Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Hospital Central do Alentejo vai ser uma realidade

 

6855_big.jpgO Primeiro-Ministro, o Ministério da Saúde e o Ministério do Planeamento e Infraestruturas apresentaram, em Évora, o projecto de financiamento do novo Hospital Central do Alentejo, no âmbito da reprogramação do Portugal 2020, que contará com 40 milhões de euros de fundos europeus FEDER de um investimento previsto de cerca de 150 milhões de euros, aos quais acrescerão custos com equipamentos na ordem dos 31 milhões de euros. 

O novo hospital terá um perfil assistencial diversificado, contando com um plateau tecnológico diferenciado, componente de radioterapia, de medicina nuclear e de meios de diagnóstico e terapêutica, polivalência de cuidados de saúde, valência de cuidados paliativos, desenvolvimento das áreas de ambulatório e alargamento a várias especialidades clínicas,  inexistentes na região, representando a criação de valor para toda a área de influência do hospital e de melhoria das condições de atractividade para profissionais de saúde. 

 

PCP apresenta projecto da Lei de Bases da Saúde

49467916_1887484091350928_5221402122683154432_n.jpA DORBE do PCP apresenta, esta tarde, pelas 18 horas, na Casa da Cultura, em Beja, o Projecto do PCP da Lei de Bases da Saúde, com a participação de João Dias, deputado na Assembleia da República e de Jorge Pires, da Comissão Política do Comité Central do partido.

João Dias diz que o PCP quer apresentar um projecto que “garanta e fortaleça o serviço nacional da saúde”, considerando que a actual Lei de Bases da Saúde “é responsável pela degradação do serviço nacional de saúde” e defende que “o serviço de saúde privado deve ser um complemento ao serviço nacional de saúde público”.

LIFE LiveAdapt - Adaptação às Mudanças Climáticas dos Modelos de Produção Pecuária Extensiva na Europa

201901081011147326.jpgSegundo a ADPM, um dos parceiros do projecto, as mudanças climáticas estão a ter um impacto negativo na indústria agrícola e pecuária, particularmente no sul da Europa, provocando por um lado escassez e deterioração da qualidade da água e das pastagens, por outro a erosão dos solos devido a situações de chuvas torrenciais e alterações nos padrões de pragas e doenças. Para fazer frente a este processo, foi lançado este novo projecto LIFE LiveAdapt-Adaptação às Mudanças Climáticas dos Modelos de Produção Pecuária Extensiva na Europa.

Beja vai ter percursos mais acessíveis

Beja-1-768x432.jpgA proposta da Câmara de Beja para a Implementação de Percursos Acessíveis na Cidade de Beja, “na ordem dos 800 mil euros”, foi aprovada e “aguarda neste momento o resultado da submissão para efeitos de financiamento” e procura melhorar a acessibilidade, preservando os elementos históricos e do carácter identitário dos espaços.

O projecto “resultará da eliminação de barreiras urbanísticas, do redimensionamento das áreas de passeio bem como, da implementação de corredores livres e ainda, a utilização de materiais com texturas diferenciadoras de modo a aumentar a capacidade de percepção e orientação por parte de pessoas com deficiência”.

Os percursos serão mais acessíveis junto ao castelo, na Praça da Republica e no largo do Museu, algo que tornará “as deslocações pedestres mais fáceis para as pessoas com deficiência e com mobilidade reduzida” ao mesmo tempo que, “facilita [a deslocação] da população com boas capacidades de locomoção”.

Investigação do Outeiro do Circo volta a ser apoiada pela autarquia de Beja

201901021501025321.jpgMiguel Serra, um dos arqueólogos responsáveis pelas escavações no Outeiro do Circo, afirma que aquilo que está previsto surge no âmbito do trabalho que está a ser desenvolvido, desde 2014, naquele povoado da Idade do Bronze e que este novo projecto, a desenvolver entre 2019 e 2021, volta a contemplar para além da vertente de escavações, um conjunto de iniciativas paralelas.

Câmara de Moura avança com Reabilitação da Piscina Municipal

6766_big.jpgO contrato de financiamento da obra de reabilitação da Piscina Municipal de Moura, no âmbito do “BEM – Beneficiação de Equipamentos Municipais”, já assinado, tem como objectivo a reabilitação da estrutura existente, aplicação de novo revestimento interior dos tanques, repavimentação do espaço envolvente ao tanque principal, introdução de caleiras e instalação de elevador de transferência hidráulico.

A intervenção tem um investimento elegível no valor de 298.953,01 euros, sendo a comparticipação proveniente do programa “BEM” no valor de 93.928,90 euros.

A Câmara Municipal já aprovou a abertura de procedimento para empreitada de reabilitação da Piscina Municipal.

Castro Verde vai ter Zona de Atividades Económicas

O Programa Alentejo 2020 vai comparticipar em 85% a construção da Zona de Atividades Económicas (ZAE), com um investimento global superior a 1 milhão e 700 mil euros.

20181221122635415.jpg

A obra, cujo concurso será lançado no início de 2019, numa área de mais de 53 mil metros quadrados, vai permitir a criação de 39 lotes para acolher empresas que queiram desenvolver a sua atividade económica.

A criação da ZAE permitirá tirar partido das dinâmicas da atividade mineira e, simultaneamente, fomentar a atração de investimentos, o nascimento de novas empresas e a criação de mais postos de trabalho em Castro Verde, segundo a Câmara de Castro Verde.

Lançado Concurso Público para Concessão de Exploração do Convento do Carmo em Moura

 

201812171044201980.jpgJá foi lançado o concurso relativo à integração do Convento do Carmo de Moura no projeto “Revive”.

 

Com o lançamento deste concurso, o processo relativo ao Convento do Carmo fica disponível na página de internet do “Revive”, em revive.turismodeportugal.pt, onde os potenciais investidores poderão consultar toda a informação relativa à transformação deste imóvel numa unidade hoteleira com 50 quartos, classificação mínima de 4 estrelas, cujo contrato de concessão prevê um investimento de cerca de 8 milhões de euros.

“Incubadora de Inovação Social do Baixo Alentejo valoriza o território” e já tem projectos para avaliar

201812162059085343.jpgJá foi inaugurada a Incubadora Social do Baixo Alentejo, sediada em Beja, na Capela de Nossa Senhora do Rosário, junto à Igreja de Santa Maria. Trata-se de um projeto, formado por uma equipa jovem, cofinanciado entre a Portugal Inovação Social e a Câmara de Beja, que pretende criar condições favoráveis ao surgimento de projetos sociais inovadores na região, apoiando a sua implementação e desenvolvimento.

João Cascalheira, da Incubadora de Inovação Social do Baixo Alentejo, revelou que há um mês que esta estrutura está a funcionar, embora a inauguração tenha sido na passada sexta-feira, e que já há projetos inovadores para avaliar. Mapear e avaliar os projetos do território é a fase que se segue, referiu João Cascalheira, apelando ao contacto de quem tenha ideias para colocar em prática.

A Incubadora de Inovação Social do Baixo Alentejo, com sede, em Beja, na Capela de Nossa Senhora do Rosário, junto à Igreja de Santa Maria, tem 36 meses para mostrar resultados.

Comentários recentes

  • João Espinho

    Parabéns.

  • Anónimo

    Essa administradora escreve muito sobre essa e out...

  • Anónimo

    Uma administradora que frequenta o Alvitrando tamb...

  • Anónimo

    Esses boys nem com cursinho intensivo.Já lã não vã...

  • Anónimo

    Ainda vão a tempo de um cursinho intensivo?

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.