Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Exposição “Os Campos do Baixo Alentejo da década de 1950” em Vidigueira

Zé LG Zé LG, 26.01.20

O Museu Municipal de Vidigueira tem patente até 21 de fevereiro, a exposição “Os Campos do Baixo Alentejo da década de 1950”.

20200123163137436.jpgA exposição é promovida pelo Museu da Ruralidade de Entradas-Castro Verde e pretende mostrar “um conjunto de peças relacionadas com as atividades agrícolas do Baixo Alentejo da década de 1950”.

Ourique faz manutenção de caminhos rurais

Zé LG Zé LG, 06.11.19

Ourique-768x432.jpgA Câmara de Ourique está a realizar um conjunto de intervenções nos caminhos rurais da freguesia, que serão de seguida, extensivos a outros pontos do concelho “como meio de assegurar melhores condições de mobilidade em espaço rural, para os residentes e para todos envolvidos nas diversas atividades rurais”.

Estas vias rurais destinadas a permitir a acessibilidade ao espaço rural e às explorações agrícolas, pecuárias e silvícolas são fundamentais para o tráfego, a entrada dos fatores de produção e o escoamento dos produtos.

 

“XII Jornadas FENAREG” debatem, em Odemira, Agricultura-Ambiente-Território

Zé LG Zé LG, 30.10.19

A FENAREG e a Associação de Beneficiários do Mira organizam a 6 e 7 de Novembro, em Odemira, o Encontro Regadio 2019 “XII Jornadas FENAREG”, que terão como tema central o trinómio Agricultura-Ambiente-Território e os desafios dos Aproveitamentos Hidroagrícolas para além da gestão da água.

regadio.jpg

Este evento assinala o 50º aniversário do Aproveitamento Hidroagrícola do Mira, um perímetro de rega com 12 mil hectares de área beneficiada, cuja origem da água é a albufeira criada pela Barragem de Santa Clara, no rio Mira, onde se pratica uma agricultura de regadio com vocação exportadora e um forte contributo para o desenvolvimento sócio-económico do território do sudoeste alentejano e da costa vicentina.

Estrela eleita “Aldeia dos Sonhos 2019”

Zé LG Zé LG, 20.10.19

estrela.jpg

A Aldeia dos Sonhos é um programa promovido e organizado pela Fundação INATEL, pelo sexto ano consecutivo, dirigido a aldeias com menos de 100 habitantes.

Constituída por 50 residentes permanentes, a localização, isolamento e simplicidade conferem à Aldeia da Estrela um encanto especial, cheio de potencialidades turísticas. É um local paradisíaco, com magnificas paisagens e onde podemos respirar a calma e a tranquilidade alentejanas.

Arronches inaugura Centro Interativo da Ruralidade

Zé LG Zé LG, 22.06.19

museu.jpgO novo Centro Interativo da Ruralidade de Arronches (CEIRA), no Alto Alentejo, uma homenagem ao agricultor, aos trabalhadores do campo e ao duro trabalho da terra noutros tempos, vai expor mais de mil utensílios e peças agrícolas que foram sendo recolhidas ao longo de anos pelos agricultores da região.

Este novo museu em Arronches resulta da recuperação de um antigo lagar de azeite, num investimento de cerca de 800 mil euros, e vai ser inagurado no próximo dia 23 de junho, por altura das festas populares de S. João.

Imagem de capa de postal da Coleção de Énio Semedo.

Roteiro “Pelos Campos de Beja-Histórias que convidam à visita” apresentado em Beja e Lisboa

Zé LG Zé LG, 05.06.19

201906041123074993.jpg

Segundo a autarquia bejense “é um documento para várias percepções: os textos permitem conhecer o génio destes lugares, e as ilustrações de Susa Monteiro são um convite que alimenta e enriquece o imaginário da visita”.
Este roteiro está integrado numa linha de publicações intitulada Caminhos da Memória e terá em breve a acompanhá-lo um outro roteiro dedicado às ruas de Beja, “Pelas Ruas de Beja-Histórias que convidam à visita” terão ambos traduções em inglês e em espanhol.

No próximo sábado, o roteiro vai ser apresentado, em Lisboa, na Feira do Livro, a partir das 17h00.