Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Patrícia Ataíde cessou funções de vogal-executiva da ULSBA

Zé LG, 29.08.22

PA.pngO Conselho de Administração da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo – EPE anunciou que a Dra. Patrícia Ataíde cessou funções como Vogal-Executiva da ULSBA, no passado dia 23 de agosto, para assumir funções como Vogal do Conselho de Administração do Hospital Garcia de Orta, e que as áreas que lhe estavam atribuídas serão oportunamente redistribuídas em sede de reunião de C.A. no próximo mês de setembro e devidamente comunicadas ao coletivo institucional.

Hospital de Beja com Urgência Obstétrica/Ginecológica encerrada até quarta-feira

Zé LG, 16.08.22

h_202205181503536226.pngO Serviço de Urgência Obstétrica/Ginecológica do hospital de Beja encerrou hoje às 08:00 e reabre na quarta-feira, também às 08:00, por “impossibilidade de preenchimento da escala” médica neste período, disse fonte hospitalar. Também o bloco de partos está encerrado neste mesmo período de 24 horas, pelo mesmo motivo. Já este fim de semana, as urgências obstétricas do hospital de Beja estiveram fechadas durante 24 horas, entre as 08:00 de domingo e as 08:00 de segunda-feira. Este foi o quarto fim de semana consecutivo com constrangimentos nestes serviços do hospital de Beja devido à impossibilidade de preenchimento das escalas médicas.

ULSBA vai ter equipa comunitária de saúde mental para crianças e jovens

Zé LG, 01.08.22

202207301125062211.jpgO Governo vai criar, em vários pontos do país, dez equipas comunitárias de saúde mental, cinco para a população adulta e cinco para a infância e adolescência.

No caso concreto da equipa comunitária de saúde mental para a infância e adolescência da ULSBA, será constituída por um médico com a especialidade de psiquiatria, um enfermeiro especialista em saúde mental e psiquiátrica, dois psicólogos clínicos, um técnico superior de serviço social, um técnico superior de diagnóstico e terapêutica, com a profissão de terapeuta ocupacional, e um assistente técnico.

Comissão de Utentes de Beja diz que: “Não dá mais! Exigimos soluções para problemas que se arrastam ano após ano”

Zé LG, 27.07.22

HOSPITAL_-Obrigado_800x800-240x240.jpg“Não dá mais!”, é o lema da concentração em defesa do SNS, convocada para amanhã, às 18:30 horas, junto do Hospital José Joaquim Fernandes, pela Comissão de Utentes de Beja (CUB), que apela aos profissionais de saúde, bem como a todos os utentes para que se juntem neste protesto “para fazermos um dia de denúncia, de unidade e de luta pela resolução destes problemas e pela efetivação de um Serviço Nacional de Saúde Público, gratuito e de qualidade para todos.

A Comissão de Utentes recorda que “no Hospital de Beja, a obstetrícia fecha ao fim de semana”, que “não há ressonância magnética”, que “os equipamentos são deficitários”, que “faltam médicos, enfermeiros e auxiliares” e que “continua por construir a segunda fase das obras desta resposta de saúde”. Lembra, ainda, que, “no âmbito da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo (ULSBA) há utentes sem médico de família”.

Daqui e daqui.

Urgência de Ginecologia/Obstetrícia de Beja fechada de hoje até Domingo

Zé LG, 22.07.22

h_202205181503536226.pngA Urgência de Ginecologia/Obstetrícia do Hospital de Beja encerra hoje pelas 18:00 e reabre domingo, a partir das 08:00, em virtude da falta de médicos da especialidade. Também o Serviço de Ginecologia/Obstetrícia do Hospital vai estar encerrado entre as 08:00 e as 20:00 de sábado, o que implica a transferência de todas as utentes internadas por falta de médicos de serviço. Daqui e daqui.

Chega organizou vigília junto ao Hospital de Beja, para protestar contra o “estado da saúde” no distrito

Zé LG, 20.07.22

Vigilia-Chega1-1024x596.jpegA presidente da Distrital de Beja do partido Chega, Ana Moisão, denunciou que as condições do Hospital José Joaquim Fernandes “estão a deixar os habitantes do distrito numa situação muito delicada” devido, entre outras questões, à falta de profissionais e equipamentos e que esta situação “é fruto do desinvestimento dos sucessivos governos na saúde”, referindo que Beja é “especialmente prejudicado” pela sua área, “em que existem localidades que ficam a cerca de duas horas do trajeto até ao hospital”.

Ana Moisão frisou que o partido continua a “defender a ampliação do Hospital de Beja”, que “sem saúde não pode haver progresso” e que os problemas da saúde estão diretamente relacionados com a falta de atratividade do Alentejo.

Hospital de Beja é, cada vez mais, um hospital-contentor

Zé LG, 11.07.22

22311696_GYmpk.jpeg«… Basta qualquer utente ir ao Serviço de Urgência do Hospital José Joaquim Fernandes, e depara-se facilmente com a carência de médicos, bem como uma estrutura física pequena e desatualizada para acomodar os doentes que lá se encontram. Além disso, basta dar uma volta pelo recinto, para constatar que o único hospital da região se tornou um hospital-contentor. Serviço de Urgência COVID-19 -> Contentores. Consultas externas de pediatria -> Contentores. Consultas de diabetologia -> Contentores. O próprio Concelho de Administração -> Contentores. Serviço de Urgência pediátrico -> Contentores.

Em suma, o único hospital da região, além da carência de material e de recursos humanos, é uma estrutura física cheia de remendas, em que os défices vão sendo “tapados” com contentores, que, acredito, não serão temporários, e sim definitivos, nunca sendo criada uma solução para as necessidades da população, que paga elevados impostos, por fracos cuidados de saúde.» MAIS BEJA, aqui.

Pavilhão de Diabetologia da ULSBA, apoiado pela CIMBAL, EDIA e SOMINCOR, foi inaugurado no Hospital de Beja

Zé LG, 10.06.22

202206091042289960.PNGA CIMBAL revela que “este projeto tem como objetivo prestar os melhores cuidados de saúde às crianças, grávidas, adultos e idosos do Baixo Alentejo, com Diabetes Mellitus” e que “estes doentes receberão o tratamento e acompanhamento similar a outras zonas do País”. É ainda adiantado que “os mais jovens, terão a oportunidade de ter uma “bomba infusora” de insulina, o tratamento mais inovador para quem tem Diabetes Tipo 1.”

Hospital de Beja “desapareceu” do Orçamento do Estado, denuncia Catarina Martins

Zé LG, 18.05.22

Catarina-Martins-1-768x432.jpgCatarina Martins, a Coordenadora do Bloco de Esquerda (BE), visitou, esta manhã, o Hospital de Beja e não poupou críticas ao Governo pelo desinvestimento, lamentando que o Orçamento de Estado não tenha atribuídas verbas para a ampliação daquela unidade de saúde. “O Hospital de Beja desapareceu do Orçamento do Estado, entre 2018 e agora”, disse, apontando ainda outros problemas: a contratação e a fixação de profissionais, recordando que o prometido aumento das “vagas carenciadas” ficou “aquém das necessidades” no Hospital de Beja.
A coordenadora do Bloco o Esquerda aproveitou a oportunidade para enaltecer a resposta de saúde mental criada em Beja.                               Leia e oiça aqui e aqui.

Ana Matos Pires publica, em co-autoria, artigo científico em revista internacional sobre depressão resistente ao tratamento

Zé LG, 03.04.22

240620151806-754-ANAMATOSPIRES.jpgEstudos acerca da depressão resistente ao tratamento são, em Portugal, ainda muito limitados, embora a prevalência de depressão seja, no nosso País, das mais altas da Europa.

Por este motivo, especialistas portugueses em psiquiatria, entre os quais a médica psiquiatra da ULSBA, Ana Matos Pires, publicaram um artigo científico numa revista internacional intitrulado “Treatment-Resistant Depression in Portugal: Perspective From Psychiatry Experts”, no qual analisam e caracterizam a doença, o diagnóstico, o percurso do doente, as opções de tratamento e as necessidades clínicas ao longo do processo.

Comissão de Utentes de Beja promove marcha em defesa em defesa do Serviço Nacional de Saúde

Zé LG, 19.02.22

202002291227534940.jpg…  no dia 26, com início às 10h00, junto à Casa da Cultura de Beja.  Nela, "a reabertura das extensões de saúde da área de abrangência da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo (ULSBA), a falta de médicos em diversas especialidades, incluindo a de Medicina Geral e Familiar e terminar com os atrasos nas marcações de consultas são reivindicações que também se vão fazer ouvir".

A Comissão de Utentes de Beja "apela à participação dos profissionais de saúde e de todos os utentes", sublinha que "este será "um dia de unidade e de luta pela resolução destes problemas e pela efetivação de um Serviço Nacional de Saúde público, gratuito e de qualidade para todos.”

Paulo Lopes, enfermeiro da ULSBA, co-autor de artigo científico publicado no Journal of Personalized Medicine

Zé LG, 23.01.22

202201211250332420.jpgPaulo Lopes é o enfermeiro da Unidade de Cuidados Intensivos Polivalente da ULSBA que é co-autor de um artigo científico de revisão, publicado em janeiro deste ano, no número especial da revista Journal of Personalized Medicine. Um artigo que analisa a evolução do conceito de cuidador, centrando atenções, sobretudo, nos cuidados aos mais velhos.

Devido ao aumento das necessidades de cuidados, principalmente nos idosos, surgiu o conceito de cuidador. Este conceito tem sofrido alterações ao longo dos anos devido a múltiplas abordagens e novas pesquisas na área. É neste contexto que surgiu o conceito de cuidador informal. Neste artigo científico foram obtidos vários dados e da análise resultam abordagens a “Doença de Alzheimer”, “Idosos” e “Institucionalização”.

Chefes de equipa do Serviço de Urgência do Hospital de Beja apresentaram a demissão e o PSD diz que “a classe média tem sido satisfeita no sector privado”

Zé LG, 19.01.22

Os médicos dizem que o Conselho de Administração (CA) da ULSBA “mostrou vontade para, em conjunto, trabalhar no sentido de resolver as problemáticas apresentadas”. É garantido que os médicos de Medicina Interna “vão continuar a assegurar os cuidados médicos à população em todas as suas áreas de intervenção, com empenho resiliência e dedicação, mantendo o objetivo prioritário de melhorar as condições de atendimento aos doentes”.

202201191449547023.jpg

O CA da ULSBA revelou que vai tentar resolver o problema das contratações, no contexto regional, com a ajuda da ARS e que foi criado um grupo de trabalho para resolver a questão da regulamentação do chefe de equipa e Serviço de Urgências e disponibiliza-se para resolver as diversas matérias apontadas dentro das possibilidades existentes e no contexto regional.

A Comissão de Trabalhadores do Serviço de Medicina Interna do Hospital de Beja mostrou-se solidária com a posição tomada pelos assistentes hospitalares de Medicina Interna e para colaborar na resolução das questões laborais.

O deputado do PCP, eleito por Beja, João Dias, reiterou a necessidade de "terem de ser criadas condições para resolver todas estas matérias" e lamenta que "se tenha chegado à situação de terem sido os médicos a tomar esta posição".

O PSD disse que “a ausência de gestão e organização na saúde neste Governo PS, tem levado os hospitais e as unidades locais a baterem no fundo” e que “se a classe média do nosso distrito tem sido satisfeita no sector privado, aqueles que mais precisam não têm essa possibilidade, acabando por ser deixados para trás. Se o SNS numa análise global sofre de doença crónica, em Beja ruiu na sua plenitude”.

CA da ULSBA reúne com chefes de equipa das urgências demissionários ou representantes

Zé LG, 18.01.22

202112300936231013.jpg“O Conselho de Administração da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo tomou conhecimento pela comunicação social do pedido de demissão do cargo de Chefes de Equipa do Serviço de Urgência da ULSBA e do pedido de reunião por parte destes médicos.

Face ao sucedido, e após conversa com a Direção do Serviço de Medicina e com os Coordenadores do Serviço de Urgência, informamos que amanhã, dia 19 de janeiro, pelas 9h30m, o Conselho de Administração da ULSBA reunirá com os médicos signatários ou representantes, e desta reunião dará nota.”

Doze chefes de equipa das urgências do hospital de Beja apresentam demissão

Zé LG, 18.01.22

130420151031-871-HospitalBeja.jpgOs 12 chefes de equipa de Medicina Interna consideram que “as condições atuais não permitem assegurar cuidados aos doentes com a qualidade e segurança devidas” no Serviço de Urgência (SU) do hospital de Beja, pelo que apresentaram a demissão dos cargos “até que seja feita uma reavaliação da situação” do SU, “com resolução da carência de recursos humanos médicos e reapreciação das competências dos chefes de equipa”. Outros seis médicos do hospital de Beja subscreveram o documento em sinal de solidariedade para com os 12 chefes de equipa demissionários.
Os médicos referem que a decisão de apresentarem a demissão foi tomada agora “em virtude de uma situação ‘arrastada’ de declínio das condições de trabalho e de organização” do SU, “para a qual foi solicitada a atenção do conselho de administração” da ULSBA, “por inúmeras vezes, sem qualquer resposta efetiva”, consideram “aceitável um prazo de duas semanas para agendamento de uma reunião entre os elementos interessados” e avisam que, “na ausência de resposta, estão previstas medidas adicionais”.
Os 12 chefes de equipa também já pediram escusa de responsabilidade civil, juntamente com mais quatro médicos especialistas do hospital de Beja.

ULSBA recebeu 28 médicos internos

Zé LG, 05.01.22

202201041437122056.jpgO Conselho de Administração, a Direção do Internato Médico e a Comissão de Internos da ULSBA deram, na última 2ª feira, as boas-vindas aos novos médicos internos que iniciam a sua formação geral e a sua formação especializada no Hospital José Joaquim Fernandes e nos Centros de Saúde da região.

No total, são 28 médicos internos, 7 para a Formação Especializada, nas especialidades de Medicina Intensiva (2), Psiquiatria (1), Pediatria (1) e Medicina Geral e Familiar (3) e 21 para Formação Geral (antigo Ano Comum).

Segundo a ULSBA a vinda de médicos internos é “sempre encarada com grande satisfação, uma vez que promove a dinamização dos Serviços Clínicos e cria a possibilidade de fixação de médicos na região, recursos humanos tão necessários”.

AR recomendou que se “dê início” à “ampliação do Hospital José Joaquim Fernandes”

Zé LG, 10.12.21

130420151031-871-HospitalBeja.jpgA Assembleia da República recomenda que se “dê início” à “ampliação do Hospital José Joaquim Fernandes”, em Beja, “nomeadamente através da construção do corpo G previsto no projeto técnico” e que seja atribuída à ULSBA a competência para desencadear os procedimentos necessários ao início do processo de construção do novo edifício, devendo ser transferidas do Ministério da Saúde para esta entidade as verbas necessárias para a revisão do estudo, e projeto de construção, do novo edifício do hospital. Deve ser definido “um cronograma para a construção do novo edifício, que assegure a abertura do concurso público durante o 1.º semestre de 2022 e a adjudicação da construção até final de 2022”.

Médica da ULSBA publica livro sobre “saúde mental para todos”

Zé LG, 27.11.21

Livro-Não-Há-Mal-que-sempre-dure-1-768x576.jpg“Não há mal que sempre dure” é o título do livro, recentemente, publicado da autoria de Mariana Duarte Mangas, médica interna da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo (ULSBA), e recém especialista em Psiquiatria, com o apoio do Programa Nacional para a Saúde Mental.
O livro “dirigido a pequenos e graúdos”, aborda a saúde mental de forma simples, “numa linguagem acessível a todas e a todos, ancorada num trabalho artístico de excelente qualidade estética” tal como destaca Ana Matos Pires, Diretora do Serviço de Psiquiatria da ULSBA, no prefácio do livro. O posfácio é de Júlio Machado Vaz, médico psiquiatra e sexólogo