Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Pedro Marques, Ministro do Planeamento e candidato do PS ao PE, reuniu com a CIMBAL para prometer o que não fez

Pedro-Marques-768x432.jpg

Pedro Marques aponta financiamento da linha férrea pós 2020

Ministro diz que aeroporto de Beja não pode ser complementar a Lisboa

Ministro dá “pontapé de saída” para electrificação da linha ferroviária a Beja

Paulo Arsénio espera concretização de investimentos nas acessibilidades

Moura, Mourão e Barrancos entregaram carta conjunta a Pedro Marques

Nelson Brito diz que PNI 2030 garante Variante a Aljustrel

PLATAFORMA ALENTEJO PROMOVE SESSÃO DEBATE EM BEJA

Sábado, 26 de Janeiro – 16:00 horas, Auditório da Biblioteca de Beja

49949081_2216672455242239_4485165125224890368_n.jp

 

Conheça a importância da "Estratégia Integrada de Acessibilidade Sustentável do Alentejo nas ligações Nacional e Internacional", da Plataforma Alentejo, para Beja, para o Alentejo, para Portugal.
A sessão será aberta pelo Secretariado da Plataforma Alentejo e a palavra será em seguida dada aos presentes. Juntos por Beja, pelo Alentejo, por Portugal!

Câmara de Beja Requalifica estrada municipal entre Beringel e Peroguarda

50329083_1788694741235334_6724578442207035392_o (1A Câmara Municipal de Beja iniciou os trabalhos de requalificação da estrada municipal - CM 1029 - entre Beringel e Peroguarda, no troço que se desenvolve no concelho de Beja.

Até 28 de fevereiro a circulação automóvel vai estar interrompida, diariamente, entre as 7 e as 18 horas. Em alternativa, o trânsito poderá circular pela EN 121 (IP8) – Beringel/Peroguarda ou pela saída de Beringel com ligação à EN 121 (IP8) - caminho de terra batida e Peroguarda/Beringel através da EN 387 com ligação à EN 121 (IP8).

Lançado concurso para construção do Circuito Hidráulico de Viana do Alentejo e respetivo Bloco de Rega

3427_49949110-2085727711473533-5.jpgA sessão de lançamento aconteceu no Cineteatro Vianense, contando com a presença do primeiro-ministro, António Costa; do ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, Luís Capoulas Santos; e do ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques.
O concurso envolve um investimento de seis milhões de euros, beneficiando uma área total de cerca de 4 600 hectares, localizada nos concelhos de Alvito, Évora e Viana do Alentejo, integrado na ampliação do regadio do Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva e decorre no âmbito do Programa Nacional de Regadios.
A “água para rega será retirada do Reservatório da Baronia que já existe e será conduzida pelo Sistema Elevatório de Viana do Alentejo, a construir na nova empreitada”.
A obra tem um prazo de execução de 15 meses, devendo estar em funcionamento na primavera de 2021.

Até quando vai continuar a Estrada de Pisões neste estado até ser requalificada?

P1010819.JPG

Por várias vezes já aqui abordei o (mau) estado da estrada de Pisões e a urgente necessidade de intervenção desta via municipal que, para além de aceder à Estação Arqueológica de Pisões, liga também a vários outros caminhos e estradas e a Beringel. Recordo, a título de exemplo: Talvez seja a promessa mais vezes repetida (21.06.12), QUE PROPÕEM PARA PISÕES AS CANDIDATURAS AUTÁRQUICAS A BEJA? (14.08.17) e QUEM VAI PASSAR POR AQUI QUANDO CHOVER A SÉRIO?

(11.10.17).

P1010812.JPG

A Estrada continua neste estado (fotos de ontem): Até quando?!

Lendias d’Encantar vai finalmente ter casa própria

49138015_10155755226406856_1882285845721907200_n.jO novo espaço da companhia bejense, situado na Rua do Sembrano, junto à antiga sede do Clube Desportivo de Beja, permitirá à Lendias d’Encantar, “pela primeira vez, desde a sua constituição (em 1998), desenvolver, de forma digna, o seu trabalho de criação, promoção, formação e programação”.
As obras de requalificação, que terão inicio nos próximos meses, têm como principal objectivo dotar a região de um equipamento cultural com vista à disponibilização de “uma sala de espectáculos, salas de ensaio para dança e teatro, residências para artistas e ainda escritórios, não só para a Lendias d’Encantar, mas para outras estruturas criativas do concelho e da região”.
A Lendias d’Encantar afirma que vê assim “realizado um sonho e uma necessidade com 20 anos” e revela que em 2020, a Companhia prevê já tornar o edifício na sede de operações do FITA – Festival Internacional de Teatro do Alentejo.

Campo de futebol do Penedo Gordo terá utilização regular das selecções de futebol da AF Beja

AF-768x432.jpgA Associação de Futebol de Beja (AF Beja), a Associação Cultural e Desportiva de Penedo Gordo e a União das Freguesias de Beja assinaram um protocolo para a utilização regular do Campo Carolina Almodôvar Fernandes, em Penedo Gordo.

“Este espaço tem sido um dos locais habitualmente escolhidos para os treinos das diversas selecções de futebol da AF Beja e terá agora, com a assinatura deste protocolo, ainda mais importância na actividade da associação” refere a AF Beja.

“Pela alternativa à passagem do minério pelo centro da vila” de Aljustrel

Minas-768x432.jpgA Assembleia de Freguesia da União de Freguesias de Aljustrel e Rio de Moinhos aprovou por unanimidade, a moção “Pela alternativa à passagem do minério pelo centro da vila”, apresentada pela CDU, que exige a “retirada do centro da vila dos pesados oriundos, e com destino à mina, encontrando alternativas, dentro do couto mineiro, que minimizem os efeitos da passagem diária das largas de dezenas de pesados”; “a construção da Variante à Vila de Aljustrel”, que, apesar de ser “uma infra-estrutura fundamental para o concelho”, tem sido “escrita nos sucessivos orçamentos municipais, mas nunca foi iniciada” e a “reabertura do ramal ferroviário de Aljustrel, em conjunto com a modernização da Linha do Alentejo, criando assim uma alternativa menos poluidora para os aljustrelenses e permitir o transporte dos concentrados em melhores condições ambientais e de segurança rodoviária”.

Expansão do Parque das Empresas de Ferreira do Alentejo com Financiamento Comunitário

201812261625113766.jpgFoi aprovado o financiamento comunitário para a expansão do Parque das Empresas de Ferreira do Alentejo. Trata-se de um investimento de cerca de 2 milhões e 60 mil euros, com uma comparticipação através do FEDER de 85% a fundo perdido. 

Com esta aprovação vai ser possível expandir em 7,36 ha a área já existente, acrescentando 38 novos lotes aos que já existem actualmente.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Então já se nota os efeitos do saneamento politico...

  • Anónimo

    Mais tarde o mais cedo, assim os nossos representa...

  • Anónimo

    É óbvio que não és comunista...

  • Anónimo

    Muito bem. A cegueira partidária não pode deixar d...

  • Anónimo

    Teremos de concluir,perante o que aqui dizem,neste...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.