Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Vinho de Talha candidatado a Património Cultural e Imaterial da Humanidade

Ao longo dos tempos, a técnica de produzir vinho em talhas, grandes vasilhas de barro, foi passada de geração em geração, de forma quase imutável. O processo existe há mais de dois mil anos, desde a época dos romanos, é encarado como uma herança do Alentejo e faz parte do dia a dia da população de Vila de Frades, ...

6cc79613a0174f68d07e889f4ef1aa3c-754x394.jpg

O projeto “Gerações da Talha” surgiu para dar forma a esta arte milenar, com a pretensão de valorizar e manter a produção genuína do vinho de talha, que tem neste momento uma candidatura a Património Cultural e Imaterial da Humanidade.

3,5 C Congresso Mariana - primeiro congresso internacional sobre Soror Mariana Alcoforado em Beja

Entre 15 e 17 de novembro a cidade de Beja irá receber o primeiro congresso internacional sobre Soror Mariana Alcoforado, a freira portuguesa que se acredita ter escrito as cinco cartas de amor publicadas há 350 anos, em Paris.

Três séculos e meio após da vinda a público de um dos textos mais influentes da cultura ocidental, o apelo das famosas Cartas permanece irresistível: o epistolário da freira de Beja, com a sua impetuosa escrita de amor e dor, suscitou e suscita sempre inúmeros debates, ensaios, teses de doutoramento, recriações literárias novelísticas, poéticas e teatrais, obras pictóricas, plásticas e musicais, figurando de forma preeminente no imaginário português e estrangeiro.

350_congresso_mariana_1.png

Org: Universidade Nova de Lisboa, University of Massachusetts Dartmouth

Assistência: Livre e gratuita, com inscrição no Secretariado, presente no local das sessões

Apoio: Fundação para a Ciência e Tecnologia, C.M. Beja, Biblioteca Nacional de Portugal e Museu Regional de Beja.

Ver PROGRAMA.

Mais de uma centena de automóveis antigos cruzam a planície alentejana

48 horas.jpgO 48 Horas Alentejo realiza-se até domingo, dia 3 de novembro e atingiu, um número recorde de participantes, com mais de 100 automóveis em competição nesta 24ª edição. O percurso de 2019 passa pelos concelhos de Beja, Serpa, Moura, Vidigueira, Ferreira do Alentejo e Grândola.

Luís Brito, director do “48 Horas Alentejo” - considerado “um dos melhores eventos de automóveis clássicos realizados em Portugal pelas suas características únicas que juntam dois percursos turístico e desportivo de elevada qualidade” -, assegura que esta é a maior concentração de automóveis clássicos no Alentejo.

Antiga Sede do Partido Comunista da Bulgária, abandonada após uma década de utilização

Esta é uma imagem da antiga sede do Partido Comunista da Bulgária. Do lado de fora, ela parece o covil do vilão de um filme de James Bond. E seu interior não é muito diferente! O edifício tem exatamente a forma de um disco voador. (foto de Dimitar Kilkoff)

sede pcb.jpg

O prédio foi usado por uma década, entre os anos de 1981 e 1991. O partido entrou em colapso após a queda da União Soviética e ninguém assumiu o controle do local. Agora, é um espaço vazio. Mas há planos para restaurá-lo.

PJ apreendeu cartas régias escritas entre os séculos XVII e XIX

201910041109179824.jpgA Polícia Judiciária, através da Directoria do Sul, no âmbito de uma investigação em curso, procedeu à apreensão de um códice factício, constituído por 165 documentos, em bifólio de papel, manuscritos, entre os anos de 1623 e 1806, contendo maioritariamente cartas originais enviadas em nome do “Rei” do “Príncipe” do “Infante” e da “duquesa de Mântua” e endereçadas a figuras ilustres da cidade de Beja.

Estes documentos, que se encontravam em posse de particulares, foram apreendidos por terem sido levantadas dúvidas, pela Câmara Municipal de Beja, relativamente ao seu eventual descaminho do espólio do Estado e vão agora ser alvo de perícia, no Laboratório de Polícia Científica, com vista a determinar a sua autenticidade.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Mais uma vez, estamos a constatar o desinvestiment...

  • Anónimo

    Pois, pois.....A falta de dignidade e coerência po...

  • Anónimo

    A democracia é a pior forma de governo, com excepç...

  • Anónimo

    Bem sei, caro LG, que a citação não é da sua autor...

  • Anónimo

    O quê? Ou a linguagem é subliminar, ou sou eu que ...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.