Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Balcão de Inclusão de Beja apoia pessoas com deficiência

21558930_130962474304665_3410701511331641888_n.jpgO Balcão de Inclusão da Câmara de Beja, que resulta do protocolo celebrado entre a Câmara de Beja e o INR- Instituto Nacional para a Reabilitação, e está instalado no gabinete de desenvolvimento e inovação social, tem prestado apoio a várias pessoas com deficiência e incapacidade.

Por outro lado, tem efectuado um levantamento das necessidades dos cidadãos portadores de deficiência bem como dos constrangimentos arquitectónicos para pessoas com mobilidade reduzida.

“Migrações - Diferentes Olhares” na EDIA

A EDIA e a Cáritas Diocesana de Beja promovem, esta tarde, a iniciativa "Migrações - Diferentes Olhares”, no Edifício da EDIA.

edia.jpgA mesma pretende estimular o interesse e promover o diálogo e o encontro entre todos, para uma melhor compreensão sobre a relação entre as Migrações e o Desenvolvimento.

Posteriormente, realiza-se um momento de apresentação das respostas que existem, localmente, no âmbito da imigração e um espaço de partilha e debate.

“Eu Sou” apresentado hoje na Escola Secundária Diogo de Gouveia

20190607143449231.jpg

O Agrupamento de Escolas Nº 1 de Beja desenvolveu, durante este ano lectivo, o projecto pedagógico-educativo Diversidade Cultural, que culminou com a produção do documentário “Eu Sou” com a participação de alunos de diversas nacionalidades e etnias, de diferentes anos de escolaridade. A apresentação do documentário realiza-se, esta tarde, às 14.30 horas, no anfiteatro da Escola Secundária Diogo de Gouveia.

O filme pode ser visualizado através do link https://vimeo.com/336833663

Alvito aposta no acolhimento e na integração de proximidade de Migrantes

claim-768x432.jpgO Centro Local de Apoio à integração de Migrantes de Alvito (CLAIM) já está a funcionar. O centro tem como meta “facilitar os processos de integração dos migrantes que Alvito recebe”, refere a autarquia.

O CLAIM proporciona aos cidadãos migrantes “respostas locais, articuladas ao nível das necessidades de acolhimento e integração de proximidade e visa dar resposta às necessidades em diferentes áreas”, adianta a mesma fonte.

O Centro funciona na Biblioteca Municipal de Alvito nas primeiras e terceiras quartas-feiras de cada mês, entre as 16.30h e as 19 h.

Mértola com intervenção precoce na Infância

Mértola-acordo-768x432.jpgA Câmara Municipal de Mértola assinou um protocolo de colaboração com a Subcomissão de Coordenação Regional do Alentejo para o Sistema Nacional de Intervenção Precoce na Infância (SNIPI).

De acordo com a Direcção Geral da Saúde, “o Sistema tem a missão de garantir a Intervenção Precoce na Infância (IPI), entendendo-se como um conjunto de medidas de apoio integrado centrado na criança e na família, incluindo acções de natureza preventiva e reabilitativa, no âmbito da educação, da saúde e da acção social”.

Município de Alvito cria creche em Vila Nova da Baronia

OBRAS ARRANCAM AINDA ESTE ANO

creche de alvito.jpgCom o objetivo de criar uma resposta social inexistente no Concelho de Alvito e proporcionar uma resposta especializada na área da infância à população do Concelho, o Município viu aprovada a candidatura ao Alentejo 2020 para a requalificação de uma antiga escola primária em Vila Nova da Baronia para instalação de uma creche com berçário (dos 3 meses aos 3 anos de idade).

Pretende-se, assim, contribuir para a inclusão das mães das crianças no mercado de trabalho e promover a criação de postos de trabalho, fixando a população jovem na região.

Centro Nacional de Apoio à Integração de Migrantes Móvel “arrancou” em Alfundão

201904021018026274.jpgTrata-se de um projeto piloto, em Portugal, que surge no âmbito da simplificação administrativa. O CNAIM Móvel destina-se ao atendimento, esclarecimento e encaminhamento dos cidadãos migrantes residentes em diferentes regiões de Portugal, de forma complementar o trabalho desenvolvido localmente e em parceria com as Câmaras Municipais e Juntas de Freguesia que detectem e identifiquem a necessidade de preencher as lacunas de informação no seio das comunidades migrantes e/ou ampliar ou reforçar as respostas a estas comunidades nos seus territórios.

Comentários recentes

  • Anónimo

    E não é só o hospital, a cidade e a região também ...

  • Anónimo

    Afinal é ou não verdade que o Hospital de Beja “co...

  • Zé LG

    Contactando a CMB. Mas atenção à data da notícia.

  • Anónimo

    Servirá sobretudo e na melhor das hipóteses, para ...

  • Tania

    Como posso fazer e pedir informações sobre como al...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.