Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

CIMBAL apresenta melhor taxa de execução no Alentejo 2020

Zé LG, 12.02.20

A CIMBAL reuniu o Conselho Intermunicipal, com a presença dos responsáveis da Autoridade de Gestão do Alentejo 2020, que realçaram “o facto da CIMBAL, no âmbito das cinco CIM’s abrangidas pelo Alentejo 2020, ser a que apresenta melhor taxa de execução”.

O Conselho Intermunicipal tomou várias deliberações sobre candidaturas e contratações de serviços.

cimbal-1-768x432.jpgA Força Aérea Portuguesa apresentou o Tiger Meet, um evento a realizar em Beja, em Maio, que conta com a presença de 3000 militares, mais de 120 aeronaves, provenientes de 24 esquadras, em representação de 16 países e “terá o dia 17 de Maio aberto ao público, onde se aguarda um número de visitantes superior a 100.000 pessoas, coincidindo com o 68.º Aniversário da Força Aérea”.

Só há gente competente no PS, em Beja?

Zé LG, 07.02.20

Nas selecções de novas chefias da Câmara Municipal de Beja e de técnicos para a CIMBAL registou-se uma (quase) exclusividade de pessoas ligadas ao PS (dirigentes, autarcas, candidatos). Houve até um concurso em que a candidata (dirigente e autarca do PS) seleccionada obteve 16,25 (!!!) valores, a segunda 10,75 valores e a esmagadora maioria teve negativa!...

Não pondo em causa as competências das pessoas seleccionadas, uma dúvida se levanta: Será que fora da área do PS não existem pessoas competentes?

84279645_2424906080947527_680262874827849728_o.jpgMas, como não há bela sem senão, seleccionadas todas as competências de confiança partidária, reforçada a coesão da gestão política e organizacional, fica agora o PS sem desculpas para quaisquer falhas que possam surgir no funcionamento da Câmara Municipal de Beja e da CIMBAL.

Foto daqui.

CIMBAL debateu boas práticas na agricultura urbana

Zé LG, 31.01.20

A CIMBAL recebeu a sessão de trabalho e primeira reunião de Stakeholders em Portugal relacionada com o projecto CityZen, financiado pelo INTERREG EUROPE 2014-2020 e que decorrerá até Julho de 2023, com o objectivo de “Promover a agricultura urbana como uma forma de sucesso para a transformação económica e social e criar conhecimento relativo a políticas direccionadas para a agricultura urbana, iniciativas e modelos de negócio”.

pax-cityzen-1-768x432.jpgFlávia Duarte, membro da Irradiare, empresa que está a apoiar o município de Beja e a CIMBAL na implementação do projecto, disse que “debater ideias direccionadas para a questão das hortas urbanas” foi o tema abordado na sessão e que o projecto está dividido em duas fases, sendo, na primeira fase, o objectivo promover a partilha de boas práticas.

CIMBAL exige dos CTT “serviço público de qualidade”

Zé LG, 27.01.20

202001241134264043.jpg“Já foram encerradas 23 postos e há lojas subcontratadas que não prestam um serviço universal e de qualidade, manifestado em atrasos significativos na entrega de correspondência”. São estas algumas das queixas dos autarcas, que dizem haver “uma insustentável falta de respeito pela população e pelo território por parte da concessionária”. Esta é uma discussão que volta a estar em cima da mesa porque no final deste ano o contrato com a concessionária será revisto e os autarcas querem que “a situação dos serviços prestados atualmente seja alterada”. Querem que todas “as sedes de concelho tenham uma loja” e que “a qualidade do serviço seja universal”, o mesmo será dizer “igual nos locais onde o serviço é lucrativo e naqueles em que não o é.”

Governo iniciou “Roteiro para a Descentralização” em Beja

Zé LG, 10.01.20

ministra.jpgA Ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública, Alexandra Leitão, esteve na CIMBAL- Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo, em Beja, para reunir com os autarcas das Comunidades Intermunicipais (CIM) do Baixo Alentejo, dando início ao Roteiro para Descentralização, que vai percorrer todo o país.
Alexandra Leitão, disse que o objectivo desta iniciativa é “conhecer junto dos autarcas as principais dificuldades e sugestões que tenham relativamente ao processo de descentralização”, através de “reuniões de balanço e de levantamento de necessidades com as Comunidades Intermunicipais (CIM) e as Áreas Metropolitanas (AM)”.

CIMBAL abre procedimentos para aquisição de bens e serviços

Zé LG, 11.09.19

CIMBAL participa em projetos transnacionais

Zé LG, 10.09.19

CIOMBAL.jpgNa sessão do mês de setembro do Conselho Intermunicipal da CIMBAL – Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo, que foi presidida pelo vice-presidente Tomé Pires, em virtude da suspensão de mandato do atual presidente, Jorge Rosa, foi deliberada a aprovação da participação da CIMBAL nos projetos transnacionais: “LC4Regions” (economia circular – análise de ciclo de vida dos produtos, com base na proteção do meio ambiente e eficiência de recursos) e “CityZen” (agricultura urbana – promoção do crescimento verde, eficiência de recursos e criação de emprego), no âmbito do Programa Interreg Europe.

Ideologia determina opção da gestão da água em baixa

Zé LG, 22.07.19

Jorge Rosa, presidente da Câmara Municipal de Mértola e da Cimbal, acusou quem votou contra a proposta de criação da Águas do Baixo Alentejo – uma empresa que envolveria nove municípios (PS) da Cimbal e as Águas de Portugal, para gerir a distribuição de água em baixa -, de o ter feito “por pura ideologia partidária”. Outros camaradas seus, designadamente António José Brito e Paulo Arsénio, presidentes das Câmaras Municipais de Castro Verde e de Beja fizeram afirmações semelhantes.

Ora, se eleitos de outras forças políticas (CDU e BE) votaram contra (PSD e Por São Matias com Todos abstiveram-se, em Beja) aquela proposta “por pura ideologia partidária” o que dizer dos eleitos do PS dos oito dos nove municípios da Cimbal? Vejamos apenas algumas notas:

1 – Porque avançaram os eleitos do PS daqueles oito Municípios do PS sem os os quatro municípios da CDU e o de Ferreira do Alentejo (PS)?

2 – Porque “esqueceram” ou subestimaram os eleitos do PS das Câmaras de Castro Verde e de Beja que o PS não tem maioria nas respectivas Assembleias Municipais e que, conhecidas as posições da CDU e do BE, aquela proposta podia não passar, como se veio a verificar?

Em vez de acusarem outros de terem chumbado uma proposta sem os necessários estudos que a fundamentassem como a melhor, como referiu e bem Pita Ameixa, presidente da Câmara Municipal de Ferreira do Alentejo (PS), os eleitos do PS deviam acusar-se a si próprios de não terem feito “o trabalho de casa” como deviam, de se terem “esquecido” de, pelo menos em duas Assembleias Municipais, precisarem dos votos de quem, à partida, era contra este caminho, de pouco ou nada terem feito para esclarecer todos os eleitos, os trabalhadores do sector e as populações das implicações da mudança proposta para a gestão da distribuição da água em baixa, como reconhece o próprio Jorge Rosa.

É claro que as posições de todos – e não apenas da CDU e do BE, como o PS afirma -, é determinada pela ideologia que cada um, o que é perfeitamente normal. Os eleitos do PS nos municípios em causa, ao escolherem e tentarem impor a sua proposta também o fizeram “por ideologia”. Se a sua é “pura” ou não é o que se pode questionar...

CIMBAL propõe Manuel Soares para o CA da ULSBA

Zé LG, 12.06.19

201906111803379618.jpgO Conselho Intermunicipal da CIMBAL na sua reunião de junho, deliberou, por maioria, propor para vogal do Conselho de Administração da ULSBA, Manuel Soares.

Manuel Soares é licenciado em Ciências Farmacêuticas, com especialização em Administração Hospitalar e em Gestão de Unidades de Saúde. Manuel Soares foi vogal Executivo do Conselho de Administração do Centro Hospitalar do Baixo Alentejo, de 2005 a 2008 e da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo, de 2008 a 2012.

Recorde-se que Manuel Soares foi candidato do PS à Câmara Municipal de Serpa nas últimas eleições autárquicas. Foi antes membro da Assembleia Municipal de Serpa e da Assembleia Intermunicipal da Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo.