Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Primeiro Sistema Integrado de Gestão do Montado experimentado na Herdade da Coitadinha

Zé LG, 14.08.22

JRN.JA_.17808-133841-690x450.jpgO Projecto LIFE Montado-Adapt, concluído em Junho e coordenado pela Associação de Defesa do Património de Mértola (ADPM), teve como objectivo impulsar a adaptação do Montado, em Portugal e Espanha, aos efeitos das alterações climáticas. A Herdade da Coitadinha – Parque de Natureza de Noudar, propriedade da EDIA, foi onde decorreu a experiência, tendo sido implementado o primeiro Sistema Integrado de Gestão do Montado.

O projecto de Defesa do Montado criou ainda uma rede de trabalho e de intercâmbio de conhecimentos, com os olhos postos no futuro com o ambiente sempre presente. 

Nova residência de alunos do IPBeja tem candidatura aprovada

Zé LG, 24.07.22

202207220942462189.jpgA candidatura conjunta do Instituto Politécnico de Beja (IPBeja) e da Câmara de Beja para a construção de uma nova residência com 503 camas, no âmbito do Plano Nacional para o Alojamento no Ensino Superior (PNAES) financiado pelo Programa de Recuperação e Resiliência (PRR), foi selecionada para beneficiar de um investimento de 15 milhões de euros, a executar até 2026.

O IPBeja fonte adianta que “acima de tudo, esta nova residência irá qualificar a oferta de alojamento estudantil, permitindo com isso melhora a atractividade do Instituto e da cidade através da qualidade e disponibilidade da oferta”. Daqui e daqui.

Misericórdia e Município de Beja assinam protocolo para concretização de Cidadela

Zé LG, 03.07.22

Screenshot 2022-07-02 at 22-06-22 Misericórdia e O protocolo define a forma de apoio financeiro a disponibilizar pela autarquia e acentua o interesse no Ante-Projeto do Espaço Cidadela da Misericórdia face ao importante impacto que pode ter na zona da cidade onde se pretende implementar. A Misericórdia prevê ter condições de apresentar a maqueta no prazo de um ano e quer que este seja “um projeto inclusivo” e integrar outras entidades.
João Paulo Ramôa, Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Beja, frisa que o terreno, com 4,5 hectares, localizado no Bairro dos Moinhos, tem condições para albergar vários projetos, sejam públicos, sejam privados, na área da saúde e do sector social.

Projeto “+Solo + Vida” luta contra a desertificação da área natural do Vale do Guadiana

Zé LG, 02.07.22

202206301508291956.jpgO início do mês de julho fica marcado pelo arranque do Programa Territorial “+Solo + Vida”, um dos quatro projetos aprovados a nível nacional pelo Fundo EEAGrants, aviso “Projetos de preparação para condições meteorológicas extremas e de gestão de riscos no contexto das alterações climáticas”. O projeto é promovido pela ADPM e tem como entidades parceiras a Cooperativa Agrícola do Guadiana, a Natural Business Intelligence, a Universidade do Algarve e a International Development Norway.

Pretende-se igualmente capacitar os atores locais, nomeadamente os agricultores, para a adoção de boas práticas agrossilvopecuárias de combate à degradação do solo nos concelhos abrangidos pela área do Parque (Mértola e Serpa); realizar um diagnóstico das principais barreiras à adoção de boas práticas e desenvolver um modelo de governança para impulsionar a adaptação às alterações climáticas a nível local; e aplicar demonstrativamente 10 boas práticas, com elevado potencial de replicação, em 94 hectares nas explorações silvo agropecuárias do Parque.

Inauguração de Instalação de Arte de Rua, na Mina de S. Domingos

Zé LG, 01.07.22

I WAS HERE, I’LL BE HERE_Pøbel e Tamara Alves.jA instalação de street art I Was Here, I’ll Be Here, de Pøbel e Tamara Alves, será inaugurada a 2 de Julho às 18h00, na Mina de São Domingos, resultante do diálogo entre dois artistas - um português e um norueguês -, que criaram duas instalações no espaço público, que reflete essa experiência e que dá vida aos espaços que ocupam. Esta atividade contou com a realização de uma oficina de street art com a comunidade. + informações: https://www.malacate.pt/

Projecto da Biblioteca e Arquivo de Grândola conquistou Prémio FAD

Zé LG, 26.06.22

bbl-grd.jpgO edifício inaugurado em abril de 2021, com assinatura dos arquitetos Pedro Matos Gameiro e Pedro Domingos, foi galardoado com o Prémio FAD – cidade e paisagem, o mais antigo prémio Europeu e um dos mais prestigiados do Mundo na área da arquitetura. Foi o único projeto português distinguido com o Prémio FAD 2022. O Júri considerou que «a relação e sucessão de espaços públicos e coletivos gerados pela Biblioteca e Arquivo do Município de Grândola, apresenta novos desafios para a arquitetura pública».

AR aprova projeto do PCP que defende valorização e reconhecimento do Ensino Superior Politécnico

Zé LG, 25.06.22

20220130195536716.jpgFoi aprovado, ontem, na Assembleia da República, o Projeto de Lei de autoria do PCP que defende a "Valorização e reconhecimento do Ensino Superior Politécnico", reconhecendo a possibilidade dos mesmos poderem passar a conferir o grau de doutor.

João Dias, deputado eleito por Beja e dos subscritores do projeto, diz que o PCP não aceita “que o Ensino Superior Politécnico continue a ser alvo de uma política de desvalorização, que entende o Ensino Superior Politécnico como um Ensino Superior de segunda categoria.

Estação Biológica de Mértola procura estreitar relações com Universidade de Marrocos e assinou acordo com Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Zé LG, 17.06.22

Mértola-EB-768x432.jpgA Estação Biológica de Mértola convidou a Professora Soumia Fahd, Vice-Reitora da Universidade de Tetouan, em Marrocos, para conhecer o projeto, pretendendo que aquele estabelecimento de ensino seja “um parceiro ativo no território, integrado no Conselho Científico e Educativo da Estação Biológica”, segundo Mário Tomé, presidente da Câmara Municipal de Mértola.

A Associação Estação Biológica de Mértola (EBM) e a Fundação para a Ciência e a Tecnologia assinaram, esta semana, um protocolo tendo em vista o financiamento de bolsas de investigação para 20 doutoramentos nos domínios científicos estratégicos da Estação Biológica.

Ministra da Agricultura destaca projeto-piloto de energia renovável da ABRoxo

Zé LG, 13.06.22

202206111945413085.jpgEste projeto vai “acrescentar o equilíbrio entre o desenvolvimento económico” e o “desenvolvimento ambiental”, além de permitir “diminuir a pegada ecológica” e “fixar mais carbono”, frisou a ministra Maria do Céu Antunes, após a sessão de apresentação da Comunidade de Energia Renovável do Roxo, em São João de Negrilhos.

A Comunidade de Energia Renovável é um projeto-piloto da Associação de Beneficiários do Roxo (ABRoxo), gestora deste perímetro de rega que beneficia mais de 8.500 hectares nos municípios de Aljustrel e Ferreira do Alentejo (Beja) e Santiago do Cacém (Setúbal), e da Federação Nacional de Regantes de Portugal (Fenareg).

O presidente da ABRoxo, António Parreira, disse que o objetivo “é ter 8.500 hectares” do aproveitamento “regados com energia praticamente a custo zero”, realçando que: “Seremos o primeiro perímetro de rega no país a fornecer água com pressão com energia produzida por nós próprios”.

No âmbito da Comunidade de Energia Renovável do Roxo, foi assinado um acordo com a Transwater, com sede em São João de Negrilhos e que produz tubos de betão com alma de aço, utilizados sobretudo para abastecimento de água, que vai permitir à empresa adquirir à associação energia a um custo mais reduzido face ao praticado pelos operadores energéticos.

Pavilhão de Diabetologia da ULSBA, apoiado pela CIMBAL, EDIA e SOMINCOR, foi inaugurado no Hospital de Beja

Zé LG, 10.06.22

202206091042289960.PNGA CIMBAL revela que “este projeto tem como objetivo prestar os melhores cuidados de saúde às crianças, grávidas, adultos e idosos do Baixo Alentejo, com Diabetes Mellitus” e que “estes doentes receberão o tratamento e acompanhamento similar a outras zonas do País”. É ainda adiantado que “os mais jovens, terão a oportunidade de ter uma “bomba infusora” de insulina, o tratamento mais inovador para quem tem Diabetes Tipo 1.”

EDIA quer transformar os alunos em “exploradores da natureza”

Zé LG, 05.05.22

biodiversidade-768x432.jpgA EDIA lançou um repto às escolas do 1º ciclo ao Ensino Secundário, para participarem numa atividade denominada “Biodiversidade em Alqueva”, enquadrada no programa “Alqueva vai à escola”, onde promove atividades de educação ambiental, patrimonial, visitas guiadas às suas instalações e dinamiza ações em prol do desenvolvimento socioeconómico do território.
A EDIA quer que os alunos “fotografem, identifiquem e aprendam a flora e fauna do ecossistema Alqueva, usando a aplicação iNaturalist no telemóvel ou tablet”. A atividade é livre e gratuita e decorre nos meses de maio e junho, podendo ser realizada na envolvente da escola, no campo ou numa saída programada pelo estabelecimento de ensino.

Campus Sul, um ´desassossegar’ dos problemas das áreas do interior e litoral do sul

Zé LG, 08.04.22

imgLoader2.ashx.jpgEnsino, investigação e inovação são os eixos que conduzem o novo projeto da Universidade de Évora (EU), da Universidade Nova de Lisboa (UNL) e da Universidade do Algarve (UALG) para agitar o sul do país. O consórcio entre as três instituições de ensino pretende “promover o desenvolvimento de uma área específica do território nacional através da valorização social, cultural e económica”, colocando ao serviço do sul o melhor conhecimento possível para “responder aos desafios que a região enfrenta, ou seja, a resiliência, a coesão territorial e a sustentabilidade”.

Em termos práticos o objetivo é criar ciclos de estudos em determinadas áreas importantes da e para a região, como a agricultura, o mar e o património, o turismo, a energia e a gestão da água, que em conjunto com os Centros de Conhecimento Aplicado e Inovação para a Sustentabilidade (CAIS), constituídos por qualquer “ator da região, seja ele do setor público, privado ou social” possam interligar os conteúdos teóricos e os conhecimentos reais e profundos vividos no território.

O Campus Sul, pretende não só ser uma experiência transformadora no ensino, mas sobretudo um ´desassossegar’ dos problemas das áreas do interior e litoral do sul, como por exemplo a falta de mão-de-obra qualificada, o envelhecimento populacional e o elevado índice de desertificação.

Município de Serpa e ICNF assinaram protocolo de cooperação para estudo da flora e vegetação da Serra de Ficalho

Zé LG, 16.03.22

275553445_327768622729583_5068129147215411877_n-69O Município de Serpa, o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a Universidade de Évora (UÉ), assinaram um protocolo de cooperação com o objectivo da recolha de informação, análise e estudo da flora e vegetação da Serra de Ficalho, considerada como um excelente objecto de estudo científico e de preservação, pelo seu enquadramento geográfico, características biofísicas e paisagísticas, biogeográficas e bioclimáticas.

O protocolo tem uma vigência de 15 meses, podendo ser extensível até aos 24 meses, sendo que estão previstas, além das actividades de carácter científico, a edição de um livro prático de identificação de espécies vegetais.

OLEAdapt pretende ajudar olivicultores sobre as oliveiras em que devem apostar no futuro

Zé LG, 13.03.22

P1100885 - Cópia.JPGUma equipa de investigadores da Universidade de Évora (UÉ) desafia os agricultores, associações, cooperativas e empresas a estarem atentos aos olivais: ao registar a localização do seu olival e identificar as variedades associadas, ajuda-os a desenvolver uma base de dados de distribuição geográfica das variedades cultivadas em Portugal. A informação partilhada pelos olivicultores permitirá aos investigadores ajudar a indústria do olival a adaptar-se melhor às alterações climáticas, aumentando a resiliência desta cultura agrícola. A ideia é transferir conhecimento sobre quais as variedades que os olivicultores devem apostar no futuro.

O projeto OLEAdapt é liderado pela Universidade de Évora, no qual participam vários investigadores do MED, e tem como parceiros o CEBAL e o INIAV e é financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia.

IPBeja candidata construção de residência estudantil com 500 quartos ao PRR

Zé LG, 05.03.22

Residência-IPBeja-768x430.pngA proposta na ordem dos 15 milhões de euros, agora submetida ao Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) com a participação da Câmara de Beja, sob a forma de “manifestação de interesses”, procura “dar resposta à crescente dificuldade sentida pelos estudantes do IPBeja, quando procuram alojamento na cidade de Beja no início de cada ano letivo”, revela o Instituto, acrescentando que: “O aumento das camas oferecidas pelo IPBeja e a sua concentração num único edifício irá favorecer a captação de novos alunos para a cidade de Beja e ganhos de eficiência na própria gestão das residências”.

CIMBAL aprovou proposta de tarifas dos transportes públicos

Zé LG, 16.02.22

imgLoader2.jpgO Conselho Intermunicipal da CIMBAL aprovou, na última 2ª feira, o projeto de Regulamento Intermunicipal que estabelece as regras para a implementação do PART-Programa de Apoio à Redução Tarifária nos transportes públicos do Baixo Alentejo. O documento aprovado, de acordo com a legislação em vigor, vai ser submetido a consulta pública, pelo período de trinta dias, prevê a aplicação de valores únicos de passes municipais, 30 euros, intermunicipais, 40 euros e inter-regionais, com origem em Municípios do Baixo Alentejo, 50 euros. Prevê também a possibilidade de aplicação destes valores aos passes ferroviários, logo que seja possível.

Projeto de expansão do zinco arranca na mina de Neves-Corvo

Zé LG, 11.02.22

202202101417253896.jpgO projeto de expansão do zinco (ZEP) nas minas de Neves-Corvo, em Castro Verde (Beja), avaliado em 360 milhões de euros, vai entrar em produção no primeiro semestre deste ano, revelou hoje o administrador-delegado da empresa concessionária.

“Depois dos atrasos verificados pela suspensão do projeto em 2020, por causa da pandemia, e depois da recuperação em 2021”, este “será o ano em que o ZEP iniciará produção”, disse António Salvador, considerando-o “fundamental para a sustentabilidade futura” daquela que é a maior empresa da região.

Daqui e daqui.

E agora todos têm parte... em Alqueva

Zé LG, 08.02.22

202202072338436271.jpgDuas décadas após encerradas as comportas da barragem e de ter sido dado início ao enchimento da albufeira de Alqueva, eis que aparece tanta gente a a pretender assumir a paternidade do projecto, a garantir que "também tem parte" nele. Não posso deixar de me lembrar da anedota do relógio de Aguiar e da encomenda enviada pelo padre...

Para não me alongar muito, deixo aqui três das datas recordadas pel' O ATUAL, que talvez ajudem a avivar a memória de alguns:

1975: Conselho de Ministros aprova realização do projeto da barragem do Alqueva.

1976: Criação da Comissão do Alqueva e início das obras preliminares.

1978: Interrupção das obras.

(Lembram-se dos governos que tomaram estas decisões?)

Distinguido na Europa projeto do CEBAL para desenvolver filmes de plásticos biodegradáveis à base de extratos da planta de cardo

Zé LG, 21.01.22

imgLoader2.ashx.jpgO projeto “CynaraMulch”, das investigadoras Fátima Duarte e Teresa Brás, pretende desenvolver filmes de plástico biodegradáveis à base de extratos de cardo (nome científico Cynara), como alternativa aos plásticos amplamente utilizados pelo setor agrícola. A ideia de negócio conquistou o terceiro lugar do concurso EIT Jumpstarter 2021, na categoria de matérias-primas, além de vencer o prémio EIT Jumpstarter – X-KIC Prize, destinado à ideia de negócio mais multissetorial, revela o CEBAL.

Nesta edição, participaram 548 equipas, incluindo a do CEBAL, pertencente ao grupo de investigação de “Compostos Bioativos” daquela unidade de investigação alentejana, que foi uma das 42 selecionadas para a final, realizada em dezembro.