Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

E se deixassem de gozar com a gente...

Abertura da A26 “não ata, nem desata”

201811131805162457.jpg

O ministro do Planeamento e Infraestruturas afirma que o troço concluído da A26 não abre por falta de praça de portagem. A Infraestruturas de Portugal (IP) assegura que a concessionária responsável é a Brisa. E a Brisa revela que “a reformulação da praça de portagem” é da responsabilidade da IP, “com as alterações solicitadas pelo concedente Instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT).”

Ao que levam as privatizações

IMG_7420.JPG

A privatização da ANA, pelo que se ouviu nos Prós-e-Contras desta noite, permite que sejam interesses particulares - os dos seus donos -, a definir a estratégia aeroportuária e não só para o nosso país. Passa para segundo plano o que deveria estar sempre em primeiro - o interesse público - e consequentemente as questões ambientais, sociais, económicas e de segurança são desvalorizadas para justificar o que mais interessa - e parece não ser pouco - aos que ficaram com um poder de decisão que nunca lhes deveria ter sido delegado.

Teatro Garcia de Resende vai ser requalificado

garcia_resende.png

O mítico Teatro Garcia de Resende, em Évora, vai ser alvo de obras de requalificação orçadas em cerca de 1,4 milhões e que visa responder às necessidades de adaptação do Teatro às exigências de segurança. A intervenção inclui obras no sector cénico (compartimentação dos sub-camarins, camarins e boca de cena); sector público (alterações pontuais na receção, hall técnico e criação de instalação sanitária para pessoas com mobilidade reduzida); e exterior (manutenção da fachada e intervenção na escada de evacuação). Também o parque de estacionamento será alvo de obras de requalificação.

Obras de requalificação da ligação da cidade ao PIA de Évora em fase de conclusão

rua_piae-360x300.jpg

As obras de requalificação da ligação da cidade ao Parque de Industrial Aeronáutico de Évora (PIAE) estão quase concluídas, com um investimento de quase 900 mil euros.

A intervenção surge no seguimento de vários investimentos que o município tem vindo a efetuar no PIAE para dotar esta infraestrutura de todas as condições para um bom acolhimento industrial e vai servir nove lotes industriais, dois dos quais com fábricas já em funcionamento: Mecachrome e EMMAD.

Trata-se de uma obra de infraestruturas para o desenvolvimento dos dois arruamentos projetados e executados, que possibilitarão no futuro duas ligações ao Aeródromo de Évora caso se venha a justificar.

“Plataforma Alentejo debate a importância da Ferrovia em Sines”

201809122220159159.JPG

“A Importância Estratégica da Ferrovia do Alentejo no Sistema Portuário Nacional- Alqueva-Aeroporto do Alentejo/Beja” é o mote para um debate que vai decorrer, hoje, às 10h00, no auditório da Administração do Porto de Sines.

A sessão de abertura está a cargo de Luis Arroz, em nome da Plataforma Alentejo, seguem-se as intervenções de Jorge d'Almeida, Presidente da Comunidade Portuária de Sines, Carlos Vasconcelos, Presidente do Conselho de Administração da Medway e Manuel Tão, Professor e Investigador da Universidade do Algarve, especialista em transportes.

“COMBOIOS A ROLAR, PORTUGAL A AVANÇAR”

image001.jpg

O Partido Ecologista Os Verdes lançou uma ação nacional em defesa do transporte ferroviário intitulada “Comboios a Rolar, Portugal a Avançar”, que irá percorrer semana a semana todo o País, até ao fim da Semana Europeia da Mobilidade, a 22 de setembro.

Dando continuidade a esta ação nacional em defesa da ferrovia, hoje, Os Verdes sairão de Lisboa – Oriente, no comboio das 9:02h, com destino a Beja, com chegada prevista às 11h21.

Em Beja, dirigentes e ativistas de Os verdes reunirão com Presidente do IPBeja, ADPB e Presidente da Câmara Municipal de Beja, para debaterem as carências e debilidades do serviço ferroviário, que se  sente na utilização deste meio de transporte, após o que darão uma Conferência de imprensa na Estação de Caminhos de Ferro de Beja, agendada para as 17h30.

 

PLATAFORMA ALENTEJO REALIZA PRIMEIRA SESSÃO PÚBLICA EM BEJA

Ultrapassando já os mil subscritores, a Plataforma Alentejo, no âmbito das suas acções de sensibilização e mobilização da opinião pública, vai promover, na próxima quarta-feira, dia 12, às 15.00 horas, no auditório do NERBE/AEBAL uma sessão, aberta ao público. A seguir terão lugar outras sessões públicas em Sines, Portalegre e Évora.

090520162238-439-AcessibilidadesAlentejo.jpg

Em análise e debate vão estar “as acessibilidades e transportes fundamentais para o desenvolvimento de todo o Alentejo”, projetos que a Plataforma quer ver “inscritos no PNPOT (versão 2018) e considerados no PNI 2030, como investimentos prioritários e de interesse nacional, porque são estratégicos e estruturantes para o País e para as ligações deste ao hinterland espanhol e à Europa”.

 

RUA DR. BELARD DA FONSECA FINALMENTE REPARADA

 

alcatrão.JPG

39221229_1587306631374147_2774184690054070272_n.jp

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A Câmara Municipal de Beja reparou a Rua Dr. Belard da Fonseca, uma das vias da Cidade de Beja com mais movimento, por se situar entre o Centro de Saúde e o Centro Distrital da Segurança Social, e que se encontrava bastante degradada, como alertei aqui várias vezes. Para além da Rua foram também reparados os parques de estacionamento que servem aqueles equipamentos públicos.

Finalmente, foi satisfeita uma necessidade de há anos da Cidade de Beja.

CÂMARA DE ALJUSTREL RECLAMA DO GOVERNO A REQUALIFICAÇÃO DA REDE VIÁRIA

201808011223137726.jpg

Nelson Brito, presidente da Câmara Municipal de Aljustrel, reuniu-se com o secretário de Estado das Infra-estruturas e reclamou a requalificação da rede viária municipal e a construção da circular à vila de Aljustrel, que há décadas é identificada pela autarquia como uma prioridade e que deve ser inscrita no Programa Nacional de Investimentos.

O autarca considera que há intervenções urgentes e necessárias que têm que ser feitas para a melhoria da segurança e bem-estar das pessoas que utilizam essas vias estando, neste momento, o município de Aljustrel a realizar trabalhos de asfaltamento na Estrada Municipal 526-1, num troço de 3,5 km, que liga Montes Velhos ao concelho de Ferreira do Alentejo.

Comentários recentes

  • Anónimo

    É uma questão de tempo. André Ventura ainda irá da...

  • Anónimo

    Se depois dessas apostas o desempate depender de u...

  • Anónimo

    A propósito, temos o caso do Munhoz Frade. Apesar ...

  • Mais Beja

    Tenho 1€, e posso apostar onde ganho 3 vezes ou on...

  • Anónimo

    Pois é, mas a matemática também serve para desempa...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.