Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Petição para revogação de Resolução que permite aumentar área de estufas até 40 % e de contentores no Perímetro de Rega do Mira

Zé LG Zé LG, 24.01.20

imgLoader2.ashx.jpg“Temos cerca de 11 por cento da agricultura intensiva coberta por plástico e aquilo que a resolução [do Conselho de Ministros] diz é que pode vir a aumentar até 40 por cento, além da autorização, a título excecional, de contentores dentro das explorações agrícolas” e da "contratação de milhares de trabalhadores asiáticos em condições pouco claras”, disse Fátima Teixeira, porta-voz do movimento que lançou a petição.

O movimento alerta para as consequências “nefastas” de práticas agrícolas “que apostam na utilização intensiva de água para rega, plásticos, fertilizantes e pesticidas sintéticos”, no “Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina, uma zona de excelência, com recursos ambientais que é preciso proteger. Estamos a destruir um património ambiental que é único”, pelo que é urgente “resolver os problemas que já existem ao nível de estufas, de agricultura intensiva e da capacidade para acolher tantos imigrantes” antes de se avançar para a expansão da atividade agrícola.

É urgente travar este avanço e proteger as zonas sensíveis do ponto de vista ecológico, assim como as populações dos aglomerados urbanos, das contaminações desta agroindústria, sendo por isso imperativo a demarcação de uma faixa mínima de 1.000 metros a partir da linha de costa e de 500 metros dos perímetros urbanos, livres de agricultura intensiva”.

Comissão de Utentes de Beja apela à subscrição da petição “Beja exige mais!”

Zé LG Zé LG, 19.11.19

73684700_410160226339046_6505387195732328448_n.png

A Comissão de Utentes de Beja tem online e em diversos locais da cidade, a petição “Beja exige mais! Porque a Saúde é um direito!”. A Comissão apela à subscrição deste documento, que precisa de chegar às 4000 assinaturas para ser entregue na Assembleia da República e discutido em plenário.

Através desta petição é exigido, entre outros aspetos, que se dê "… início aos procedimentos com vista à ampliação do Hospital José Joaquim Fernandes em Beja", tal como ficou estipulado no Orçamento Estado para 2019.

IPBeja aloja estudantes em S. Brissos

Zé LG Zé LG, 10.11.19

40-IPBeja-768x432.jpgO Instituto Politécnico de Beja (IPBeja) e a União de Freguesias de Trigaches e S. Brissos assinaram um protocolo tendo em vista o alojamento de 18 alunos na antiga Escola Primária de S. Brissos, renovada e preparada para acolher os estudantes.
Este protocolo vem “beneficiar as populações mais desfavorecidas” e “minimizar a falta de alojamentos para estudantes”, sublinhou João Paulo Trindade, presidente do IPBeja, que adiantou que o projecto poderá ser alargado a outras localidades.
O IPBeja tem neste momento mais de 3 mil estudantes, sendo 590 estrangeiros.

Daqui e daqui.

Petição Pública pela Eletrificação e Modernização da Linha do Alentejo, como uma prioridade de interesse nacional

Zé LG Zé LG, 01.11.19

AMALENTEJO.jpgA Comissão Dinamizadora do AMAlentejo entregou, à Assembleia da República, as primeiras mil assinaturas de apoio à “Petição Pública pela Eletrificação e Modernização da Linha do Alentejo, como uma prioridade de interesse nacional”.

A Comissão Dinamizadora do AMAlentejo realça que a entrega das primeiras mil assinaturas obriga à “audição do AMAlentejo pela Comissão da Assembleia da República a quem for distribuída a apreciação da Petição em causa”.

O Movimento “sublinha a importância de prosseguir e intensificar a recolha de assinaturas de modo a alcançar as 4 mil assinaturas necessárias para tornar obrigatória a discussão pelo Plenário da Assembleia da República da ‘Petição Pública pela Eletrificação e Modernização da Linha do Alentejo, como uma prioridade de interesse nacional’”.

Círculo do Silêncio pelo fim da pobreza e exclusão social

Zé LG Zé LG, 31.10.19

silêncio.jpgA Cáritas Diocesana de Beja, em colaboração com diversos parceiros promove, esta tarde, às 17.30 horas, nas Portas de Mértola, mais um Circulo de Silêncio, desta vez pela erradicação da pobreza.

A Cáritas recorda que entre um total de 2,2 milhões de pessoas que estavam em risco de pobreza ou exclusão social, cerca de 110 mil portugueses viviam no ano passado em risco de pobreza, privação material severa e sem trabalhar.

Plataforma Alentejo solicita audiências ao 1º ministro e ao PR e prepara convenção do Alentejo sobre acessibilidades

Zé LG Zé LG, 30.07.19

plataforma.jpgO Secretariado da Plataforma Alentejo considerando os novos elementos já disponíveis e o referido estudo da REFER decidiu proceder à elaboração de uma exposição sobre as acessibilidades no Alentejo e solicitar ao primeiro-ministro e ao presidente da República audiências para a sua entrega e fundamentação. Está em cima da mesa, igualmente, a realização a 15 de Setembro de uma convenção do Alentejo sobre as acessibilidades (Marítimas, Aeroportuárias, Ferroviárias e Rodoviárias) e sobre o planeamento e ordenamento do território, considerando o facto da revisão do PROTA já estar em curso. Considera ser ainda possível recuperar parte importante do atraso existente na tomada de algumas decisões e introduzir ajustamentos, nalgumas decisões estratégicas anunciadas, que em muito poderão contribuir para o sucesso de alguns dos objetivos que têm vindo a ser publicamente assumidos pelo Governo, disse Claudino Matos.

Propostas do Beja Merece+ passam na AR, através de recomendações ao governo apresentadas por PCP e BE

Zé LG Zé LG, 06.07.19

A Assembleia da República aprovou esta sexta-feira três projetos de resolução que recomendam ao Governo a eletrificação e requalificação do troço ferroviário entre Casa Branca e a Funcheira, a conclusão do IP8 e a valorização do aeroporto de Beja.
O primeiro projeto de resolução foi apresentado pelo Bloco de Esquerda. Os outros dois pelo PCP. Todos eles resultam das reivindicações apresentadas pela petição do Movimento Beja Merece+ que também esta sexta-feira foi debatida pelos deputados.

280420172115-810-MOVIMENTO.jpg

A recomendação de eletrificação da linha ferroviária foi aprovada com a abstenção do PSD e os votos favoráveis dos restantes partidos.
Já a recomendação do cumprimento do Plano Rodoviário Nacional e conclusão do IP8 nos distritos de Setúbal e Beja, foi aprovada com os votos a favor de todos os partidos e os votos contra da maioria do grupo parlamentar do PS. Um grupo de sete deputados socialistas, entre os quais Pedro do Carmo (Beja) e Norberto Patinho (Évora) votaram a favor.
Finalmente, a recomendação ao Governo para valorização do aeroporto de Beja enquanto instrumento para o desenvolvimento da região foi aprovada com a abstenção do PS e os votos a favor dos restantes partidos e dos deputados Pedro do Carmo e Norberto Patinho. Leia e oiça também aqui e aqui.

E as primeiras intenções não contam?

Zé LG Zé LG, 30.06.19

Sempre que alguém toma a inciativa de promover acções em defesa do que entende estar ameaçado logo aparece quem acusa os promotores de terem segundas intenções ao terem aquela iniciativa.

65545711_2804756906221415_8130916408985911296_n.jp

Muitas vezes, essa acusação até pode ser verdadeira. Mas, por isso, vamos inibir-nos de participar ou apoiar essas acções devido às segundas intenções dos seus promotores, ignorando ou substimando as suas primeiras intenções, que justificam apoio?

65318916_2804757339554705_6828698650009403392_n.jpO desafio que deve ser lançado aos que criticam tudo o que outros tentam fazer é o de que tomem eles a iniciativa de fazer alguma coisa - e se possível, melhor -, para tentar alcançar os objectivos defenidos, que não questionam.

Fotos daqui.

Comissão de Utentes de Beja promove hoje uma concentração junto do Hospital Distrital

Zé LG Zé LG, 28.06.19

65291361_2273459739537324_8729058907818819584_n.pn

A Comissão de Utentes de Beja realiza, esta tarde, uma concentração, junto à entrada principal do Hospital da cidade. Esta concentração visa mobilizar e sensibilizar a população para o agravamento da situação do Serviço Nacional de Saúde (SNS) e, em particular, do Hospital de Beja. Os três deputados, eleitos pelo distrito, foram convidados a participar nesta iniciativa.