Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
03
Jul 18

cidade.png

A Câmara Municipal de Beja recebeu a bandeira “Cidade de Excelência-nível III”, reconhecimento atribuído pela Rede de Cidades e Vilas de Excelência, no âmbito do trabalho desenvolvido pela autarquia, em ações de qualificação da cidade, com destaque para “o conjunto de projetos qualificadores do espaço urbano de Beja, que se encontram submetidos, em execução, aprovados ou em preparação, e que prometem tornar esta cidade-membro da Rede, mais inclusiva, mais amiga dos modos suaves de deslocação e promotora de um turismo dinâmico e com aproveitamento sustentável dos seus recursos históricos e culturais”.

publicado por Zé LG às 12:56
18
Jun 18

19 - Figura Inclusao.jpg

A Escola para Todos, como se dizia, ou Escola Inclusiva, como se diz hoje, tem de ser mais do que um slogan. Tem de integrar as políticas educativas e estar sempre presente na organização e práticas das escolas.

Agora que se iniciou a preparação do novo ano lectivo, a criação de turmas só com crianças ciganas e com horários desfasados das outras, para que as crianças se misturem o menos possível tem de ser liminarmente rejeitado pelas comunidades educativas e pelo governo.

inclusão.jpg

Um governo que, pela primeira vez na nossa História, é liderado por um primeiro-ministro de ascendência indiana e que integra uma ministra negra, um secretário de estado de etnia cigana e uma secretária de estado invisual não pode, mais do que qualquer outro, admitir práticas de exclusão ou segregação, como a que referi.

Não podemos conviver com essas práticas como se fossem normais, nos tempos que vivemos, porque não são aceitáveis.

Sei bem que não é fácil lidar com a diferença, mas também sei que a inclusão representa um investimento, porque faz de nós todos melhores pessoas e, consequentemente, ajuda a tornar a sociedade melhor e evita custos maiores para o Estado. 

publicado por Zé LG às 08:56
30
Mai 18

As Portas de Mértola é o local escolhido para a primeira iniciativa dos “Círculos de Silêncio”, que acontece na próxima quinta- feira.

32413695_1771388142907678_5121687198411784192_n.jp

Com início em 2007, os círculos de silêncio serviram para denunciar as políticas migratórias da UE. Hoje os círculos de silêncio ocorrem em 120 cidades, num total de 200 círculos com mais de 10.000 pessoas e diferentes causas humanitárias. 
Entrar no círculo é afirmar o princípio essencial da humanidade: cada um, independentemente de onde eles vierem, tem direito ao mesmo respeito e exercício de sua liberdade.
Objetivos dos Círculos de Silêncio
• Denunciar as injustiças comuns que as pessoas pobres sofrem com a realidade social.
• Ser um ponto de referência para poder dar a conhecer realidades injustas, personalizá-las no silêncio e denunciá-las publicamente.
• Promover a transformação social e pessoal de cada um.

publicado por Zé LG às 18:00
29
Mai 18

Carlão.jpg

“Livres e Iguais”, da autoria de CARLÃO, é apresentado pelo músico no dia 30, pelas 15.30h, na Biblioteca Municipal de Alvito e aborda temas como Racismo, Discriminação étnica e Xenofobia.

É um projeto direcionado aos alunos e alunas do 3.º ciclo do Ensino Básico e Ensino Secundário e trabalha com o propósito de sensibilizar para acabar com qualquer tipo de discriminação, fundada no princípio da ignorância e do ódio.

Carlão  interpretará alguns temas que compôs, no âmbito do projeto.

“Se cada um fizer a sua parte, juntos alcançaremos a justiça para todos e todas, sem exceção! Não ao Racismo! Não à Discriminação Étnica! Não à Xenofobia! Sim à Interculturalidade!”

publicado por Zé LG às 15:10
21
Mai 18

201805171622175970.JPG

A autarquia de Almodôvar celebrou, na semana passada, cinco contratos de trabalho sem termo, em regime de Emprego Apoiado em Mercado Aberto para pessoas com deficiência e incapacidade.

Estas novas contratações, resultaram de um protocolo entre o I.E.F.P - Instituto de Emprego e Formação Profissional e a Câmara Municipal de Almodôvar, com contribuições financeiras de ambas as entidades.
Os contratos que foram celebrados entraram de imediato em vigor, e permitiram dar aos trabalhadores, funções que lhes permitem aumentar a sua auto-estima, ajudar as famílias financeiramente, ter mais motivação e qualidade de vida.

publicado por Zé LG às 18:16
16
Mai 18

201805151023186573.jpg

Daqui.

publicado por Zé LG às 01:01
03
Mai 18

Leilão

No dia 5 de Maio às 16 horas

Na QUINTA DOS PRAZERES

Caminho do Alvarengo, em Alvito

Promovido pela ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DAS CRIANÇAS DA BUGANVÍLIA

Para angariar fundos para as férias das crianças

Serão leiloados: quadros, gravuras, cristais, pequenos electrodomésticos, mesas, cadeiras, toalhas, velharias e utensílios. 

Uma hora antes do leilão, às 15 horas, serão vendidos objectos vários expostos em lotes:

tudo a 0,50 €, tudo a 1 €, tudo a 2€ e tudo a 5 €.

Todas as peças serão vendidas pela melhor oferta, começando todas por 1 €.  

Para qualquer esclarecimento, contactar, por favor

amigosbuganvilia@gmail.com 

publicado por Zé LG às 18:46
08
Abr 18

festival do diálogo.jpg

Beja recebe a partir deste domingo, e até ao dia 14 deste mês, o Festival Diálogo - Diálogos Interculturais, que propõe para estes dias, conferências, filmes, exposições, tertúlias, gastronomia do mundo, workshops, atividades para crianças, artesanato e espetáculos. 

Este Festival é dedicado à promoção do diálogo intercultural como ferramenta de combate à exclusão social, contribuindo para uma mudança de mentalidades através do conhecimento mútuo e da valorização da expressão cultural própria de cada comunidade, cada qual detentora de riquíssimas tradições culturais e artísticas. Ver PROGRAMA.

publicado por Zé LG às 09:27
13
Mar 18

cartão social.jpg

O município de Castro Verde aprovou 16 novos pedidos de Cartão Social e procedeu à renovação de outros 13.

Esta medida de apoio a famílias economicamente carenciadas residentes no concelho beneficia actualmente 357 pessoas.
Nos primeiros dois meses de 2018, os apoios prestados a cidadãos carenciados representa um valor de cerca de 4825 euros, em comparticipações na área da saúde, sector onde o Cartão Social assume maior importância ao contribuir para uma redução das despesas.

publicado por Zé LG às 00:11
29
Jan 18

250120181218-296-VIDIGUEIRA-INCLUSIVA.JPG

A Câmara Municipal de Vidigueira aprovou, para este ano de 2018, a abertura de 10 vagas, no âmbito do projecto Vidigueira Inclusiva + Emprego. 

O principal objectivo passa pela ocupação temporária de pessoas desempregadas, sem qualquer suporte social de apoio, em situação de vulnerabilidade económica e social.

Os candidatos integrados neste projecto serão ocupados no desenvolvimento de actividades de interesse municipal, com a duração de três meses, podendo este período de tempo ser renovado por mais três meses, como afirma Luís Pestana, vereador da Câmara Municipal de Vidigueira.

publicado por Zé LG às 13:56
24
Jan 18

230120181127-301-ciganos3.jpg

Rosa Monteiro, secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, afirmou que a breve prazo é difícil resolver uma situação complexa que tem vários anos, referindo-se ao cenário que se vive no Bairro das Pedreiras.

Ana Pinho, secretária de Estado da Habitação, afirmou que esta é uma situação que carece de resposta integrada, porque não se trata de um caso de catástrofe.

Paulo Arsénio, presidente da Câmara Municipal de Beja, revelou que para já é preciso fazer um diagnóstico da situação, que considerou ser "preocupante".

publicado por Zé LG às 08:48
12
Dez 17

Uma reportagem de Ana Dias sobre a Raríssimas, trouxe à luz do dia um conjunto alargado de procedimentos da sua presidente Paula Brito da Costa que, a confirmarem-se, mostram como o uso e abuso do poder por parte de algumas pessoas as faz cometer os crimes mais atroses. Desde o primeiro momento em que vi a reportagem que me preocupou o risco deste caso poder levar a opinião pública a, "metendo tudo no mesmo saco", confundir o importante papel desempenhado pela Raríssimas com o desempenho eventualmente criminoso e imoral da sua presidente e tender a considerar que em todas as instituições similares existirão situações como esta. Ora, o que se passa na realidade não é isso. A maioria das instituições são geridas de forma exemplar e a esmagadora maioria dos seus dirigentes e outros colaboradores dão o que têm e não têm para que elas alcancem os seus objectivos. Por todas as razões e também por esta, este caso deve ser exemplarmente investigado e jugado de forma a ser asseguardo o bom nome das instituiões e dos seus dirigentes e colaboradores.Porque dificilmente conseguiria expressar melhor o que penso relativamente a uma nota publicada pela "Direcção" da Raríssimas no FB, entretanto retirada, do queAndré Rica escreveu AQUI, publico na íntegra o seu texto, que sugiro que leiam.   À Presidente da Rarissímas, Paula Brito da Costa, não se preocupe, CONCORDO CONSIGO!

 

publicado por Zé LG às 00:02
11
Dez 17

imgLoader.ashx.jpg

 

Florival Candeias, o "nosso" Valito, recebeu uma Menção Honrosa referente à 10.ª edição do Concurso “CARTAZ 3 DE DEZEMBRO – DIA INTERNACIONAL DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA”, promovido pelo INR (Instituto Nacional para a Reabilitação, IP).

 

A cerimónia pública realizou-se no auditório do CITEFORMA, em Lisboa, com a presença da Sr.ª Secretária de Estado da Inclusão das Pessoas com Deficiência, Dr.ª Ana Sofia Antunes.

 

Juntos… Construímos Felicidade.

 

PARABÉNS Valito!

publicado por Zé LG às 13:57
02
Dez 17

578px_e5a1ea4506d73f5501204.png

publicado por Zé LG às 20:00
28
Nov 17

ArteEdia-768x512.jpg

O Centro de Paralisia Cerebral de Beja (CPCB) e a EDIA promovem, pelo décimo sexto ano consecutivo, a exposição “Arte numa Perspetiva Diferente”, que é inaugurada hoje, às 17.00 horas, na sede da EDIA, onde se mantém aberta ao público todos os dias úteis, entre as 9.00 e as 18.00 horas, até ao dia 29 de dezembro.

A receita proveniente da venda dos quadros reverte, na totalidade, para o Centro de Paralisia Cerebral de Beja. 

Ler e ouvir AQUI e AQUI.

publicado por Zé LG às 00:17
22
Nov 17

23659136_1708257312538209_2651310999530327703_n.jp

O TeatroThalia em Lisboa foi ontem palco da entrega da distinção Entidades Empregadoras Inclusivas, uma distinção pública às boas práticas de gestão abertas e inclusivas, desenvolvidas por entidades empregadoras relativamente às pessoas com deficiência e incapacidade.

O município de Portel, no Alentejo Central, foi o único município alentejano a receber esta distinção, enquanto empregador, reconhecido pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional, por promover um "mercado de trabalho inclusivo" e se distinguir ao nível do recrutamento, desenvolvimento e progressão dos trabalhadores, pelas suas acessibilidades e pela qualidade de serviço e relação com a comunidade.

A distinção foi recebida pela presidente da autarquia, José Manuel Grilo.

publicado por Zé LG às 12:42
03
Nov 17

logo-ps_17-copia.jpg

A edição de 2017 do Encontro Transfronteiriço de Profissionais de Museus realiza-se nos dias 3 e 4 de novembro, em Mértola. O programa do Encontro conta com a intervenção de instituições/investigadores que têm vindo a desenvolver propostas e atividades acessíveis e com a visita aos núcleos museológicos do Museu de Mértola e à Mina de S. Domingos. O Encontro contará também com a colaboração do Campo Arqueológico de Mértola que apresentará o projeto LIMUS e dará continuidade ao Ciclo Conversas com …, neste caso com a Doutora Susana Gómez Martinez sobre a Casa Islâmica.

O Encontro Transfronteiriço de Museus (ETPM) realiza-se desde 2012, organizado pela Associación de Museólogos y Museógrafos de Andalucía (AMMA) e pela Associação Portuguesa de Museologia (APOM), e mais recentemente com a colaboração da Acesso Cultura, com o objetivo de apresentar projetos, trocar experiências e fornecer pontos de vista sobre o acesso à cultura e introduzir Tecnologia de Informação e Comunicação como fator chave para o desenvolvimento social e cultural das pessoas com deficiência com um elevado risco de exclusão. O projeto comemora anos de trabalho e pretende na edição de 2017 mostrar projetos e experiências do ponto de vista do público e dos usuários com necessidades especiais.

Programa, informações e inscrições em http://etpmuseos.com

publicado por Zé LG às 00:17
16
Out 17

A inclusão - e neste caso a inclusão escolar - já entrou no discurso político. Ainda bem, porque isso significa que ela é um anseio não só das famílias atingidas mas também da maioria das pessoas. Infelizmente, ao discurso só muito raramente se verifica o seu fomento na prática.

Exemplo disso é o que mais uma vez está a acontecer com os apoios aos alunos com necessidades especiais de educação. Estamos em meados de Outubro, um mês decorrido sobre o início do ano lectivo, e os terapeutas ainda não foram colocados, continuando os alunos sem os apoios de que tanto carecem para o necessário desenvolvimento e consequente inclusão. E as notícias que começam a surgir, como se nada de grave estivesse a acontecer, lançam as piores ameaças sobre as crianças e suas famílias, deixando-os sem rede. Nos casos que conheço directamente, os tempos dos terapeutas foram reduzidos em 50%. Uma criança que tinha dois tempos de fisioterapia e dois tempos de terapia da fala passa a ter apenas um tempo de cada terapia. E isto depois de já terem sido bastante reduzidos os tempos nos anos anteriores. 

Enquanto a aposta na inclusão for encarada como despesa em vez de investimento, estes cortes na educação inclusiva vão continuar a ser feitos para contribuirem para a redução do défice e ficamos todos a perder. 

E perante estas medidas o que fez o Conselho Municipal de Educação? Assiste, na bancada, considerando que se trata de um assunto que não lhe diz respeito? Esperemos que passe a ter um papel mais interventivo no acompanhamento da educação e na procura de soluções para os problemas existentes.

publicado por Zé LG às 23:03
25
Set 17

21686131_1719436378098791_2488651647304035243_n.jp

publicado por Zé LG às 13:41
21
Set 17

Segundo me informaram, foi constituída uma turma do 1º ciclo só por alunos ciganos, a funcionar no edifício do 2ª ciclo de uma escola e com horários desfasados das outras turmas... Admitindo que seja correcta  a informação, parece-me uma situação inadmissível, para não dizer mais nada...

Atendendo à gravidade da situação criada, confirmando-se a sua veracidade, espero que os responsáveis a alterem rapidamente, porque não é criando guetos que se constrói uma escola inclusiva.

Sei quanto é difícil lidar com a diferença, mas também sei quanto é enriquecedora essa viência. Se não for a escola a fomentar a inclusão quem a fará? Tanta e tão justificada preocupação com a preparação dos alunos para a defesa do ambiente, da criação de hábitos de alimentação saudável e outros temas e depois trata-se desta forma a inclusão...

Independentemente da situação em concreto, parece-me que esta é uma questão que deve merecer a mais ampla discussão, porque está em causa a formação das novas gerações, que queremos melhores do que as nossas.

publicado por Zé LG às 08:53
Julho 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
As criticas são sempre necessárias, venham de onde...
????????????
Apressadinho.
A avaliação de praticamente um ano de mandato de P...
Para isso, até os subversivos vinham ao “casting”!
Só se fosse para um “remake” do Lawrence da Arábia...
Boa ideia! Pena que o falecido N. Breiner não tenh...
A solução para o desenvolvimento de Beja seria enc...
A doutora Casanova dá uma entrevista e como fiel m...
A AMP também?
Boa edição do Diário com dois bons textos da filha...
Isto é experimentação sociológica.
A mentira só se espalha quando há ouvidos crédulos...
Vão dar uma conferência de imprensa encapuçados?
blogs SAPO