Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

José Cid recebe Grammy de Excelência Musical 

cid.jpgO músico português José Cid recebeu esta quarta-feira, numa cerimónia em Las Vegas, nos Estados Unidos da América, um Grammy de Excelência Musical, da Academia Latina de Gravação, cuja atribuição foi anunciada em Agosto. O Grammy de Excelência Musical é atribuído “a artistas que fizeram contribuições de significado artístico excepcional para a música latina”, de acordo com informação disponível no site da Academia.

José Albano Salter Cid Ferreira Tavares torna-se assim no segundo português a receber o Grammy Latino de Excelência Musical — o Lifetime Achievement Award. Carlos do Carmo, que se despediu dos palcos com o concerto de 9 de Novembro no Coliseu dos Recreios, em Lisboa, foi o primeiro português a ser distinguido com este prémio da Latin Recording Academy (em 2014). 

Nucia Pocero vence “Prémio Internacional de Serpa para Álbum Ilustrado”

album-ilustrado-2019-768x432.jpgA edição deste ano do “Prémio Internacional de Serpa para Álbum Ilustrado”, promovido pela Câmara de Serpa com a colaboração da editora Planeta Tangerina recebeu 232 candidaturas de 27 países.
A Câmara de Serpa anuncia que “Ñam”, de Nucia Pocero (Espanha), foi a obra vencedora desta terceira edição.
A iniciativa tem como objectivos “fomentar e desenvolver a qualidade literária e artística do álbum ilustrado e estimular a criação de novos projectos nessa área”.

Mais de uma centena de automóveis antigos cruzam a planície alentejana

48 horas.jpgO 48 Horas Alentejo realiza-se até domingo, dia 3 de novembro e atingiu, um número recorde de participantes, com mais de 100 automóveis em competição nesta 24ª edição. O percurso de 2019 passa pelos concelhos de Beja, Serpa, Moura, Vidigueira, Ferreira do Alentejo e Grândola.

Luís Brito, director do “48 Horas Alentejo” - considerado “um dos melhores eventos de automóveis clássicos realizados em Portugal pelas suas características únicas que juntam dois percursos turístico e desportivo de elevada qualidade” -, assegura que esta é a maior concentração de automóveis clássicos no Alentejo.

Queijo de Ovelha Curado Amanteigado do Vimieiro conquista Medalha de Ouro no World Cheese Awards, em Bérgamo

queijo.jpgA competir com quase quatro mil produtos, oriundos de todo o mundo, o Queijo de Ovelha Curado Amanteigado da Queijaria Monte da Vinha, com produção no Vimieiro, concelho de Arraiolos, convenceu o painel de 16 jurados quanto ao seu “corpo, cor, textura, consistência e, acima de tudo, sabor” — os itens em análise, durante uma prova cega que decorreu na enorme arena do centro de exposições de Bérgamo, Itália. “Trouxemos o Gold do World Cheese Awards em Bérgamo, na nossa primeira participação, entre 3804 queijos provenientes de 42 países que concorreram em prova cega”, anuncia a empresa numa publicação nas suas redes sociais, concluindo que este é “o reconhecimento do amor e dedicação com que a nossa equipa faz o melhor queijo”. Daqui.

Estrela eleita “Aldeia dos Sonhos 2019”

estrela.jpg

A Aldeia dos Sonhos é um programa promovido e organizado pela Fundação INATEL, pelo sexto ano consecutivo, dirigido a aldeias com menos de 100 habitantes.

Constituída por 50 residentes permanentes, a localização, isolamento e simplicidade conferem à Aldeia da Estrela um encanto especial, cheio de potencialidades turísticas. É um local paradisíaco, com magnificas paisagens e onde podemos respirar a calma e a tranquilidade alentejanas.

Desafio à Câmara de Beja: Concorrer ao Prémio Cidades Educadoras para Boas Práticas de Inclusão e Democratização da Cultura

LOGO-PREMI-AICE-2016-PT.jpgEstá aberta a convocatória da 3ª edição do Prémio Cidades Educadoras, que reconhece e dá visibilidade internacional ao trabalho que é desenvolvido nas Cidades Educadoras e destaca boas práticas inspiradoras para outras cidades na construção de contextos mais educadores.

O Prémio será concedido a três experiências inovadoras de três cidades associadas diferentes, que se destaquem no tema “Inclusão e democratização da cultura”. 

 

Poderá constituir uma excelente oportunidade de mobilizar e envolver toda a gente, designadamente a comunidade escolar, as entidades e agentes culturais e sociais num projecto inovador da “inclusão e democratização da cultura”.  Fica o desafio.

Alunas da Universidade de Évora vencem prémio com tenda biónica para refugiados

ue.jpgO concurso de melhores ideias de negócio Born from Knowledge 2019, promovido pela Agência Nacional de Inovação, atribuiu ao Nautilus, um projeto desenvolvido na Universidade de Évora, o prémio inovação na categoria “Materiais e Tecnologias Avançadas de Produção”.

Inês Secca Ruivo e Cátia Bailão Silva conceberam uma tenda biónica, que promete ajudar as pessoas em risco humanitário, mas que também poderá ser comercializada para o público em geral. A tenda Nautilus, além de ser um abrigo facilmente transportável, incorpora um tecido com propriedades hidrofílidas e hidrofóbicas, que permite a recolha, recuperação e conversão da humidade ambiental em água limpa e segura para ingestão, bem como seu armazenamento e transporte. Com um design atrativo, a tenda, para uma ou duas pessoas, é facilmente montada e desmontada, e, graças às suas alças ergonómicas, é perfeitamente transportável de forma confortável nas deslocações.

As mentoras do projeto, que teve início em 2015, com a tese de mestrado de Cátia Bailão Silva, perspetivam produzir e distribuir as tendas Nautilus em 2022.

Campo Arqueológico de Mértola distinguido com “IV Prémio Sísifo a la Investigación, Defensa y Difusión del Património Arqueológico”

cam.jpgO Campo Arqueológico de Mértola (CAM) vai receber, nesta quinta-feira, o “IV Prémio Sísifo a la Investigación, Defensa y Difusión del Património Arqueológico” 2019, atribuído pela Associação Arqueología Somos Todos, da área de arqueologia da Universidade de Córdoba.

O júri do Prêmio Sísifo decidiu por unanimidade, atribuir o galardão em “reconhecimento pelo trabalho de pesquisa, protecção, e revitalização do património arqueológico e cultural desta localidade, que se tornou um modelo internacional de arqueologia integral”, refere a Associação Cultural da Universidade de Córdoba.

Prémio Carlos Paredes 2019 atribuído a disco gravado no Musibéria

prémio.jpgA editora Respirar de Ouvido, fundada em 2018, no Centro Musibéria, em Serpa, revela que a obra do seu catálogo: "Serpente Infinita”, do violetista e compositor português José Valente, foi distinguida com o Prémio Carlos Paredes 2019, atribuído pela Câmara Municipal de Vila Franca de Xira.

O CD "Serpente Infinita” já tinha sido reconhecido como um dos discos do ano 2018 pela revista jazz.pt.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Palavras para quê? É o PS no seu melhor nas instit...

  • Anónimo

    Factos são factos. Palavras para quê??!

  • Anónimo

    "os filhos da casa" vão resolver o assunto!...o qu...

  • Anónimo

    Deixo aqui um post que retirei do Facebook, de um ...

  • Anónimo

    Não concordo. Como bem diz, dada a manifesta incap...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.