Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Isabel Camarinha, a nova (e primeira) Secretária-Geral da CGTP-IN

Zé LG, 15.02.20

IMG_7610.JPGSaímos deste Congresso fortalecidos, com grande e genuína abertura para dinamizar a unidade na acção, com todos os que trabalham no nosso país, sejam eles de que nacionalidade forem, tenham que credo religioso tenham e mesmo com os que nenhum têm, votem em que Partido votarem, porque aquilo que nos une é a nossa condição de explorados é o facto de sermos trabalhadores.
Estamos a chegar ao fim do nosso Congresso, vamos partir para novas lutas, com a confiança nos trabalhadores, com o exemplo e o estímulo da acção dos que nos antecederam e daqueles que asseguram hoje este grande projecto sindical e que daqui saúdo.
Leia todo o seu discurso de encerramento do XVI Congresso da CGTP-IN , aqui.

João Paulo Ramôa reeleito provedor da Misericórdia de Beja

Zé LG, 16.01.20

190120162124-952-JooPauloRamoa.jpgJoão Paulo Ramôa liderou a única lista que se apresentou a votos na Santa Casa da Misericórdia de Beja e foi reconduzido no cargo de provedor. A Direção é constituída pelo presidente João Paulo Ramôa e mais quatro pessoas: Luís Dargent, Afonso Henriques Rabaçal, António Nascimento e Sandra Peixeiro. A Assembleia-geral continua a ser liderada por António Chícharo e o Conselho Fiscal por Pires dos Reis.
João Paulo Ramôa pretende agora consolidar projetos que iniciou no mandato anterior: “trabalho que está a ser desenvolvido junto dos mais velhos, dando-lhes qualidade de vida em suas casas até o mais tarde possível”, “construção de 20 habitações, T0 e T1”… para distribuir depois por pessoas que estejam em situações de pobreza de fundo ou pontual”; “levar a bom porto candidaturas para requalificação da Igreja e do Museu da Farmácia, assim como algumas parcerias que foram iniciadas e que precisam de ser prosseguidas”.

João Carlos Goes eleito presidente da Assembleia Municipal de Vidigueira

Zé LG, 08.01.20

202001071202018437.jpgJoão Carlos Goes tem 50 anos e é docente do Ensino Superior há mais de 20 anos, sendo atualmente Professor Catedrático na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade NOVA de Lisboa.

Nas últimas Eleições Autárquicas foi eleito nas listas da CDU pelo sexto mandato consecutivo, sendo membro deste órgão desde 1997.

João Carlos Goes expressa “a sua gratidão pela confiança depositada para presidir aos trabalhos da Assembleia Municipal, cargo que espera desempenhar de forma independente, rigorosa e justa, garantindo que as decisões democraticamente tomadas sejam aquelas que mais se ajustam às expectativas e necessidades da população e no sentido do progresso e do desenvolvimento sustentado do concelho de Vidigueira”.

Assembleia Municipal da Vidigueira elege novo presidente

Zé LG, 27.12.19

vidigueira-768x432.jpgA Assembleia Municipal da Vidigueira elege hoje o presidente da Assembleia Municipal, na reunião agendada para 21h30 na Sala de Sessões do Edifício dos Paços do Concelho.
Os eleitos vão ainda votar os Documentos Previsionais para 2020 e o Mapa de Pessoal do próximo ano, tal como a versão final do Projecto de Estratégia de Reabilitação Urbana da Vidigueira.

Recordamos que o anterior presidente da Assembleia Municipal de Vidigueira anunciou a sua demissão, na reunião de Setembro.

Rui Marreiros substitui Claudino de Matos na presidência da Direção do CEBAL

Zé LG, 06.12.19

Tomaram posse hoje, dia 6, os órgãos sociais do CEBAL, eleitos para o triénio 2019-2022. Até 2022, Claudino de Matos, da ACOS, preside a Mesa da Assembleia-geral; Rui Marreiros, da EMAS de Beja, à Direção do CEBAL e Filipe Pombeiro, do NERBE/AEBAL, ao Conselho Fiscal.

170220162230-650-CEBAL.jpgAs eleições ditaram que integram, também, a Direção do CEBAL seis vice-presidentes, nomeadamente João Margalha, da Câmara de Beja; João Paulo Trindade, do IPBeja; Miguel Elias, da Universidade de Évora; José Filipe Santos, da EDIA; Fernando Romba, da CIMBAL e Fátima Duarte, sócia individual. Na Mesa da Assembleia-geral são vogais Eduardo Castro, da Universidade de Aveiro e o sócio individual João Lopes Baptista. Os vogais do Conselho Fiscal são o sócio individual Jorge Nunes e Sérgio Vaz, da Águas Públicas do Alentejo.

Abstenção

Zé LG, 09.10.19

A democracia é, em meu entender, um regime imperfeito, que exige permanente aperfeiçoamento. Desde há muito que acho que, se a democracia representativa não for complementada com a democracia participativa, tende a tornar-se desmobilizadora. Esta tendência tende a acentuar-se com as sondagens que, indicando projecções dos resultados, desmobilizam tanto mais os eleitores quanto menos parece o voto decidir.

Resultados Eleitorais Globais (faltam os votos da emigração)

Zé LG, 07.10.19

Resultados Globais.JPG

Para além da abstenção ter subido de 43% para 45,5%, os votos nos pequenos partidos (>1,5%) subiram de 6,88% para 7,50% e os brancos e nulos de 3,70% para 4,28%.

Actualização: O apuramento dos votos dos círculos da emigração atribuiu dois deputados para o PSD, e dois também para o PS, vencedor das eleições de 6 de outubro. Assim, o PS reforça a presença no Parlamento para 108 deputados, enquanto o PSD passa a ter 79 mandatos.