Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Festa Solidária para com "Os Rafeiritos do Alentejo", em Castro Verde

image1.jpegOs Rafeiritos do Alentejo -  associação sem fins lucrativos e de proteção animal, sediada na estação de Ourique - Castro Verde - tem  a missão de proteger animais domésticos, procurando assim combater o abandono na região.

Os Rafeiritos propõem-se a fazer uma festa solidária com música, comidas e bebidas, cujo lucro reverterá para pagar contas de veterinário.

Para que esta festa aconteça será necessário fazer face a algumas despesas inerentes, pelo que, para que o nosso objetivo seja cumprido é essencial angariar patrocinadores.

É neste sentido que solicita a colaboração para o sucesso desta missão. Contacte-a pelo e-mail rafeiritos.alentejo@gmail.com

Festas de Beja

Festas da Cidade.jpgPorque não se aproveita o Feriado Municipal e o fim-de-semana para fazer umas Festas da Cidade (ou do Concelho) com evocação de factos históricos marcantes, encontros com bejenses ilustres, piqueniques em locais aprazíveis com histórias para contar, homenagem a pessoas e entidades do Concelho que se tenham destacado no último ano e outras iniciativas envolvendo o movimento associativo? Não seria mais interessante do que realizar mais estas Festas, uma semana depois de mais uma Beja Romana?

Festa do Azulejo junta 2 mil alunos na Praça da República em Beja

festa-azulejo2019.jpgA Festa do Azulejo 2019 realiza-se, hoje, na Praça da República, em Beja, espalhando-se pelas ruas do centro histórico. Peddy papper azulejar; workshop de pintura de azulejos; montagem de puzzles gigantes; animação de rua; danças tradicionais; performances dos alunos do Conservatório Regional; atuação do Grupo Coral Mocinhos em Cante e visitas guiadas aos monumentos da cidade são as propostas.

Florival Baiôa, presidente da adpBeja- Associação para a Defesa do Património de Beja, entidade promotora, disse que a Festa do Azulejo junta “perto de 2 mil alunos, na Praça da República”.

Comentários recentes

  • Anónimo

    No próximo mês vai outra delegação a convite de um...

  • José Dores

    Realmente e infelizmente Beja tem cada vez mais pe...

  • Anónimo

    Caro Vitor, é a tal cegueira da razão, que impele ...

  • Anónimo

    Sim, isso foi feito, mas ao que parece com poucos ...

  • Zé LG

    As questões "poderiam e deveriam ser travadas em p...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds