Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

CIMBAL abre concurso público internacional para Fornecimento de Gás

201903052217026078.JPGA Central de Compras da CIMBAL- Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo tem aberto, até dia 29 deste mês, o concurso público internacional para o Acordo-Quadro para fornecimento de Gás, composto por cinco lotes e contempla o fornecimento de gás natural (canalizado e granel); gás propano (garrafas e granel) e gás butano (garrafas).

 

Beja na criação da Rede de Bibliotecas José Saramago

IMG_6410.JPGA criação da Rede de Bibliotecas José Saramago é uma iniciativa da Câmara Municipal de Beja, através da sua Biblioteca Municipal, em parceria com a Fundação José Saramago. No dia 22 de março, será assinado o compromisso público fundador desta rede, entre a Fundação Saramago e as entidades tutelares das Bibliotecas que tem o nome de José Saramago: as Câmaras Municipais de Beja, Loures, Odemira, Feijó (Almada) e Avis e o Instituto Politécnico de Leiria, para a divulgação conjunta e consertada da obra de José Saramago - Prémio Nobel da Literatura 1998, através da realização anual de atividades de promoção do livro e da leitura.

In: B NEWSLETTER | março 2019 | Câmara Municipal de Beja

Câmara de Beja promove inclusão social no concelho

Câmara-de-Beja-4-768x432.jpgA Câmara de Beja viu aprovada, no mês passado, a candidatura para a inclusão e mediação activa, com a promoção da igualdade de oportunidades junto da comunidade cigana e migrante, no âmbito do Programa Operacional de Inclusão Social e Emprego
A candidatura, em parceria com a Cáritas Diocesana de Beja, do projecto “Rostos com Futuro” foi aprovada com um custo de cerca de 300 mil euros e uma comparticipação de 255 mil euros, suportando o Município os restantes 45 mil euros.

“Território Hospitalário: História Medieval da Raia”

201902121015524296.jpgé o mote para um projecto transfronteiriço, levado a cabo pela Câmara Municipal de Serpa, que junta também a autarquia de Moura e os ayuntamientos de Aroche e Aracena, na vizinha Espanha, destinado à promoção dos castelos das quatro localidades, através da história medieval comum ao território abrangido.

As actividades a desenvolver passam pela elaboração de um folheto promocional, em português, castelhano e inglês, sobre os quatro castelos, pela organização de uma série de conferências centradas na história medieval comum da região e pela dinamização de visitas entre as quatro localidades participantes.

Ferreira do Alentejo tem plano para “a promoção da excelência educativa”

FA-768x432.jpgA Câmara de Ferreira do Alentejo, o Agrupamento de Escolas e a Universidade Nova de Lisboa criaram um plano de desenvolvimento e qualidade da educação que será implementado no concelho, em três anos epretende “capacitar as escolas e a comunidade para a promoção da excelência educativa, dotar tecnicamente o município para adoptar planos e estratégias que contribuam para o desenvolvimento educativo local e monitorizar as boas práticas escolares”. O arranque do projecto deverá acontecer no 2º ou 3º período.

Marciano Lopes sugere criação de “pacto inter-partidário pelo Baixo Alentejo”

201902052225277581.jpgMarciano Lopes é um dos candidatos à presidência da Distrital de Beja do PSD e apresentou, ontem, o manifesto da lista com a qual se apresenta a votos no dia 16 deste mês. No documento é revelada a principal meta desta candidatura, que tem como número dois Luís Galrito, ou seja a de “reafirmar a dignidade da região”, baseada em oito medidas, entre elas um “pacto inter-partidário pelo Baixo Alentejo”. Leia e oiça também aqui.

 

Uma proposta audaz, pertinente e oportuna apresentada por um político sério e competente. Esperemos que os outros partidos não se fechem nos seus casulos e aceitem o desafio de trabalhar para a construção do maior denominador comum para a defesa de Beja e da região.

CCDRA e Alentejo 2020 constituíram Conselho Regional de Inovação

201901311651174521.jpgA CCDRA e o Alentejo 2020 constituíram o Conselho Regional de Inovação, previsto no modelo de governação da Estratégia Regional de Especialização Inteligente (EREI), a quem cabe promover a política regional de inovação e a implementação da EREI.

O Conselho integra a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo, que preside, bem como entidades representativas do Sistema Cientifico e Tecnológico Regional, produtores de tecnologia e utilizadores avançados, entidades de planeamento e gestão de políticas sectoriais e de I&I relevantes, entidades empresariais e outros agentes económicos e sociais, entidades intermunicipais.

STAL e Câmara de Alvito assinam novo ACEP

201901302220348227.jpgO STAL-Sindicato Nacional dos Trabalhadores da Administração Local assinou, com a Câmara Municipal de Alvito, o novo ACEP-Acordo Colectivo de Entidade Pública.

O ACEP, que o STAL tem estado a assinar com várias autarquias do País, prevê a fixação de algumas regalias que tinham sido retiradas aos trabalhadores durante o período da”troika”.

CPC de Beja proporciona Terapia Equestre – Hipoterapia a crianças sinalizadas pelas escolas, com o apoio da CMB

image001.jpgA Câmara Municipal de Beja assinou um protocolo de colaboração com o Centro de Paralisia Cerebral de Beja que permitirá a crianças do Concelho de Beja, sinalizadas pelas escolas, terem aulas semanais ou quinzenais de Terapia Equestre – Hipoterapia., comparticipando com um valor mensal de mil euros. O início das aulas está previsto para o mês de Fevereiro.

A “ necessidade de promover vivências fundamentais para o desenvolvimento de competências motoras, cognitivas e psicossociais às crianças portadoras de necessidades saúde especiais, desde que não apresentem nenhuma contra-indicação à prática da hipoterapia, e as condições de que o Centro de Paralisia Cerebral de Beja dispõe estão na base deste novo protocolo”. 

Lendias d’Encantar vai finalmente ter casa própria

49138015_10155755226406856_1882285845721907200_n.jO novo espaço da companhia bejense, situado na Rua do Sembrano, junto à antiga sede do Clube Desportivo de Beja, permitirá à Lendias d’Encantar, “pela primeira vez, desde a sua constituição (em 1998), desenvolver, de forma digna, o seu trabalho de criação, promoção, formação e programação”.
As obras de requalificação, que terão inicio nos próximos meses, têm como principal objectivo dotar a região de um equipamento cultural com vista à disponibilização de “uma sala de espectáculos, salas de ensaio para dança e teatro, residências para artistas e ainda escritórios, não só para a Lendias d’Encantar, mas para outras estruturas criativas do concelho e da região”.
A Lendias d’Encantar afirma que vê assim “realizado um sonho e uma necessidade com 20 anos” e revela que em 2020, a Companhia prevê já tornar o edifício na sede de operações do FITA – Festival Internacional de Teatro do Alentejo.

Comentários recentes

  • João Espinho

  • Anónimo

    O desenho até é muito apropriado, e de leitura mui...

  • Mais Beja

    Promessas que se tornam ilusões.O programa governa...

  • Anónimo

    Quem se mete com os rapazes do Pedro do Carmo, lev...

  • Anónimo

    O Tema e importante e merece tratamento jornalisti...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.