Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Lançado concurso para modernização da ligação ferroviária Sines - Ermidas

Zé LG, 03.07.20

A Infraestruturas de Portugal lançou um concurso público com o objetivo de modernizar e eliminar constrangimentos na ligação ferroviária entre Sines e a Linha do Sul, cuja interceção se faz em Ermidas-Sado.

202007010917083355 Sines.jpg“Este investimento, inscrito no PNI - Plano Nacional de Investimentos 2030, é essencial para o futuro do Porto de Sines. Junta-se, entre outras, à obra de requalificação do ramal ferroviário do porto, em execução. Investir na modernização da ferrovia de mercadorias é investir na aproximação de Sines aos seus mercados estratégicos. A competitividade de um porto joga-se no mar, mas também em terra”, refere Nuno Mascarenhas, presidente da Câmara Municipal de Sines, que reforça, ainda, que a expansão do Terminal XXI e o surgimento de eventuais interessados no concurso do Terminal Vasco da Gama elevam a exigência ao nível das acessibilidades.

RESIALENTEJO aposta na compostagem comunitária e doméstica e na recolha seletiva de bio resíduos na cidade de Beja

Zé LG, 28.06.20

resialentejo-768x432.jpgA RESIALENTEJO - Empresa Intermunicipal de Valorização de Resíduos viu aprovadas, pelo POSEUR, duas candidaturas, em parceria com os oito municípios, relativas à gestão de bio resíduos que totalizam 751 866 euros, com apoio a 85% do Fundo de Coesão.

De acordo com a RESIALENTEJO, aquelas candidaturas “vão permitir melhorar a gestão dos bio resíduos produzidos pelos municípios, apostando na promoção da compostagem comunitária e doméstica em alguns aglomerados populacionais da região e na recolha seletiva de bio resíduos na cidade de Beja”.

“Complementarmente apostar-se-á na dinamização de uma campanha de sensibilização direcionada para esta temática.”

Município de Viana do Alentejo vai avançar com obras em Aguiar e na sede do concelho

Zé LG, 24.06.20

O futuro Centro Social de Aguiar teve uma candidatura aprovada no âmbito do Alentejo 2020, com um investimento total de cerca de 1.200.000,00€, com comparticipação de fundos comunitários de cerca de 85% e com um prazo previsto de 14 meses para estar concluído.

5115_investimentos-viana-do-alentejo.jpgNo que diz respeito à terceira fase da requalificação do Centro Histórico de Viana do Alentejo, incluída no PARU - Plano de Ação de Regeneração Urbana, a candidatura foi aprovada no âmbito do Alentejo 2020, com um investimento de cerca de 600.000,00€, sendo comparticipada por fundos comunitários em cerca de 400.000,00€. Com uma duração prevista de 7 meses, a intervenção terá início nas Ruas António José de Almeida (Cineteatro), Médico de Sousa e do Lagar Novo/Largo dos Isentos.

Daqui e daqui.

Alcácer do Sal reabilitou 78 edifícios no Centro Histórico

Zé LG, 24.06.20

alcacer_5.pngEntre abril de 2015 e abril de 2019, o centro histórico da cidade de Alcácer do Sal já viu 78 edifícios serem reabilitados, no âmbito dos incentivos proporcionados pelo município com a delimitação da Área de Reabilitação Urbana - ARU.
De acordo com a autarquia, durante o quarto ano de vigência da ARU, entre 2018 e 2019, foram contemplados 28 edifícios no que toca aos apoios concedidos e certidões emitidas, que estão a ser alvo de obras enquadráveis na estratégia de reabilitação do município.
Com a aprovação desta ARU, os proprietários que promovam obras de reabilitação urbana nos imóveis podem candidatar-se a diversos apoios e incentivos fiscais e financeiros, que podem ser consultados no website do município.

Câmara de Odemira cria selo “Praia de Confiança” para reforçar a segurança dos utilizadores

Zé LG, 18.06.20

A Câmara de Odemira definiu 20 medidas para a época balnear 2020, com o objetivo de dar resposta às regras e necessidades de intervenção nas praias face à prevenção da pandemia da Covid-19.

Praia-do-Almograve_Odemira-768x513.jpgDe entre as medidas destaque para a constituição de Equipas de Assistentes de Praia, para sensibilização dos deveres gerais dos utentes e entidades concessionárias; esclarecimento sobre as regras de higiene e segurança; gestão e divulgação do estado de ocupação das praias, por forma a evitar a afluência excessiva, através da utilização da sinalética de cores e da atualização dessa informação na App Info Praia e a criação do selo “Praia de Confiança” para reforçar a segurança dos utilizadores ao usufruir destes espaços, aumentando a sua confiança na qualidade, na informação e nos serviços prestados e dessa forma certificar uma experiência de qualidade.

EDIA tem em curso empreitadas para mais 10 mil hectares de regadio

Zé LG, 09.06.20

Alqueva-768x432.jpgJá se encontra em obra a mais recente infraestrutura de rega de Alqueva. Trata-se do bloco de rega de Viana do Alentejo, localizado no distrito de Évora, uma infraestrutura que vai beneficiar uma área com cerca de 4 600 hectares, inserido no projeto de expansão do Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva enquadrado pelo Plano Nacional de Regadios.
Nesta data estão em curso as empreitadas de rega dos blocos de Évora, Cuba/Odivelas e Viana do Alentejo, envolvendo mais de 10 mil hectares de regadio.

Misericórdia de Alcácer do Sal investe 1,8 ME em residência para pessoas com demência

Zé LG, 30.05.20

202005291217453498 demência.jpgA Santa Casa da Misericórdia de Alcácer do Sal, vai investir 1,8 milhões de euros na construção de uma residência especializada em demência, com capacidade para 48 utentes e a criação de cerca de 40 postos de trabalho.

O projeto de construção da estrutura residencial para idosos (ERPI), que conta com um financiamento comunitário de 750 mil euros, prevê a reabilitação de um edifício “antigo e devoluto” no “campus” onde “existiam as velhas camaratas” da Misericórdia de Alcácer do Sal.

O projeto de recuperação do edifício e a sua transformação em ERPI conta ainda com um apoio de 275 mil euros de uma candidatura que foi apresentada ao Fundo Dona Leonor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, vai permitir ganhos na eficiência energética, tem um prazo de execução de um ano, estando prevista a sua entrada em funcionamento em 2021.

Ministro do Ambiente garante prazos para a construção da Barragem do Pisão

Zé LG, 24.05.20

97808468_3047506211992862_4880528461233389568_n piO ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes asseverou que a crise provocada pela pandemia da Covid-19 não vai afetar os prazos definidos pelo Governo para a construção da Barragem do Pisão, no concelho de Crato, cuja conclusão da obra foi apontada para 2027, defendendo que “para sairmos da crise temos de ter investimento”, e apontou a Barragem do Pisão como “um bom exemplo de obra pública”, que “terá efeitos económicos enquanto se constrói”.

Ourique avança com obras de requalificação da Escola EB 2/3

Zé LG, 22.05.20

escola-ourique-768x432.jpgO município afirma que “há muito que trabalha para poder concretizar uma intervenção de requalificação da Escola que crie melhores condições para os alunos, os funcionários e os professores”, pelo que “Tendo surgido uma oportunidade de financiamento da intervenção, com recurso a fundos comunitários e pagamento de parte do custo pela autarquia”, a Assembleia Municipal de Ourique aprovou a proposta em 100 mil euros, sendo que os restantes 800 mil euros (o custo total da obra é estimado em cerca de 900 mil euros) serão inscritos no Orçamento de 2021.

Escola e Casa Mortuária de São Matias com obras concluídas

Zé LG, 15.05.20

202005141148465714 são matias.jpgEstá concluída a obra de remodelação do chão da sala de 1º ciclo da Escola Primária de São Matias, que representou para a Câmara Municipal de Beja um investimento de 3 mil euros.

A Casa Mortuária, que teve uma intervenção de 20 mil euros a cargo da autarquia de Beja, “deverá ser entregue na próxima semana à Junta de Freguesia”.  

Câmara de Cuba avança com Reabilitação Urbana da Estrada da Circunvalação e da Rua 1º de Maio

Zé LG, 14.05.20

202005120948043240 cuba.jpgA intervenção na Rua 1º de Maio constituirá “um forte contributo para um ambiente sustentável e melhores condições de vida da população”, ao “ordenar a circulação e o estacionamento automóvel, implementando as condições de segurança necessárias no acesso às edificações confinantes e na circulação de peões e veículos, e garantindo a coerência e unidade do espaço público (…) contribuindo para a fruição e utilização pela população”. Tem um prazo de execução de oito meses e um valor de mais de 984 500 euros.
A intervenção na Estrada da Circunvalação “prevê uma reabilitação profunda com vista a melhorar a mobilidade pedonal, reduzir a velocidade de circulação de automóveis, substituir o pavimento e os passeios com calçada mais atual e introduzir uma ciclovia”, sendo ainda substituídas todas as infraestruturas de iluminação, abastecimento de água e saneamento. Tem um prazo de execução de seis meses e tem o valor de cerca de 485 512 euros.

Daqui e daqui.

Sou a favor da construção do Hospital Central do Alentejo em Évora

Zé LG, 07.05.20

202004291145302429 hospital.jpgJulgo que é importante para o Alentejo ter um Hospital Central, com valências que devem estar centralizadas para poderem responder com maior qualidade, tendo em conta os recursos necessários e disponíveis, que funcione como alternativa a outros hospitais centrais, designadamente da Área Metropolitana de Lisboa.

Isso não pode e não deve significar a retirada de mais alguns serviços dos outros hospitais existentes. Deve traduzir-se na criação de novos serviços, até então só disponíveis em Lisboa.

Parece acertada a localização do Hospital Central em Évora, por ser a Cidade mais central (e também mais populosa) do Alentejo. Localizá-lo em Portalegre, Beja ou Litoral Alentejano serviria melhor as populações dessas zonas mas deixaria de ser alternativa a Lisboa para as restantes.

Beja e o Baixo Alentejo (Distrito de Beja menos Odemira) devem bater-se para assegurar a manutenção e melhoria das valências do Hospital de Beja, com os ajustes aconselháveis em termos técnicos, geográficos e das características da sua população, o que deve implicar a rápida construção da sua 2ª fase. E não "embarcarem" tão fácilmente em aventuras de hospitais privados. Importa termos presente, também aqui, as lições que o combate à COVID-19 nos está a dar...

Câmara de Fronteira incentiva natalidade com lançamento de "Kit Bebé"

Zé LG, 05.05.20

95976906_2999856590091158_7416440404498710528_n beO “Kit Bebé”, destinado a crianças nascidas em Fronteira a partir do dia 1 de junho, integra uma mala de maternidade e um cartão que permite a aquisição de produtos de saúde, bem-estar, medicamentos e vacinas não incluídas no Plano Nacional de Vacinação, nas farmácias do concelho, até ao limite de 900 euros.

O “kit bebé” poderá ser requerido a partir de 11 de maio no site do município de Fronteira.

Maior central fotovoltaica do país com mais de 700 mil painéis solares vai nascer em Castelo de Vide

Zé LG, 03.05.20

A maior central fotovoltaica do país, com mais de 700 mil painéis, capazes de produzir energia suficiente para cerca de 160 mil habitações, vai ser construída em Castelo de Vide. Projetada para uma área de 400 hectares, com um prazo de execução de cerca de um ano, implica um investimento superior a 120 milhões de euros.

95788348_2997610856982398_9079575556827119616_o soO licenciamento para a obra, projetada em propriedades de Castelo de Vide e num outro concelho vizinho, já deu entrada nos serviços da Câmara de Castelo de Vide. A construção desta central, batizada com o nome do navegador português Diogo Cão, obrigará à construção de linha exclusiva de alta tensão de ligação à REN.

ALENTEJO 2020 aprovou candidatura da Construção do Hospital Central do Alentejo-Consultas Externas

Zé LG, 02.05.20

202004291145302429 hospital.jpgO Alentejo 2020 recorda que “esta  nova infraestrutura projectada para a área de Consultas Externas estará assente em vários pressupostos como a minimização de incidências ambientais negativas, aplicáveis durante a fase de construção e de exploração do Hospital Central do Alentejo” e que “além disso, irá contribuir para a promoção de uma resposta eficaz e eficiente, de qualidade aos utentes, dos serviços das Consultas Externas nas várias especialidades que serão instaladas”. A execução deverá iniciar-se durante o ano de 2020, estando prevista a sua conclusão até final de 2023.

Centro de Saúde de Ourique com financiamento aprovado

Zé LG, 27.04.20

2008.03.17.pt.ourique11.jpgA CCDR do Alentejo aprovou a candidatura da ULSBA para a construção do novo Centro de Saúde de Ourique, no valor total de cerca de 1 milhão e 865 euros a que corresponde um apoio do FEDER de cerca de 1 milhão e 585euros (85%).

A Câmara de Ourique, para além de ter colaborado na elaboração da candidatura, disponibilizou o terreno onde vai ser implantado o novo equipamento que ficará ao dispor da população, com localização junto aos Bombeiros Voluntários de Ourique.

A Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo será responsável pela execução do projeto, seguindo-se, agora, a tramitação administrativa, nomeadamente, o lançamento do concurso público.

Iniciada a construção do cabo submarino entre Sines e o Brasil

Zé LG, 26.04.20

20200423165109298 sines.jpgA estação de amarração do cabo submarino do consórcio Ellalink que ligará Portugal ao Brasil já está a ser construída, na ZILS - Zona Industrial e Logística de Sines, gerida pela aicep Global Parques. A “cable landing station”, na designação internacional, é a primeira instalação a nascer no SinesTech, área dedicada da ZILS que pretende dar um impulso ao setor tecnológico em Sines e em Portugal.

Vindo de Fortaleza, no Brasil, o cabo da EllaLink atravessa o Atlântico, numa extensão de 10 119km, e entra em território europeu via Sines, com ligações a centros como Madrid e Marselha e passando ainda por Cabo Verde e pela ilha da Madeira.

A infraestrutura, denominada Ellalink, está a ser implementada no âmbito do projeto BELLA (Building European Link to Latin America), que agrega as redes de ciência europeia e sul-americana, sendo financiado pela Comissão Europeia e por fundos privados.

Câmara de Moura avança com reabilitação de arruamentos

Zé LG, 22.04.20

Moura-1-768x432.jpgA Câmara Municipal de Moura vai avançar com a reabilitação da Rua do Areeiro, em Moura, cujos trabalhos começam no início do próximo mês; do pavimento e substituição da rede de águas da Rua Catarina Eufémia, em Sobral da Adiça; dos pavimentos em Amareleja, Póvoa de São Miguel, Santo Amador e Moura; e o recalcetamento do Bairro 25 de Abril, em Moura, em cubos de granito.

Câmara de Cuba tem a decorrer obras de requalificação e reabilitação do Campo de Jogos Dr. Augusto Amado Aguilar

Zé LG, 21.04.20

202004201225394599 cuba.jpgA Câmara Municipal de Cuba informa que “a intervenção contempla a remodelação dos balneários e espaços exteriores adjacentes, a modernização e conservação da atual bancada amovível, a construção de uma nova bancada central, bem como a cobertura da atual bancada do topo norte”, prevendo-se que “possa estar concluída a tempo de iniciar a nova época desportiva”.

Câmara de Alvito implementa medidas de emergência de combate à COVID-19

Zé LG, 21.04.20

201905311640052060 alviuto.jpgA Câmara Municipal de Alvito, devido ao Estado de Emergência e como forma de combater as consequências da Covide-19, deliberou “Assegurar a concretização do Plano de Investimento 2020-2021como forma de reforço do serviço público, apoio ao emprego e manutenção da capacidade produtiva”, garantir “assistência aos mais vulneráveis, levando compras e medicamentos a casa” e assegurar a “disponibilização de refeições para os alunos do escalão A”, para além de isentar vários pagamentos e de ter procredido à “criação de uma linha de apoio psicológico”.