxima campanha” agrícola, o presidente da câmara defendeu que é preciso monitorizar as condições desses trabalhadores “dentro das explorações agrícolas”, sublinhando que “Vamos estar atentos e perceber como é que a coisa corre, até no sentido de garantir que estas pessoas, estando em alojamentos nas explorações agrícolas, estão bem”.

A Câmara de Odemira está a “trabalhar com o Governo” para criar “uma espécie de Balcão do Cidadão”, com tradutores, dedicado à população migrante que reside no concelho, que poderá “aliviar” os “serviços de interesse geral”, como as Finanças ou a Segurança Social, que estão muito “pressionados”.

[Queremos] desenvolver um plano proativo de inclusão” para que “parte destas pessoas não sejam temporárias”, mas sim “habitantes em definitivo no concelho de Odemira”, avançou o presidente da câmara, Hélder Guerreiro. 

IP vai lançar empreitadas para melhorar as condições de circulação do IP8, incluindo as variantes a Beringel e Figueira dos Cavaleiros

Zé LG, 10.02.22

202102161631532211.jpgDe acordo com a Infraestruturas de Portugal (IP) estão em curso os Projetos de Execução, no IP 8, identificados como: LD STB/BJA /Ferreira do Alentejo, incluindo a construção da variante a Figueira de Cavaleiros e Ferreira do Alentejo / Beja, incluindo a construção da variante a Beringel, com lançamento de empreitadas previsto para o 2º semestre de 2022.

Reabilitação do troço entre Beja e a fronteira (Vila Verde de Ficalho) - estão previstas três empreitadas cujos projetos de execução se encontram em diferentes fases, estando o lançamento das empreitadas previsto para 2024: Beja / Serpa -Projeto a lançar; Serpa / Vila Nova de São Bento - Projeto em fase de conclusão; Vila Nova de São Bento / Vila Verde de Ficalho - Projeto a lançar em 2022.

Ainda segundo a IP atendendo à evolução dos pavimentos ao longo do corredor do IP8 e no intuito de acorrer às intervenções identificadas com maior prioridade, está em execução uma empreitada de conservação corretiva do pavimento, já se encontrando em execução trabalhos de correção de pavimento no troço da EN259, sendo que seguidamente se seguirá a EN121 e por sua vez a EN260.

AM de Beja aprovou Orçamento e Mapa de Pessoal para 2022

Zé LG, 25.01.22

20211125141104932.jpgO Orçamento e o Mapa de Pessoal do Município de Beja para este ano foram aprovados em Assembleia Municipal (AM) extraordinária, com os votos a favor dos eleitos do PS e as abstenções dos deputados municipais da CDU e do Beja Consegue!.

Ana Horta justificou o voto a favor do PS, dizendo que é “um orçamento realista e ambicioso”, relevando o “novo edifício do CEBAL”, o “Orçamento Participativo” e o “reforço do quadro de pessoal”. Manuel Oliveira, justificou o voto da CDU, frisando que “há um retrocesso na questão dos apoios à cultura e desporto incompreensível”, “investimento insuficiente nos arruamentos e vias municipais” e “falta de reforço no que se refere ao pessoal operacional e para as escolas”, lamentando que “as suas propostas não tenham sido acolhidas”. José Pinela Fernandes do Beja justificou o voto da Beja Consegue!, referindo que embora se pretendesse um “orçamento mais ambicioso, se dá o benefício da dúvida” e identificou a falta de “estratégia local de habitação” e do “investimento na Circular Sul”.

“Orçamento Participativo” de Castro Verde já tem vencedores

Zé LG, 19.11.21

Camara-de-Castro-Verde-OP-2021-logo-1024x576.jpg“Jardim Sensorial”, da Associação para Acompanhamento do Desenvolvimento Infantil e Juvenil (APADIJ), e “Melhoramento do Parque de Merendas do Jardim da Sete”, apresentada por Sofia Candeias, foram as propostas vencedoras do Orçamento Participativo de Castro Verde, na Vila e nas freguesias rurais do concelho, respectivamente.

O Orçamento Participativo de Castro Verde tem como objetivo aproximar os munícipes das políticas públicas municipais através da recolha e integração de propostas de utilidade coletiva no Orçamento Municipal.

Beja Consegue! propõe um Território Sustentável e pressionar os governos centrais

Zé LG, 22.09.21

240546721_212386657602529_5234234582785899545_n.jpNesta que é a última publicação antes do esperado dia 26 de Setembro, apresentamos os dois últimos pontos prioritários, acompanhados de algumas propostas,  para encerrarmos a apresentação do nosso programa eleitoral.

Relembramos que o nosso programa eleitoral, intitulado “Beja a 30 anos” encontra-se inteiramente disponível em www.bejaconsegue.com;

  1. “BEJA – UM TERRITÓRIO SUSTENTÁVEL”
  • Melhorar a limpeza urbana, adquirindo novos equipamentos (Lava Ruas), reforçando as equipas e criando um piquete para recolha ao fim-de-semana;
  • Promover e defender o Mundo Rural junto dos órgãos de decisão e dos cidadãos na generalidade, tornando-o o principal agente de desenvolvimento económico e social do concelho.
  • Fiscalizar e penalizar más práticas, para promover uma agricultura moderna, eficiente, sustentável e lucrativa;
  1. PRESSIONAR OS GOVERNOS CENTRAIS
  • Dinamizar o aeroporto de Beja através da captação de investimento na vertente industrial, criação de fatores de atratividade da região para a criação de novas rotas a partir de Beja, sem descurar a vertente de carga;
  • Realizar as acessibilidades necessárias à região: Eletrificação e modernização da ferrovia entre Casa Branca – Beja – Funcheira;
  • Concretizar os Blocos de Rega da segunda fase de Alqueva, tais como Bloco de Rega Cabeça-Gorda/Trindade;

Chegou a hora de mudar Beja, de mostrar que Beja vai conseguir afirmar-se como verdadeira Capital.

É fundamental dar voz às pessoas, aproximar o município dos Bejenses, trabalhar envolvendo todos os colaboradores, de forma transparente e aberta, criando uma verdadeira equipa, que partilhe um único objetivo – melhorar Beja!

Contamos com o contributo de muitos bejenses, com a sua dedicação, vontade, criatividade e entusiasmo, apenas e só, porque são Bejenses ou se fixaram em Beja e querem cá continuar.

Dia 26 vamos ter uma oportunidade! Com Todos, Consigo, Beja Consegue!

Texto da responsabilidade da candidatura da coligação Beja Consegue! à Autarquia de Beja.

Candidatura da CDU à Autarquia de Beja aposta na “Melhoria dos serviços do Município”

Zé LG, 21.09.21

Criar melhores condições de trabalho como meio de qualificação dos serviços

Alvitrando 21.09 foto.jpg

> Zelar pela aplicação do princípio de que os trabalhadores do Município constituem a base essencial de concretização de qualquer política autárquica e são o rosto dos serviços prestados à comunidade;

> Assumir que é determinante a melhoria contínua das condições de trabalho, o envolvimento dos trabalhadores nos processos de organização do trabalho e de concretização de objetivos;

> Implementar um sistema de higiene e segurança no trabalho que venha a reforçar a componente da saúde ocupacional e bem-estar…;

> Criar uma lavandaria no Parque de Materiais…;

> Construir balneários no Parque de Materiais e requalificar as instalações sanitárias do Parque de Materiais, Viveiro Municipal, Jardim Público, Cemitério;

> Requalificar a “Casa da Varredura”, para dotar o espaço de condições mínimas para acolher os trabalhadores e melhorar o edifício da oficina de pintura…;

> Prosseguir com a remoção do amianto nas instalações – oficinas – do Parque de Materiais e reforçar a aquisição de equipamentos de proteção individual…

Texto da responsabilidade da candidatura da CDU à Autarquia de Beja.

PS cumpriu apenas 29% das medidas propostas há quatro anos, segundo o "MAIS BEJA"

Zé LG, 18.09.21

bEJA.pngO “MAIS BEJA”, baseando-se no programa eleitoral do PS à Câmara Municipal de Beja, com o título “SOMOS BEJA - FAZER DIFERENTE” para as autárquicas de 2017 - Programa eleitoral autárquicas 2017.pdf – e em diversas outras fontes, fez a avaliação das propostas mais relevantes (na sua opinião) e concluiu que; medidas cumpridas -10; em fase de execução - 8; não cumpridas - 17. Em resumo, o plano proposto pelo PS foi concretizado apenas em 29%.

E acrescenta que: “Acredito que para muitos dos projetos, houve justificações para as suas não conclusões, que foram alheias à Câmara Municipal, mas tal nunca foi explicado, uma vez que enviei vários e-mails, aos quais nunca obtive resposta e que muito provavelmente teriam mudado parte desta minha avaliação.”

Veja aqui e comprove esta pertinente análise, feita de forma exaustiva ao cumprimento das medidas propostas pelo PS há quatro anos, pelo “MAIS BEJA”.

Candidatura da Beja Consegue! à Autarquia de Beja possegue divulgação do seu Programa Eleitoral

Zé LG, 15.09.21

240546721_212386657602529_5234234582785899545_n.jpDando continuidade a alguns pontos relevantes do nosso programa eleitoral, que começaram a ser expostos na passada semana, apresentamos mais três prioridades eleitorais acompanhadas por algumas propostas concretas

Relembramos que o nosso programa eleitoral, intitulado “Beja a 30 anos” encontra-se inteiramente disponível em www.bejaconsegue.com;

4 – BEJA – QUALIDADE DE VIDA

> Criar balcões “Beja Saúde Balcão” nas juntas de freguesia;

> Promover a criação de unidade de cuidados continuados;

> Requalificar os Moinhos de Santa Iria, para acolher um espaço destinado à cultura, investigação e lazer;

> Criar o Parque Desportivo Dr. Flávio dos Santos, multifuncional, com os seguintes equipamentos: Piscina coberta, skate park, campo de futebol 9, zonas de lazer e restauração, para usufruto da população e entidades desportivas da região.

5 - BEJA - INCLUSIVA

> Facultar aulas de português como facilitador para processos de integração de imigrantes;

> Articular com as entidades empregadores, associações e autoridades para que se promova a procura de trabalho justo e desincentivar a subsídio-dependência;

> Reforçar as dinâmicas já existentes junto da população idosa, apoiando projetos como Universidade Sénior, Projeto Com_Vida, Centro Social do Lidador, Projeto “Ao encontro de um amigo”;

6 – BEJA – ACOLHEDORA

> Reativar o Posto do Turismo no centro da cidade, mantendo o existente no Castelo;

> Criar o programa “Guia por um dia”, incentivando jovens e menos jovens a fazerem de guias aos turistas que nos visitam;

> Criar uma Aplicação que agregue a informação existente sobre a cidade e que se encontra dispersa em vários formatos, facilitando a visitação;

Há variadissímas propostas e projetos que apresentámos em todas as áreas. A inclusão, a populção idosa, a cultura, a requalificação do nosso património histórico são prioridades de todas as candidaturas. Contudo, como queremos executar? Apenas resolver os planos de curto-prazo? Essas soluções não têm sido viáveis. A solução é o Beja Consegue!

Texto da responsabilidade da Beja Consegue! à Autarquia de Beja.

“Palavra dada é palavra honrada”, garantiu o PS há quatro anos em Beja. Será que cumpriu?

Zé LG, 14.09.21

PS.jpgNa apresentação do programa eleitoral do PS para o concelho de Beja, em 2017, Paulo Arsénio e outros participantes na sessão, ressalvaram que o programa contemplava medidas onde o PS pretendia fazer “melhor e diferente”, destacando, entre outras:

- “atracção de investimento” com criação líquida de postos de trabalho é uma prioridade; criação de um Fundo Municipal de Apoio ao Investidor, num valor de um milhão de euros, que deverá ser um “complemento” em situações decisivas;

- criação de uma Comissão de Protecção de Idosos em Risco, de uma unidade móvel de pequenas reparações e a promoção do arrendamento jovem no centro histórico e nas freguesias;

- conclusão da circular externa da cidade que permita ligar o Bairro da Conceição à zona do Parque de Feiras e Exposições e a ligação directa da rotunda do Cemitério ao Bairro do Moinhos;

- “maior discernimento” na distinção entre entretenimento e cultura e ainda a valorização do Dia da Cidade;

- aumento de 5% da verba transferida da Câmara Municipal para as Freguesias e a criação de um Balcão Municipal Itinerante;

- cerca de 350 mil euros para o Orçamento Participativo, criar a figura do Provedor do Munícipe e revitalizar os conselhos municipais e consultivos;

- fazer um debate público sobre o Flávio dos Santos;

- recuperação da Festa do Livro e do concurso Galeria Aberta.

Daqui e daqui.

Candidatura da CDU à Autarquia de Beja quer "Reforçar dinâmicas culturais e criar agenda diversificada de eventos e iniciativas"

Zé LG, 14.09.21

PAX JULIA.jpgAfirmação da Cidade e Concelho

Reforçar dinâmicas culturais e criar uma agenda diversificada de eventos e iniciativas com capacidade para atrair visitantes (Cont…)

  • Apoiar a criação cultural e artística, com dinâmicas locais associadas às Indústrias Criativas e atividades culturais, criando condições de atração e fixação de profissionais da cultura e retomar iniciativas como o alojamento/residências artísticas e a tutoria para desenvolvimento de dinâmicas culturais; reabilitar o edifício público na Rua do Sembrano para espaço de apoio à criação artística;
  • Criar um Festival dedicado às Polifonias projetando o Cante Alentejano no exterior;
  • Recriar o Gabinete de Apoio ao Movimento Associativo, como forma de consolidação e de estímulo às dinâmicas associativas, recuperando a iniciativa ‘feira do movimento associativo’;
  • Reforçar os meios de transporte de apoio às áreas socio cultural e desportiva e intervir na beneficiação dos equipamentos desportivos no Concelho;
  • Realizar obras de modernização e ampliação do Pavilhão Municipal João Serra Magalhães e construir o Polidesportivo do Bairro do Pelame na zona de expansão habitacional (Quinta D´El Rei ao Bairro do Pelame);
  • Reabrir o processo de qualificação do espaço desportivo do Flávio Santos na perspetiva de encontrar a melhor vocação urbana de interesse para a comunidade, desenvolver o projeto e encontrar formas de financiamento.
    Texto da responsabilidade da candidatura da CDU à Autarquia de Beja.

Nuno Palma Ferro afirma que “o voto útil”, nestas autárquicas, “é no Beja Consegue!”

Zé LG, 13.09.21

BC.jpgNuno Palma Ferro, na apresentação do Programa Eleitoral do Beja Consegue!, apontou para a “vitória”, passando em revista um Programa Eleitoral que foi “o resultado do trabalho de 60 pessoas e da audição feita a 80 instituições, entidades e pessoas individuais", esclarecendo que este “não é um programa fechado” e “pode ser atualizado até ao dia 26” e que “pensa Beja a 30 anos”, saindo dos “círculos eleitorais de quatro anos”.

São oito os pilares em que assenta o Programa Eleitoral do Beja Consegue! - “Beja – um concelho amigo do investimento”, “Beja – um concelho para os jovens”, “Beja Smart City – um concelho para amanhã”, “Beja – qualidade de vida”, “Beja – inclusiva”, “Beja – acolhedora”, “Beja – um território sustentável” e “Pressionar os governos centrais”.

Nuno Palma Ferro deu alguns exemplos do que defende: “o presidente da Câmara “deve ser o embaixador da região”, “construção da Circular Sul para otimizar a entrada/saída da Cidade, na zona da Quinta d’El Rei na direção de Serpa”, a criação de uma “Unidade de Cuidados Continuados”, “reativar o Posto de Turismo, mantendo o do Castelo”, “investir e criar forma da cidade viver a ruralidade”, é “preciso fazer este trabalho, todos juntos, no sentido de se conseguir a concretização dos projetos estruturantes: IP8 + autoestrada, aeroporto e ferrovia”.

Candidatura da CDU quer a "Afirmação da Cidade e Concelho" de Beja

Zé LG, 11.09.21

Centro Hist├│rico.jpgReforçar dinâmicas culturais e criar uma agenda diversificada de eventos e iniciativas com capacidade para atrair visitantes:

> Projetar o Centro Histórico como fator de afirmação de uma identidade urbana marcante e de valores patrimoniais como fator de desenvolvimento socio cultural e económico do Concelho;

> Reabilitar a Casa da Cultura, recuperando a sua função de espaço-oficina, como equipamento de suporte fundamental para a formação e a criação de ideias, projetos e dinâmicas na área da cultura;

> Potenciar o Pax Júlia e melhorar as suas condições técnicas e logísticas, através de uma estratégia que afirme este equipamento como uma referência na programação cultural do país, planeando em conjunto com os agentes criadores e entidades que intervêm no domínio da cultura;

> Criar e dinamizar o Museu de Banda Desenhada incorporando a Bedeteca de Beja;

> Constituir um Museu Romano no espaço atualmente denominado ‘Centro de Artes e Arqueologia’ e reabilitação da sua zona exterior e de importantes vestígios arqueológicos para abertura ao público e potenciar o turismo histórico;

> …           Texto da responsbilidade da candidatura da CDU à Autarquia de Beja.

PS apresentou “programa de intenções e não de ideias fechadas”, “de continuidade”, “ambicioso e realista” à Câmara de Beja

Zé LG, 10.09.21

PS.jpgA candidatura do PS à Câmara de Beja apresentou o compromisso que assume com os munícipes para o quadriénio 2021-2025, que vai ser distribuído a partir do dia 14 deste mês.

“O programa apresentado é de intenções e não de ideias fechadas”, disse Paulo Arsénio, relevando que “o compromisso que assume é de “continuidade e de coisas novas, assim como de obras prontas para andar.” Um programa “ambicioso e realista”, com “82 propostas” divididas pelos mesmos eixos, sete, que compunham o programa avançado há quatro anos - Beja Educa, Beja Empreende, Beja Cuida, Beja Habita, Beja Vive, Beja Descentraliza e Beja Participa.

Paulo Arsénio destacou, entre outros, os seguintes projectos: recuperação do Flávio dos Santos, “requalificar o Parque de Campismo”, “terminar o Fórum Romano”, a “1ª fase de recuperação da Casa da Cultura”, o “monumento ao combatente”, “terminar a 2ª fase do Acolhimento Empresarial Norte”, “concluir a revisão do PDM até 2022”, “a captação de investimento” com apostas “claras” na “aeronáutica e industria agro-alimentar”, “estimular a coesão e promover a fixação de jovens nas freguesias rurais para contrariar a perda de população que se tem feito sentir”, “aumentar em 20% a intervenção na rede viária do concelho” e fazer “a 2ª fase dos percursos acessíveis”, o “regresso das Semanas Abertas às Freguesias e o Orçamento Participativo”, o "1º Congresso dos Bejenses na Diáspora”.

REQUALIFICAÇÃO DO COMPLEXO DESPORTIVO FERNANDO MAMEDE

Zé LG, 01.08.21

20541570_2BTLD.jpeg"Para já, está a decorrer a substituição de relva sintética do campo nº1, um processo que será rápido, e a que se segue a obra de requalificação do campo relvado natural.
Recorde-se que este projeto do Município de Beja contempla intervenções nos campos relvados natural e sintéticos, na pista de atletismo, a criação de novos balneários e bancada coberta, bem como de um novo campo de futebol de apoio que representa um investimento total de 830.000€."

Orçamento participativo de Castro Verde recebeu 20 propostas

Zé LG, 05.07.21

202101171840291921.jpgA população do concelho de Castro Verde apresentou um total 20 propostas ao Orçamento Participativo para o ano de 2022, que serão até 31 de agosto avaliadas pela Comissão Técnica de Análise com vista à admissão e/ou exclusão.

De 1 a 16 de outubro, após a publicação da lista final, os munícipes podem votar nas propostas disponíveis na plataforma do OP Castro Verde, em http://op.cm-castroverde.pt, bastando para isso proceder ao registo na plataforma, que conta até ao momento com 685 participantes inscritos. As propostas vencedoras a incluir no Orçamento Municipal para 2022 serão divulgadas a 18 de outubro de 2021.

PNOP prevê “a modernização das linhas ferroviárias de Beja e Faro” e "inclui eletrificação da linha ferroviária até à Funcheira"

Zé LG, 10.04.21

201910301911353392.jpgO Plano Nacional de Investimentos (PNI) 2030 prevê “a modernização das linhas ferroviárias de Beja e Faro, num projeto que ascenderá aos 230 milhões de euros”. Propõe, igualmente, “eletrificar todas as linhas de comboio do país até ao final da década” e de acordo com o plano de investimento, "todas as linhas para serviço de passageiros ficarão prontas para receber comboios elétricos até ao ano de 2025". Já no que se refere às mercadorias, "os trabalhos estarão concluídos até 2030”.

Florival Baiôa, do Beja Merece+, revelou o que está incluído no PNOP, referindo-se à ligação ferroviária até à Funcheira e a possibilidade da mesma passar também pelo aeroporto de Beja, e frisou que os estudos deverão “avançar ainda este ano, pelo menos é essa a perspetiva”.

Informe do presidente da Câmara sobre as obras em Beja

Zé LG, 01.04.21

166992342_1167526133679628_6373420107566883107_n.j

Paulo Arsénio informa, na sua página do FB, o seguinte:

«Passeio da Avenida Zeca Afonso em fase avançada.

Faltam os pilaretes numa zona do passeio e as lajes até ao lancil.

Obra por empreitada.

Na mesma empreitada estão incluídas mais 3 pequenas obras que se seguem;

A par desta decorrem neste momento,