Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Novo sumo da Compal com sabor a Figo da Piteira do Alentejo

Zé LG, 07.09.20

figo_india.pngEra um segredo bem conhecido dos alentejanos que, desde sempre, foram muito apreciadores das qualidades e propriedades dos figos da Índia. Conhecido por vários nomes: piteira, tabaibo, figo do diabo etc. mas mais conhecido é mesmo por figo da Índia (Opuntia ficus-indica).

No Alentejo, são acompanhamento de várias comidas como o gaspacho ou a sopa de tomate. Pode comer-se de várias formas, fresco ou seco, mas também em sumos ou até bebidas alcoólicas e, apesar de sempre ter sido consumido em Portugal de forma esporádica e por pouca gente, em 2009, a cultura do Figo da Índia conheceu um enorme crescimento e foi até criada uma associação para os proteger, a AFROFIP.

Têm sido produzidas cerca de 80 toneladas de figos da Índia por ano, e a conhecida marca nacional de sumos, a Compal, lança agora um sumo com sabor Figo da Piteira do Alentejo, oriundo de Cortiçadas de Lavre, concelho de Montemor-o-Novo.

CNA e CAP defendem intervenção portuguesa, espanhola e da UE para travar “presunto ibérico americano”

Zé LG, 24.08.20

9973_big.jpg

Em causa está a importação, por duas empresas norte-americanas, de porcos pretos da Península Ibérica para fabricarem, nos estados do Texas e da Geórgia, aquilo que designam de “presunto ibérico americano”.

O dirigente da CNA João Dinis considerou que, “a confirmar-se esse tráfico que adultera na origem um produto de qualidade reconhecida – ... – é mais uma má consequência do sistema”, salientando ainda que “o credenciado presunto ibérico tem a ver não só com a forma como os animais são gerados, com a sua linha genética (que, no caso de uma raça autóctone, é algo que é preciso assegurar), mas também com o seu ‘habitat’ e as suas condições de crescimento”.

Também para o secretário-geral da CAP, Luís Mira, não é o facto de se importarem porcos pretos ibéricos para os EUA que vai substituir a produção autóctone deste animal e dos seus derivados.

Câmara de Vidigueira promove Semana Gastronómica do Gaspacho e da Tomatada

Zé LG, 14.08.20

2020-SG-GASPACHO-E-TOMATADA---NET_484X383.jpgIntegrada nesta iniciativa vai decorrer online, hoje, a partir das 16 horas, "conversas de cozinha - valorizar e promover a gastronomia local", com o seguinte programa:

Tema: "Gastronomia em tempo de Pandemia" - Amílcar Malhó | Jornalista de Gastronomia e Vinhos  

Tema: "Reinventar a minha cozinha - dinâmicas de promoção do património gastronómico" Saudade Campião | Chef de cozinha (Restaurante A Pipa - Beja).

Consulte AQUI as ementas dos restaurantes aderentes: A Cascata | Canto do Rossio | O Raposo | O Trilho | País das Uvas | Restaurante Quetzal | Taberna da Tia Jacinta.

Mercado de Santo Amaro regressa hoje

Zé LG, 20.06.20

Feira do Queijo do Alentejo, em Serpa

Zé LG, 27.02.20

imgLoader.jpg

Enchidos, azeite, vinho e mel, frutos secos, artesanato e outros produtos regionais e nacionais de referência estarão igualmente presentes.

Destaque ainda para as oficinas de fabrico de queijo, exposição de ovinos e demostrações de tosquia de ovelhas. As tasquinhas voltarão a oferecer aos visitantes gastronomia e os petiscos locais. Atividades culturais e animação musical completam o programa, destacando-se as prestações dos grupos concelhios de Cante Alentejano, Património Cultural Imaterial da Humanidade desde 2014.

Integrado na Feira decorrerá o Concurso “O Melhor Queijo da Feira do Queijo do Alentejo”, este ano com uma nova categoria, "Inovação", que visa premiar queijos com apresentações distintas das tradicionais, valorizando a capacidade empreendedora do setor. Ler mais aqui.

Semana Gastronómica do Queijo começa hoje em Serpa

Zé LG, 21.02.20

brochura_site_001.jpg

A Semana Gastronómica pretende ser um factor de promoção não apenas da Feira do Queijo do Alentejo, que vai decorrer entre 28 de Fevereiro e 1 de Março mas também da gastronomia local enquanto património cultural e produto turístico, ao mesmo tempo que incentiva a inovação e a criatividade nos pratos da gastronomia local, como forma de cativar novos clientes. Consulte lista de restaurantes aderentes.

Feira de Doçaria Conventual e Regional de Beja

Zé LG, 14.11.19

cartaz doces_page-0001.jpgO curso profissional de Técnico de Animação em Turismo do Agrupamento de Escolas nº 2 de Beja organizam mais uma Feira de Doçaria Conventual e Regional de Beja, este ano, integrada no Congresso Internacional sobre Mariana Alcoforado, onde se poderá comprar bolos, licores e compotas, peças de artesanato, assistir a momentos musicais e de dança/ginástica, a um workshop de doces para diabéticos e, ainda, assistir à leitura de alguns excertos das cartas de Mariana Alcoforado.

Queijo de Ovelha Curado Amanteigado do Vimieiro conquista Medalha de Ouro no World Cheese Awards, em Bérgamo

Zé LG, 24.10.19

queijo.jpgA competir com quase quatro mil produtos, oriundos de todo o mundo, o Queijo de Ovelha Curado Amanteigado da Queijaria Monte da Vinha, com produção no Vimieiro, concelho de Arraiolos, convenceu o painel de 16 jurados quanto ao seu “corpo, cor, textura, consistência e, acima de tudo, sabor” — os itens em análise, durante uma prova cega que decorreu na enorme arena do centro de exposições de Bérgamo, Itália. “Trouxemos o Gold do World Cheese Awards em Bérgamo, na nossa primeira participação, entre 3804 queijos provenientes de 42 países que concorreram em prova cega”, anuncia a empresa numa publicação nas suas redes sociais, concluindo que este é “o reconhecimento do amor e dedicação com que a nossa equipa faz o melhor queijo”. Daqui.