Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aeroporto de Beja “pode e deve ser complementar” aos de Lisboa e Faro, defende o PAN

Zé LG, 27.02.24

202402271420585622.jpgDe passagem pelo Aeroporto de Beja, no âmbito da campanha para as eleições legislativas de março, a porta-voz do PAN, Inês Sousa Real, após se encontrar e ouvir as reivindicações de Manuel Valadas, porta-voz do movimento Melhor Alentejo, Inês Sousa Real, acompanhada pelo cabeça de lista por Beja, Luís Coentro, lamentou que exista “um aeroporto praticamente fantasma”, salientando que: “Esta infraestrutura está criada e tem, inclusivamente, arcas frigoríficas de grande dimensão que podiam potenciar a própria agricultura da região e a nossa soberania e capacidade económica de exportação de bens e produtos”. Considerando que esta infraestrutura também podia ser complementar aos aeroportos de Lisboa e Faro, defendeu uma aposta na ferrovia e a inclusão das obras nas ligações a Beja no Plano Nacional de Investimentos (PNI). Daqui e daqui.

André Silva sai do PAN alegando que o partido “perdeu a coluna vertebral”

Zé LG, 06.02.24

Sem nome (12).pngAndré Silva, o primeiro deputado eleito pelo partido, em 2015, anunciou a desfiliação do PAN, alegando que o partido “perdeu a coluna vertebral” ao apoiar o Governo Regional da Madeira. “A minha militância no partido torna-se impossível de suportar quando o PAN persiste no apoio à perpetuação de um regime tentacular cujo modo de agir tem vindo a ser exposto e cria repulsa a qualquer democrata”, escreveu o antigo porta-voz.

PAN preferia o novo aeroporto em Beja

Zé LG, 24.01.24

911af7aa209e00b49f3d6fd2afa92564-4-783x450.jpgInês de Sousa Real, líder do PAN, disse que o seu partido não vai viabilizar um eventual governo formado pela AD, após as eleições legislativas do dia 10 de Março, porque “não faz qualquer sentido” ver na AD uma alternativa para o país.
Recordou que Marcelo Rebelo de Sousa “contribuiu para a instabilidade política que o país tem vivido. Esta ameaça constante de dissolução, já que ainda não fomos a eleições, caso não haja estabilidade… Sabemos onde quer chegar: há aqui um saudosismo por Passos Coelho”.
Inês de Sousa Real preferia ter o novo aeroporto em Beja, ligado depois à linha de alta velocidade. Mas “há uma ausência de visão em relação à ferrovia”.

Inês de Sousa Real recebida com protestos no Aeroporto de Beja, garantiu que a coesão territorial é uma prioridade para o PAN

Zé LG, 20.01.22

202201201652183134.jpgA porta voz do PAN, Inês de Sousa Real, fez a viagem entre Lisboa e Beja de comboio e à chegada à cidade Pax Julia defendeu que já deveria ter sido feita uma aposta no Alfa Pendular que ligasse todas as capitais de distrito, considerando fundamental apostar na modernização das linhas ferroviárias e das carruagens. Garantiu que a coesão territorial é uma prioridade para o PAN, considerou que o aeroporto de Beja pode dar um bom contributo nesse sentido trazendo para esta região o desenvolvimento que tanto precisa e voltou a dizer não ao novo aeroporto no Montijo.

A líder do PAN, Inês Sousa Real, foi hoje recebida com insultos por um grupo de pessoas ligadas à tauromaquia na chegada ao aeroporto de Beja, tendo considerado que “nada justifica o insulto e a ofensa”, lembrando que “não é assim” que se defendem “as diferentes causas e visões” para a sociedade. “É profundamente lamentável, inclusivamente que outras forças políticas se juntem a vozes que ofendem, em regra, as mulheres, com adjetivações que não são aceitáveis numa sociedade civilizada”, sublinhou.

Bruno Ferreira, do MBM+, entregou um memorando a Inês Sousa Real onde explica o porquê “desta infraestrutura ser aproveitada, a Linha Ferroviária do Alentejo ser eletrificada e o IP8, ser transformado numa verdadeira autoestrada”.

PAN recoloca Aeroporto de Beja no debate sobre as localizações preferenciais para o novo aeroporto

Zé LG, 10.01.22

PAN PS.pngFrente ao primeiro-ministro, a porta-voz do PAN reiterou que continua a insistir em Beja como sendo uma das localizações preferenciais para o novo aeroporto, a par com uma aposta na ferrovia. António Costa, por sua vez, acusou o PAN de estar a promover o aumento da pegada ambiental, ao que Inês Sousa Real respondeu: "Não estamos a falar de deslocalizar. Mais de 48% da população é contra o aeroporto situar-se nas áreas metropolitanas. Nós temos que ter uma visão, não podemos andar num dia a dizer que defendemos a coesão territorial, mas quando falamos em soluções que não só passam pelo aproveitamento daquilo que já existe, como é o caso da base de Beja, como também de levarmos essas soluções para o interior do país, aí sim já não é conveniente ou são soluções demasiado caras".

Alexandra Moreira é cabeça de lista do PAN por Évora

Zé LG, 22.12.21

Évora.pngA cabeça de lista do PAN (Pessoas-Animais-Natureza) por Évora às eleições legislativas de 30 de janeiro é Alexandra Moreira, de 53 anos, natural de Coimbra. Residiu em Évora durante 17 anos e reside atualmente em Palmela.

Exerceu funções de jurista na Direção Regional do Ambiente do Alentejo e na Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo. Desde 2018, integra a equipa coordenadora e docente da Pós-Graduação em Direito dos Animais da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, instituição onde se formou.

Jorge Alcobia volta a ser o cabeça de lista do PAN por Portalegre

Zé LG, 12.12.21

265645741_4672702419473225_8031076182896937146_n.jJorge Alcobia, tem 69 anos, é natural de Almada e reside em Monforte e já foi o 1.º candidato da lista em 2019. É membro da Comissão Política Nacional, onde integra a respetiva Mesa, e Secretário Nacional Permanente do PAN.

Foi gestor e auditor de qualidade em empresas da área financeira e analista de organização e métodos na banca. Enquanto oficial da Força Aérea Portuguesa, desempenhou uma comissão em Angola e participou no 25 de Abril de 1974.

Luís Vicente é o cabeça de lista do PAN pelo círculo eleitoral de Beja

Zé LG, 09.12.21

202112081232124640.PNGLuís Vicente é biólogo, professor universitário e investigador, residente em Vila de Frades e integra a lista como independente.

Na apresentação dos cabeças de lista aos vários círculos eleitorais, Inês de Sousa Real, Porta-voz do PAN, referiu Luís Vicente como um "nome incontornável na biologia, na defesa e proteção ambiental e e animal".