Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Câmara de Cuba avança com empreitada do Ecoparque do Alentejo Central

Zé LG, 01.02.21

202101292054235587.jpgA Câmara Municipal informa que está a decorrer “o concurso público para adjudicação da Empreitada de construção do «Ecoparque do Alentejo Central» na Barragem de Albergaria dos Fusos. O Valor do preço base do procedimento é de 591 990,87 euros e o prazo de execução das obras é de 150 dias”.

“Uma Praia Fluvial; um Centro Náutico para apoio à prática de desportos náuticos; um Centro de BTT e Cycling e pesquisa multimédia; uma área de serviço para autocaravanas; uma torre de observação de aves; e um bar de apoio são as principais valências deste projeto, assente na valorização do património natural e no desenvolvimento da oferta turística do concelho e da região.”

Presidente do PS Baixo Alentejo apresentou propostas à ministra da Saúde

Zé LG, 12.01.21

PS-768x576.jpgO presidente da Federação do Baixo Alentejo do PS reuniu-se com a ministra da Saúde, Marta Temido, a quem entregou um projeto de criação da Unidade de Cuidados Paliativos no Hospital de Beja, da autoria do médico Munhoz Frade e reafirmou a “defesa do Serviço Nacional de Saúde”.

Nelson Brito defendeu “a urgência de responder à carência de médicos de saúde pública no distrito”. Apresentou “as necessidades ao nível das infraestruturas de saúde, com enfoque na construção da 2ª fase do Hospital José Joaquim Fernandes, bem como garantir financiamento para a Unidade de Cuidados Intensivos, piso de consultas externas e projeto de instalação da ressonância magnética neste estabelecimento hospitalar”. Frisou ainda “a necessidade de cumprir com o compromisso de construção da CPI – Centro de Respostas Integradas (Antigo CAT)” e sugeriu à ministra “a constituição de novos instrumentos para contratação de médicos para o interior, quer por via legislativa, quer por via do reforço da tabela remuneratória dos médicos que decidam fixar-se no interior.” Daqui e daqui.

IP substitui carris “em fim de linha” na Estação de comboios de Beja

Zé LG, 30.12.20

202012291746467788.jpgA Infraestruturas de Portugal (IP) está a substituir “material em fim de linha”, estamos a falar de carris, na Estação de Comboios de Beja. A IP confirmou que “foram retiradas da Estação de Beja frações de carril para beneficiação da passagem de nível da Figueirinha ao km 178,700 da Linha do Alentejo.”

IP vai estudar ligação do aeroporto de Beja à linha ferroviária do Alentejo

Zé LG, 29.12.20

Linha-ferroviaria-1024x576.jpgA Infraestruturas de Portugal (IP) publicou em Diário da República um despacho que autoriza a contratação de estudos e de projetos para executar uma das obras previstas no Plano Nacional de Investimentos (PNI 2030).

Uma eventual ligação do aeroporto à ferrovia está incluída nos estudos que a IP vai lançar para modernizar e eletrificar o percurso entre Casa Branca e Beja. Também está contemplada a instalação de sinalização eletrónica no troço de 63,5 quilómetros.

O PNI 2030 contempla um orçamento total de 230 milhões de euros para a modernização, até 2025, das linhas ferroviárias do Alentejo e também do Sul – no troço entre Torre Vã e Tunes e com uma eventual ligação ao aeroporto de Faro.

Fundos europeus apoiam desenvolvimento de novas atividades económicas em Sines para compensar fecho da Central de Carvão

Zé LG, 27.12.20

O fecho das Centrais de Carvão de Sines e do Pego, até ao final de 2021, - afetará cerca de 650 postos de trabalho diretos e terá uma profunda alteração das economias regionais.

sines_14.pngPara descarbonizar a economia e reconverter a indústria de produção de energia após a eliminação da produção de eletricidade a carvão, Portugal vai receber 204 milhões de euros de fundos europeus, entre 2021 e 2027, destinados ao desenvolvimento de novas atividades económicas das populações destes locais.

"Chão Nosso" denunciou destruição e inutilização de caminhos rurais no Alentejo devido à instalação de culturas agrícolas intensivas

Zé LG, 22.12.20

Screenshot_2020-12-22 Movimento denuncia destruiçO Movimento Chão Nosso alega que “muitos caminhos rurais que atravessam explorações agrícolas em modo intensivo encontram-se completamente inutilizáveis devido à presença constante de maquinaria pesada”, o que cria “sérios constrangimentos ou mesmo o total impedimento ao seu uso por parte das populações que habitam em meio rural, que, deste modo, ficam ainda mais prejudicadas”, pelo que “São necessárias medidas urgentes para pôr travão a estas situações, exigindo ainda a reposição e conservação destes acessos que, por vezes, são a única forma de aceder a algumas habitações ou sítios de interesse”.

Pode ler e ouvir aqui, aqui e aqui.

Câmara de Odemira reparou o pavimento arruamentos e estradas municipais

Zé LG, 12.12.20

202012111429532976.jpgA Câmara Municipal de Odemira concluiu a 2.ª fase da empreitada de reabilitação de arruamentos e caminhos no concelho de Odemira, num investimento de 149 mil euros - estrada EM 1072, que liga Vila Nova de Milfontes a Sines, estrada EM 502-2, entre São Teotónio e Zambujeira do Mar, estrada CM 1123, de acesso à Praia do Almograve, a estrada EM 1159, de acesso ao Malavado e da estrada EM 501, de acesso às Quintas, em São Teotónio e ruas junto à Escola Damião de Odemira. 

“E (a reparação do IP8) nem chega à Capital de distrito...”

Zé LG, 07.12.20

Capturar.PNG«Uma vergonha!

Concurso para projectos. 1 ano

Se lançar o concurso para construção . 1 ano

Se a obra for executada 1 ano

E nem chega à Capital de distrito....

Como o nosso Presidente da CMB diz, o trabalho é feito sem alaridos e digo eu sem efeitos práticos (em alguns pontos).»

«Se percebi bem o desenho da prevista intervenção, a mesma deixa de fora o troço entre a rotunda de S. Brissos e a cidade de Beja, que por acaso é a capital de distrito e está no estado degradado que toda a gente conhece, se assim for, temos aqui o resultado da geringonça de compromissos lesivos das populações em que ninguém tem coragem de levantar a voz contra este estado de coisas, não se pode contrariar o poder instituído e as câmaras que deviam estar ao lado do que é legitimo fazer em prol do povo, estão calados principalmente a de Beja, ou acham que a estrada está boa e pode ficar assim eternamente? estamos feitos.»

Anónimos 04.12.2020, aqui.

Lançado o concurso de 5,3M€ para construção da base para os 5 aviões comprados à Embraer na Base Aérea de Beja

Zé LG, 04.12.20

KC-390.jpgEstado Maior da Força Aérea lançou, recentemente, um concurso público para uma importante obra na Base Aérea N.º11 de Beja.

O procedimento agora lançado refere-se à construção de um edifício para esquadra e para um simulador de voo para o SA KC-390, tendo um valor base de 5,3 milhões de euros (+IVA), prevendo um prazo de execução de 540 dias.

Este será o investimento de construção da “sede” dos cinco aviões KC-390, que Portugal acordou, em 2019, comprar à fabricante brasileira Embraer.

"IN Castro é uma mais-valia evidente para Castro Verde"

Zé LG, 28.11.20

202011250735361.jpgO IN Castro-Centro de Ideias e Negócios de Castro Verde atingiu pela primeira vez a sua capacidade máxima de acolhimento físico de empresas, com 20 empresas instaladas e mais sete projectos empresariais com domiciliação virtual. David Marques, vice-presidente da Câmara de Castro Verde, frisa que este é um sinal "muito positivo" para a economia local e que “a grande aposta do Município é a infra-estruturação da Zona de Actividades Económicas (ZAE), projecto fundamental em toda a estratégia de afirmação e de dinamização económica do concelho e que, em complementaridade com todo o trabalho já referido, permitirá atrair mais empresas e criar mais postos de trabalho no concelho.”

Câmara de Moura intervém para prevenir riscos de cheias e incêndios

Zé LG, 14.11.20

10467_big noura.jpgForam realizados trabalhos de limpeza e desobstrução da linha de água que se encontra localizada entre a ponte “Sua Alteza” e a ponte do cemitério, em Moura, com o objectivo de garantir as condições de escoamento dos caudais líquidos e sólidos (areia, lama e sedimentos) em situações hidrológicas normais ou extremas.

Estes trabalhos realizados contribuem, para a minimização de riscos em situação de cheia e também em situação de incêndio, dado o vasto material combustível que o local apresentava. Esta intervenção foi promovida pela autarquia de Moura.

Inaugurado novo serviço de urgência do Hospital do Litoral Alentejano

Zé LG, 13.11.20

202011131449159867 inaug.JPGForam inauguradas oficialmente esta sexta-feira, as novas instalações do Serviço de Urgência Médico-Cirúrgica do Hospital do Litoral Alentejano, em Santiago do Cacém, com a presença do primeiro-ministro, António Costa e da ministra da Saúde, Marta Temido.

202011131532138949 Sant.jpg

As novas instalações do Serviço de Urgência Médico-Cirúrgica da Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano (ULSLA), representa um investimento total de 2,4 milhões de euros, e vai servir uma população de cerca de 100 mil habitantes dos concelhos de Alcácer do Sal, Grândola, Santiago do Cacém, Sines e Odemira.

Abatimento de pavimento obriga a corte de tráfego na estrada entre Pias e Brinches

Zé LG, 13.11.20

EN-392.jpgA Infraestruturas de Portugal (IP) informa que, em virtude de um abatimento do pavimento identificado ao quilómetro 79,4 da EN392, torna-se necessário, por forma a garantir a segurança de pessoas e bens, proceder ao corte de tráfego nesta via de ligação entre Pias e Brinches, no concelho de Serpa.

A IP está já a realizar os trabalhos de reparação, tendo em vista a rápida reposição das condições de circulação neste local, o que se prevê possa ocorrer ainda na primeira quinzena de dezembro. A zona de trabalhos e respetivo desvio de trânsito estão devidamente sinalizados no local.

Observatório do Baixo Alentejo defende a criação de um Gabinete para gestão da plataforma logística do aeroporto de Beja

Zé LG, 10.11.20

261220161606-705-AeroportoBeja9.jpgO Observatório do Baixo Alentejo (OBA) defende a criação de um Gabinete para gestão da plataforma logística do aeroporto de Beja, essencial para capacitar aquele espaço, permitindo a instalação e desenvolvimento das atividades empresariais.

Tendo como premissa, que o “aeroporto é decisivo para desenvolver toda a região, incluindo Sines e Sevilha”, a criação deste Gabinete é, segundo o OBA, a solução mais viável para a dotar o espaço envolvente do aeroporto de Beja de dinâmica, criando condições atrativas ao investimento privado. Nesse sentido, o OBA já iniciou um conjunto de reuniões para sensibilizar os diversos parceiros institucionais e empresariais para a importância desta proposta, no âmbito de uma estratégia integrada para o desenvolvimento desta infraestrutura.

Alvito, Aljustrel, Castro Verde, Cuba e Vidigueira vão ter estradas arranjadas

Zé LG, 02.11.20

estrada_3.pngTerão em breve início diversos trabalhos de pavimentação em várias estradas do distrito de Beja e que, no seu conjunto, estão orçados em cerca de 2,1 milhões de euros: a EN328, num troço com cerca de 8 quilómetros no concelho de Alvito, entre os quilómetros 5 e 13; a ER2, num troço com cerca de 13 quilómetros nos concelhos de Aljustrel e Castro Verde, entre os quilómetros 627 e 640 e a EN387, num troço com 7,5 quilómetros nos concelhos de Cuba e Vidigueira, entre os quilómetros 20,5 e 28 em Vila de Frades.
A conclusão das intervenções deverá ser em janeiro de 2021 e, até lá, obrigará à circulação e implementação de restrições à circulação por forma a garantir as condições de segurança dos trabalhadores e automobilistas.

OE prevê 147 milhões de euros na ferrovia e 26 milhões para novo Hospital Central do Alentejo

Zé LG, 14.10.20

ferrovia_2.png“Decorrem desde 2019 as empreitadas no Corredor Internacional Sul, cujo investimento autorizado ascende a 466 milhões de euros, designadamente, nas linhas do Leste (modernização e eletrificação do troço entre Elvas-Fronteira), de Évora (construção, em três subtroços, de 80 km de nova linha ferroviária e da subestação de Tração do Alandroal) e na linha de Sines/Sul (modernização da ligação ferroviária). Em 2021, estima-se uma execução de despesa neste âmbito na ordem dos 150 milhões de euros”.

O Governo vai destinar uma verba de quase 26 milhões de euros para os trabalhos de construção do novo Hospital Central do Alentejo, em Évora, segundo a versão preliminar da proposta de Orçamento do Estado (OE) para 2021.

Albufeira do Roxo com 19,5% da sua capacidade

Zé LG, 03.10.20

No último dia do mês de setembro e comparativamente ao último dia do mês anterior verificou-se uma descida do volume armazenado em todas as bacias hidrográficas.

IMG_5315.JPGNa Bacia do Guadiana, duas barragens estavam entre os 50 e os 80% da sua capacidade limite e sete abaixo dos 50%. Alqueva armazenava 59,3% da sua capacidade máxima.
Na Bacia do Sado, uma albufeira estava entre os 50 e os 80% e nove abaixo dos 50%. O Roxo, que abastece Beja, estava com 19.5% do seu máximo e a barragem do Monte da Rocha a 8,8%.
Na Bacia do Mira, a barragem de Santa Clara armazenava 36,5% de água e a de Corte Brique 40,5% do volume total.

Câmara de Beja melhora acesso ao Bairro da Esperança

Zé LG, 29.09.20

120159145_1037288923370017_6805232001641201876_n-7As intervenções passaram por pavimentação da Rua do Carmo Velho (realizada em julho) no troço Rotunda de Serpa/Espanha, até à entrada do Bairro da Esperança, prevendo-se a marcação horizontal para o mês de outubro; arranjo exterior da frente ao edifício do Centro de Dia do Centro Social, Cultural e Recreativo do Bairro da Esperança e colocação de abrigo de passageiros das carreiras urbanas.