Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

STAL acusa a Câmara de Sines de não assegurar lavagem das fardas e “um espaço digno com a colocação de cacifos triplos”

Zé LG, 23.08.20

202008201547482783 sines.pngO STAL acusou a Câmara Municipal de Sines de não cumprir o Acordo Coletivo de Empregador Público (ACEP), “que foi assinado em janeiro de 2019 e que até hoje não foi cumprido", continuado a não ser assegurada "a lavagem das fardas dos trabalhadores que exercem funções na recolha de resíduos sólidos urbanos, cemitério e saneamento, o que não está a acontecer”, tal como “um espaço digno com a colocação de cacifos triplos”.

Os trabalhadores acusam o governo de “negar o direito à aplicação de um suplemento e outras compensações aos trabalhadores da Administração Local que laboram em condições insalubridade e penosidade”.

Plenário de enfermeiros à porta do Hospital de Beja, esta manhã, integrado na semana de da CGTP em defesa da saúde e dos direitos dos trabalhadores

Zé LG, 23.06.20

060320171819-317-CGTP.jpgA Semana Nacional de Luta da CGTP, que está a decorrer até sexta-feira, tem como lema: "Vamos à Luta para defender a saúde e os direitos dos trabalhadores! Garantir emprego, salários, serviços públicos". Plenários e reuniões marcam esta semana de atividades, que passa, igualmente, pelo distrito. Em Beja está agendado para hoje de manhã, pelas 11h30, um plenário de enfermeiros, em frente à entrada principal do Hospital de Beja. “Palavras de reconhecimento, que agradecemos, não chegam. Não chegam porque os enfermeiros continuam com problemas por resolver”

A CGTP protesta contra "a política de agravamento da exploração e empobrecimento, de cortes nos salários e atropelo dos direitos e assume o compromisso de levar a cabo uma ampla ação de esclarecimento, mobilização e luta, reforçando a unidade dos trabalhadores".

"SE SENTES QUE ESTÁS EM PERIGO PEDE AJUDA"

Zé LG, 27.05.20

101384528_165656678257921_986493931363500032_o.png

 “PROTEGER CRIANÇAS COMPETE A TODOS” ⚠️
👉 De forma a tornar mais acessível a comunicação de situações de perigo, e somar a outras linhas de emergência já existentes, a CNPDPCJ, dispõe agora de uma linha telefónica, que garantirá o devido encaminhamento destas situações para a CPCJ territorialmente competente.
Esta campanha destina-se a sublinhar a importância da comunicação das situações de perigo, apelando à especial envolvência de toda a sociedade civil, reforçando o trabalho que tem vindo a ser realizado pelas CPCJ ao longo deste período de pandemia e confinamento.
#protegercriançascompeteatod@s #direitosdacriança #cnpdpcj #cpcj

Viva o 1º de Maio! Sem trabalhadores nada funciona!

Zé LG, 01.05.20

1maio-banner.jpgO 1º de Maio é uma data de afirmação de valores, força e solidariedade de trabalhadores unidos. É uma data que nasceu com a luta de trabalhadores contra a exploração, pelos direitos laborais e sociais, pela dignidade e justiça social.
Hoje, vivemos um momento complexo em que a prioridade é salvaguardar vidas e a saúde de todos. O Serviço Nacional de Saúde está sob grande pressão – a dedicação e empenho dos profissionais de saúde têm sido notáveis – mas também importantes são os trabalhadores que asseguram o funcionamento de outros serviços públicos e sociais, bem como aqueles que produzem bens e serviços essenciais.
E num momento em que muitos trabalhadores e suas famílias passam por dificuldades - e os seus direitos são atacados - desde o emprego, aos salários - a CGTP afirma que os trabalhadores não estão sozinhos.

«Retirem-nos a liberdade - o abominável consenso»

Zé LG, 20.04.20

65028485_10157431962677430_6594661359449800704_n I«Tenho medo da dormência em relação à restrição das nossas liberdades. É fundamental que lutemos pelos direitos sociais, mas uma sociedade que reage com alívio à restrição da sua liberdade, uma sociedade que normaliza o sobrevoo de dromes, uma sociedade que não debate a restrição das suas liberdades, não anda bem.»

Isabel Moreira, in VISÃO, de 16-04-2020.

Trabalhadores do Complexo Industrial de Sines concentram-se à porta da Refinaria

Zé LG, 03.03.20

202002201142452342 sines.JPGO Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Transformadoras, Energia e Atividades do Ambiente do Sul (SITE Sul) considera que “as condições dos trabalhadores tem vindo a agravar-se”, sendo o Complexo Industrial e Portuário de Sines “cada vez mais uma máquina gigantesca de exploração dos trabalhadores, com particular destaque para os trabalhadores da manutenção industrial” e por isso exige vai realizar uma concentração à porta da Refinaria de Sines, nesta terça-feira, 3 de março, a partir das 8h30, para “melhores condições laborais”.

Semana da Igualdade com atividades no distrito de Beja

Zé LG, 01.03.20

202002271748086819.jpgA CGTP realiza de 2 a 6 de março várias iniciativas, por todo o país, no âmbito da Semana da Igualdade, que coincide com as comemorações do Dia Internacional da Mulher. No distrito de Beja estão, igualmente, várias atividades programadas, abrindo com a realização, na segunda-feira, dia 2 de março, no auditório da USDB, de um Plenário de Trabalhadoras das IPSS, focando atenções nos temas: assédio no trabalho e doenças profissionais das mulheres trabalhadoras.

Beja Marcha pela Saúde, esta manhã

Zé LG, 29.02.20

87847464_2481861418697154_6094373054731780096_n ut

Entretanto a Comissão de Utentes de Beja continua à espera de uma reunião prometida pela ministra da Saúde. Marta Temido esteve em Beja no dia 21 de Janeiro e, nessa altura a Comissão entregou-lhe um documento com as preocupações que tem relativamente à saúde nesta região, a ministra deixou a promessa de uma reunião que continua por agendar.

AR diz "sim" à despenalização da eutanásia

Zé LG, 20.02.20

O parlamento despenalizou esta quinta-feira, 20 de fevereiro, a morte medicamente assistida.

A Assembleia da República aprovou hoje na generalidade os cinco projetos para despenalização da morte medicamente assistida. Estiveram presentes 222 dos 230 deputados.

Uma vez aprovada na generalidade a despenalização da morte medicamente assistida vai descer à comissão de Assuntos Constitucionais, Direitos Liberdades e Garantias, onde vai ser feito o debate na especialidade e os partidos vão tentar chegar a um “texto comum”, resultado de negociações relativamente a textos que não são muito diferentes entre si. O texto comum votado em comissão será aprovado em votação final global e seguirá para Belém, tendo o Presidente da República três hipóteses: promulgar, vetar ou enviar a lei para o Tribunal Constitucional (TC).

"Eutanásia é dar uma última escolha a alguém que chegou ao fim da linha..."

Zé LG, 19.02.20

86229103_3363635653653126_996108868490625024_o tia"...

Gosto de ver as pessoas que não têm males nem doenças a fazer manifestações a favor da vida...
Como podem vocês representar-me se nunca passaram pelo que tenho de passar diariamente?
Como podem vocês saber o que é passar dias, semanas, meses presos a uma cama onde a única coisa que se mantém a connosco é o sofrimento e a dor??

Eutanásia não é matar velhinhos só porque sim...
Eutanásia é dar uma última escolha a alguém que chegou ao fim da linha...
É deixar alguém partir com uma última gota de dignidade...

Quando chegar ao fim da minha linha, gostava de poder escolher ir embora deste mundo, rodeado de família e amigos no meio de sorrisos e de uma conversa animada e não no fim de meses e meses preso a uma cama sendo apenas um inútil que só dá trabalho.

Só vos peço isso, deixem-me ter essa escolha..."

 

Câmara de Moura condiciona exercício do direito à greve

Zé LG, 28.01.20

«A CÂMARA DE MOURA, O DIREITO À GREVE E OS DIREITOS DOS TRABALHADORES

83289292_2377489479171153_822180998153240576_n.jpg… depois de vários trabalhadores da Câmara Municipal me terem feito chegar fotografias de uma informação, assinada por um membro do executivo camarário. Que diz essa "informação"? Que os trabalhadores que queiram ir à manifestação a Lisboa, no próximo dia 31, "deverão antecipadamente [fazer] uma participação de ausência por conta do período de férias".

Um escândalo.

A "informação" é uma coação, torpe e ilegal, sobre os trabalhadores. Que estão abrangidos por um pré-aviso de greve e que não têm nada que meter férias ou, sequer, comunicar que vão fazer greve.» ...

(foto daqui)

PCP quer mais fiscalização na Almina – Minas de Aljustrel

Zé LG, 12.07.19

201812241225153249.pngO Grupo Parlamentar do PCP voltou a questionar o Governo sobre o que se passa nas Minas de Aljustrel. Neste requerimento o PCP diz que a frequente ocorrência de acidentes é da maior gravidade e exige o esclarecimento cabal dos factos e o apuramento de todas as responsabilidades nos acidentes ocorridos nesta mina, da responsabilidade da Almina.

Nas minas de Aljustrel só nos últimos meses dois trabalhadores perderam a vida e esta semana aconteceu mais um acidente onde um trabalhador das lavarias foi vítima de uma descarga elétrica de 6 mil voltes, tendo ficado em estado grave. Trata-se de um trabalhador contratado através de uma empresa de subcontratação que opera nesta mina, refere o deputado do PCP, eleito por Beja, João Dias frisando que apesar dos vários requerimentos efetuados, o Governo continua sem responder.

E as primeiras intenções não contam?

Zé LG, 30.06.19

Sempre que alguém toma a inciativa de promover acções em defesa do que entende estar ameaçado logo aparece quem acusa os promotores de terem segundas intenções ao terem aquela iniciativa.

65545711_2804756906221415_8130916408985911296_n.jp

Muitas vezes, essa acusação até pode ser verdadeira. Mas, por isso, vamos inibir-nos de participar ou apoiar essas acções devido às segundas intenções dos seus promotores, ignorando ou substimando as suas primeiras intenções, que justificam apoio?

65318916_2804757339554705_6828698650009403392_n.jpO desafio que deve ser lançado aos que criticam tudo o que outros tentam fazer é o de que tomem eles a iniciativa de fazer alguma coisa - e se possível, melhor -, para tentar alcançar os objectivos defenidos, que não questionam.

Fotos daqui.

Comissão de Utentes de Beja promove hoje uma concentração junto do Hospital Distrital

Zé LG, 28.06.19

65291361_2273459739537324_8729058907818819584_n.pn

A Comissão de Utentes de Beja realiza, esta tarde, uma concentração, junto à entrada principal do Hospital da cidade. Esta concentração visa mobilizar e sensibilizar a população para o agravamento da situação do Serviço Nacional de Saúde (SNS) e, em particular, do Hospital de Beja. Os três deputados, eleitos pelo distrito, foram convidados a participar nesta iniciativa.

Trabalhadores da administração pública manifestam-se, esta tarde, em Lisboa

Zé LG, 10.05.19

Manifestao.jpgO protesto, convocado pela Frente Comum de Sindicatos da Administração Pública, está marcado para as 14.30 horas, no Marquês de Pombal, os manifestantes seguem depois a pé em direcção à Residência Oficial do 1º Ministro, António Costa.

Os aumentos salariais e as progressões nas carreiras são dois dos motivos que levam ao protesto. As expectativas dos trabalhadores em relação a este Governo saíram goradas porque, em final de mandato, continua a faltar a reposição de vários direitos que tinham sido retirados.

Governo, que se gaba de contas certas, recusa-se a acertar contas com trabalhadores

Zé LG, 05.05.19

thumbs.web.sapo.io.jpgO primeiro-ministro comunicou ao Presidente da República que o Governo demite-se caso a contabilização total do tempo de serviço dos professores seja aprovada em votação final global.

 

O governo que sempre esteve disponível para abrir os cordões à nossa bolsa para cobrir os desvarios dos bancos, muito responsáveis pelas dificuldades que nos impuseram, ameaça agora demitir-se por lhe estar a ser imposto um dever básico de compensar os funcionários públicos (todos os afectados) pela contagem do tempo de serviço que lhe foi negada. Nem sequer, ao contrário do que diz, lhe exigem que pague já o valor correspondente. Para já, deve ser reconhecida a contagem do tempo. O pagamento poderá ser diluído no tempo. Porque não pagá-lo com certificados de aforro? Era uma forma de contribuir para a poupança de que tanto gosta...

CIMAL exige reversão da privatização dos CTT

Zé LG, 15.04.19

correios.jpgA Assembleia Intermunicipal da CIMAL-Comunidade Intermunicipal do Alentejo Litoral manifestou a sua indignação pela contínua degradação do serviço de correios prestado pelos CTT, assim como pelo incumprimento do Contrato de Concessão.

Nesse sentido, exorta o Governo a adoptar medidas de protecção do serviço de entrega postal universal, como a reversão da privatização do serviço e consequente regresso do mesmo à esfera pública, por se afigurar como absolutamente essencial para protecção dos direitos e interesses dos cidadãos.

Preocupações e reivindicações que fazem parte de uma moção apresentada pelo Bloco de Esquerda, que foi aprovada com a abstenção do PS e do deputado do movimento GM- Grândola Melhor e sem votos contra.

Beja “presente” na concentração nacional da CGTP-IN

Zé LG, 11.04.19

cgtp.jpgA CGTP-IN promove, esta tarde, a partir das 14.30 horas, junto à Assembleia da República, uma concentração nacional para protestar contra a proposta governamental de revisão do Código do Trabalho e considerar que é preciso “sensibilizar” os deputados para a necessidade de mexer no Código do Trabalho para lhe retirar “as normas gravosas para os trabalhadores e que a proposta que está em discussão não deve ser aprovada porque só irá piorar a situação”.