Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

PSD "esqueceu-se" de fazer eleições no distrito de Beja

psd.jpg

Nos estatutos do PSD pode ler-se:

Artigo 76º
(Mandatos)
1. Os mandatos dos órgãos eletivos do Partido são de dois anos, contando-se a sua duração a partir da data da eleição.”

Os actuais órgãos distritais e concelhios de Beja foram eleitos em 7/11/2016.
Pergunto: para quando as eleições? Ou volta a repetir-se o que aconteceu há 2 anos?
Há algum jornalista por aí que coloque a questão, já que os militantes são mantidos afastados ?
Continuamos no rumo errado…

João Espinho, aqui.

Eurodeputados debatem em Beja “Eleger e Participar – a União Europeia nas regiões desfavorecidas”

ue_dep.png

Beja vai receber a Conferência “Eleger e Participar – a União Europeia nas regiões desfavorecidas”, uma organização do Centro Europe Direct do Baixo Alentejo, no dia 9 de novembro, pelas 14h, na Galeria Ao Lado IP Beja, no edifício dos serviços comuns do Politécnico de Beja.

Os eurodeputados portugueses Carlos Zorrinho, Marisa Matias (BE) e Miguel Viegas (PCP) abordarão dois temas: as Eleições Europeias e a relevância do voto e a importância da UE nas regiões mais desfavorecidas – o caso do Alentejo.  Paulo Barriga, vencedor do prémio de jornalismo europeu Fernando de Sousa, será o moderador

A conferência pretende consciencializar os jovens, que votam pela primeira vez, da relevância da sua ação e da importância do voto informado nas Eleições Europeias de maio de 2019 e debater a ação da UE em regiões mais desfavorecidas, focando o caso do Alentejo.

O Mundo está a ficar um lugar perigoso

thumbs.web.sapo.io.jpeg

Jair Bolsonaro venceu a segunda volta das eleições brasileiras disputadas este domingo, 28 de outubro. O candidato da extrema-direita será, assim, o homem a suceder Michel Temer no Palácio do Planalto e a conduzir os destinos do Brasil nos próximos quatro anos.

 

Depois de em muitos países terem sido eleitos cada vez mais candidatos de extrema-direita e populistas, como nos EUA, foi agora a vez do Brasil eleger seu Presidente que se auto-intitulou de Trump brasileiro. É caso para dizer que os EUA e o Brasil estão "trumpados" e o Mundo está a ficar um lugar cada vez mais perigoso para se viver…

Alentejo Central escolhido para implementação do projeto piloto de voto eletrónico

3112_img1.jpg

A CIMAC – Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central recebeu a secretária de Estado Adjunta e da Administração Interna, Drª. Isabel Oneto, para uma reunião de trabalho com o Conselho Intermunicipal e técnicos dos municípios, sobre a implementação do voto eletrónico, em processo piloto, no Alentejo Central, nas próximas eleições para o Parlamento Europeu, em maio de 2019.

ANTÓNIO CEIA DA SILVA REELEITO PRESIDENTE DA TURISMO DO ALENTEJO E RIBATEJO

36684054_1815611515182344_707700465944494080_n.jpg

António José Ceia da Silva foi reeleito, esta quinta feira, por unanimidade, presidente da Região de Turismo do Alentejo e Ribatejo, para um novo mandato de cinco anos.

Em declarações à Rádio Portalegre, Ceia da Silva, mostrou-se “orgulhoso” com a reeleição, afirmando que a mesma é um sinal de que o trabalho desenvolvido no anterior mandato teve resultados "muito positivos".

A tomada de posse da equipa liderada por Ceia da Silva para voltar a liderar os destinos da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo, está marcada para o dia 19 de julho em Ferreira do Alentejo.

 

Votos de continuação de bom trabalho!

LUÍS DARGENT REELEITO PRESIDENTE DA DISTRITAL DE BEJA DO CDS-PP

201802231132551.jpg

Os próximos três anos serão de trabalho no sentido de implementar cada vez mais o CDS-PP no distrito de Beja: a meta é definida pelo reeleito presidente da Distrital dos centristas, Luís Dargent.
"Queremos continuar a nossa implantação no terreno e ter cada vez mais concelhias", assume Dargent, que foi reeleito no passado sábado, 17 de Fevereiro, para um novo mandato de três anos, que se estende até 2020.

ACTUAL REITORA DA UNIVERSIDADE DE ÉVORA É CANDIDATA ÚNICA A NOVO MANDATO

fgvvv_0_0.jpg

Ana Costa Freitas, 63 anos, professora da Universidade de Évora desde 2002, licenciada em agronomia e doutorada em Biotecnologia Alimentar, Reitora da Universidade de Évora desde maio de 2014, prepara-se para ser reconduzida no cargo até 2022.

A ex-conselheira política de Durão Barroso em Bruxelas é candidata à reitoria da Universidade de Évora sem oposição e as eleições acontecem a 22 de Março.

PS ELEGEU LÍDERES CONCELHIOS NO DISTRITO DE BEJA

Aljustrel - Nelson Brito; Almodôvar - António Bota; Alvito - Fernando Viola; Barrancos - José Pedro Texugo; Beja - Paulo Arsénio; Castro Verde - Filipe Mestre; Cuba - Jacinta Grilo; Ferreira do Alentejo - Luís Ameixa; Mértola - David Nogueira; Moura - João Diniz; Odemira - Dário Guerreiro; Ourique - Marcelo Guerreiro; Serpa - Paula Pais; Vidigueira - Teresa Ramalho.

A votos foi um único candidato por concelho. Os novos presidentes foram eleitos para um mandato de dois anos.

Em Março os socialistas elegem a nova Federação do Baixo Alentejo do PS. Pedro do Carmo, actual presidente, deverá recandidatar-se naquele que será o seu último mandato.

CDU DIZ QUE PS PRECISA DE “AUDÁCIA” SE QUER FAZER DE BEJA “O CENTRO DO SUL”

Paulo Arsénio, presidente da Câmara de Beja, considera que se trata de um Orçamento de “rigor e transparência”.

Para 2018 são prioridades o aumento do valor das transferências para as freguesias do concelho e para os Bombeiros Voluntários de Beja. A Câmara vai apostar na recuperação urbanística. A autarquia promete uma intervenção “diferenciadora” no Mercado Municipal, nas Piscinas Descobertas e na Casa da Cultura. O desporto, o Parque Habitacional e os arruamentos nas freguesias são outras prioridades.

Os eleitos da CDU abstiveram-se, viabilizando os documentos e fazendo uma declaração onde foi referido que os documentos não introduzem novidades em relação aos anteriores, mas referindo que há diferenças negativas, que o eleito João Dias enumerou. Neste contexto salientou que este orçamento termina com a expansão industrial que estava em marcha, o novo pavilhão municipal de desportos já com projeto concluído, a revitalização do centro histórico e as obras de beneficiação dos bairros periféricos. Para os eleitos da CDU estas foram as opções políticas assumidas. João Dias lembrou ainda, que este Executivo quer fazer de Beja “o centro do Sul”, dizendo que para isso não basta proclamar, mas sim mostrar audácia, em defesa do concelho, junto do Governo e no investimento local, características que não são reveladas nos documentos propostos. 

160120182204-191-IMG_0488.jpg

Conceição Casa Nova foi eleita presidente da Mesa da Assembleia Municipal de Beja, sendo a primeira mulher a presidir aquele órgão e substituino no cargo Fernando Romba, nomeado secretário-executivo da CIMBAL - Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo. Apenas os eleitos do PS apresentaram uma lista, que mereceu 14 votos em branco e 18 a favor. Conceição Casanova tem como 1ª secretária Carla Barriga e 2º secretário José Álvaro Pereira.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Esta malta da EMAS devia descansar um pouco!! Será...

  • Anónimo

    Sim, mas não tantos ….

  • Anónimo

  • Anónimo

    São tantas as campanhas, ações e divulgações da EM...

  • Anónimo

    Os presentes sobre as viaturas são feitos por pard...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.