Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Petição do Beja Merece+ é discutida e votada no Parlamento a 5 de julho

A discussão, análise e votação da petição do Beja Merece+ são feitas, no Parlamento, no dia 5 de julho. O Beja Merece+ quer que sejam muitos os alentejanos a acompanhar o movimento e está a apelar à inscrição da população no autocarro que rumará a Lisboa naquela data.

201906212019093113.jpg

Recorde-se que em maio de 2018, a petição foi entregue com mais de 26 mil assinaturas e por mais de 500 alentejanos.

Na petição é exigida a conclusão da A26 (Sines - Beja – Ficalho) e a eletrificação da linha de caminho de Ferro Casa Branca - Beja – Funcheira, assim como investimento no aeroporto de Beja e melhores serviços de saúde para o Baixo Alentejo.

PEV Interpelou o Governo sobre "Combate às Alterações Climáticas: a Importância do Setor dos Transportes”

PEV.jpgPara assinalar o dia Mundial do Ambiente, o Partido Ecologista Os Verdes, através do deputado José Luís Ferreira, lembrou o compromisso assumido pelo governo e que falta cumprir relativamente à eletrificação de Beja /Casa Branca devolvendo a ligação direta da capital do Baixo Alentejo com Lisboa.

Roteiro “Pelos Campos de Beja-Histórias que convidam à visita” apresentado em Beja e Lisboa

201906041123074993.jpg

Segundo a autarquia bejense “é um documento para várias percepções: os textos permitem conhecer o génio destes lugares, e as ilustrações de Susa Monteiro são um convite que alimenta e enriquece o imaginário da visita”.
Este roteiro está integrado numa linha de publicações intitulada Caminhos da Memória e terá em breve a acompanhá-lo um outro roteiro dedicado às ruas de Beja, “Pelas Ruas de Beja-Histórias que convidam à visita” terão ambos traduções em inglês e em espanhol.

No próximo sábado, o roteiro vai ser apresentado, em Lisboa, na Feira do Livro, a partir das 17h00.

ERT promove Alentejo e Ribatejo na Feira do Livro de Lisboa

ERT-768x432.jpgA Entidade Regional de Turismo do Alentejo / Ribatejo está presente, pela primeira vez e forma inédita, na Feira do Livro de Lisboa, a decorrer no Parque Eduardo VII, até ao próximo dia 16 Junho, “por onde passam milhares de pessoas, a diversidade da oferta turística do Alentejo e o Ribatejo é promovida num stand em formato de livro gigante”, que os visitantes são convidados a “percorrer as páginas do território”, “ficando assim a conhecer alguns dos principais pontos de atração turística (…)”.
Para além de informações sobre os destinos, o stand é palco de atuações de grupos de cante, provas de produtos endógenos e apresentações de livros, com a presença dos escritores.

Daqui e daqui.

Trabalhadores da administração pública manifestam-se, esta tarde, em Lisboa

Manifestao.jpgO protesto, convocado pela Frente Comum de Sindicatos da Administração Pública, está marcado para as 14.30 horas, no Marquês de Pombal, os manifestantes seguem depois a pé em direcção à Residência Oficial do 1º Ministro, António Costa.

Os aumentos salariais e as progressões nas carreiras são dois dos motivos que levam ao protesto. As expectativas dos trabalhadores em relação a este Governo saíram goradas porque, em final de mandato, continua a faltar a reposição de vários direitos que tinham sido retirados.

“Alentejo, Caiado de Fresco” apresenta-se na BTL

BTL2018-768x432.jpgA Turismo do Alentejo / Ribatejo, em parceria com 53 municípios, 1 Comunidade Intermunicipal e 42 empresas apresenta, a partir de hoje, na 31ª edição da Bolsa de Turismo de Lisboa, o maior stand de sempre.

O enoturismo vai estar em destaque através da Comissão Vitivinícola Regional Alentejana e de 10 empresas vinícolas, assim como os projectos “Caminhos de Santiago” e “Redes de Oferta”.

Ceia da Silva, Presidente da Entidade Regional de Turismo do Alentejo/ Ribatejo, disse à Rádio Pax que a oportunidade é aproveitada para lançar uma “nova linha de comunicação” sob o lema “Alentejo, Caiado de Fresco”.

Crédito Agrícola promove prova de azeites em Lisboa

ovibeja_2019_concurso_azeites_cartaz.jpgO Grupo Crédito Agrícola promove, hoje, das 15.00 às 17.00 horas, no auditório da Caixa de Crédito Agrícola, em Lisboa, uma prova de azeites virgens enquadrada na apresentação, e divulgação, da 9ª edição do Concurso Internacional de Azeites Virgem Extra - Prémio CA Ovibeja.

Nesta sessão participam: Licínio Pina, presidente do Conselho de Administração Executivo do Crédito Agrícola, José Gouveia, presidente do Júri do Concurso, Rui Garrido, presidente da ACOS – Associação de Agricultores do Sul – entidade organizadora da OVIBEJA, e Mariana Matos - secretário-geral na Casa do Azeite - Associação do Azeite de Portugal.

Maria Filomena Mendes reconduzida para presidir ao Hospital do Espírito Santo de Évora

copy_of_cronistas_ta_155.jpgMaria Filomena Mendes foi reconduzida pelo Governo para presidir ao conselho de administração do Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE), cargo que já ocupou entre 2009 e 2013 e que desempenhava até ao momento. Além da presidente do conselho de administração do HESE, o Governo nomeou para vogais executivos Isabel Pita, como diretora clínica, Francisco Chalaça e Luís Cavaco, mantendo-se da anterior administração o enfermeiro-diretor José Chora.

Vice-reitora da UÉ desde 2014, Maria Filomena Mendes é licenciada em Economia e doutorada em Sociologia, na especialidade de Demografia, pela Universidade de Évora.

Rosa de Matos Zorrinho, ex- Secretária de Estado da Saúde e ex- presidente da ARS de Lisboa e Vale do Tejo e da ARS do Alentejo, foi nomeada presidente do conselho de administração do Centro Hospitalar Universitário Lisboa Central.

VAMOS LÁ TROCAR UMAS IMPRESSÕES... SOBRE UM "CASO" QUE ESTÁ DAR MUITO QUE FALAR...

Um vereador, eleito por um partido da Esquerda e que muito tem combatido a especulação imobiliária, comprou há uns anos, com a irmã, um prédio, quase devoluto e a precisar de obras, fez obras e um contrato de aluguer com o inquilino. Agora colocou-o à venda e ao que parece prepara-se para o vender por muitíssimo mais dinheiro do que o comprou.

Segundo diz, cumpriu todas as normas e pagou e vai pagar todos os impostos e taxas devidas.

Tenho visto e lido muita gente, à semelhança do que têm feito representantes dos partidos da direita (e não sei se também por outros das Esquerdas), a censurar o comportamento do vereador, porque não estará agir de acordo com o que diz defender.

Podem-me explicar melhor estas censuras, bem como deveria agir o vereador para ser coerente com o que defende?

Comentários recentes

  • Zobaida

    Regime comuno-socialista??? Isto não é um problema...

  • Anónimo

    E um post sobre a mãe de um aluno que agrediu uma ...

  • Anónimo

    Também lá andaste Janeca eu sei, desculpa não me l...

  • João Espinho

    A última vez que falei com ele foi, precisamente,...

  • Anónimo

    Sim amigo recordo com saudade.....O Velho "Sesimbr...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds