Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

É urgente cuidar do património da cidade de Beja

21227599_dT7cD.jpeg

A cidade de Beja assiste ao degradar de todo o seu património, seja municipal, regional (ex.: Museu Regional de Beja), privado (ex.: edifícios na Praça da República e Rua do Touro), religioso (ex.: Ermida de São Pedro) ou do governo central (ex.: antigo edifício do Governo Civil). Ao passear pela cidade, é possível verificar o estado de degradação a que chegam os equipamentos fruto da ausência de um trabalho de manutenção rigoroso e permanente. No caso do Parque da Cidade de Beja (foto), a manutenção tem sido apenas cortar a relva e apanhar o lixo que muitas pessoas insistem jogar para o chão (farão isso nas suas casas?).

...

É urgente cuidar do património da cidade, e isso não tem sido feito, pelos menos, nos últimos 10 anos. Não é um problema exclusivo da câmara, mas de todos. No caso aqui retratado, a culpa é do município, que não adotou nenhum plano para recuperar a beleza do Parque da Cidade. Basta ver o estado degradante em que se encontra o WC público, deck e mobiliário exterior do único café existente no parque, tendo inclusive afugentado muitos clientes que frequentavam o local.

Alvitrando suspende contador de visitas

Tendo surgido dúvidas quanto à eventual contaminação de vírus dos visitantes do Alvitrando, ao comentarem alguns alvitres, pela mensagem que recebiam nos seus equipamentos, ao que parece provocada pelo contador, retirei este, por sugestão da equipa do Sapo.

Espero, com esta medida, poder retomar a relação de confiança que sempre tem existido entre o Alvitrando e os seus visitantes.

Para memória futura fica o registo de 3.204.946 visitas, desde 15-01-2011.

APAGUEI MAIS ALGUNS LINKS

... de blogues e sites, porque não eram actualizados há mais de seis meses ou porque ficaram inactivos. A saber: Aldeagar, Cidade Inclusiva, Mértola, O Blogue do Estevão, Ambaal, Beja Digital, Évora Distrito Digital, Portalegre Digital, APR Turismo do Alentejo, Diário do Alentejo, Rádio Vidigueira e Margens de Erro.

ALVITRANDO "DE CARA LAVADA"

Há bastante tempo que andava a querer alterar o aspecto do Alvitrando. Essa vontade foi reforçada, nos últimos tempos, com alguns conselhos do "Blogs Sapo" para melhorar o acesso ao blogue. Fui adiando esse desiderato, porque mudar nem sempre é fácil e, umas vezes por falta de tempo, outras para preparar melhorar as alterações a introduzir, outras ainda por falta de conhecimentos, e também por múltiplas outras razões e desculpas. Hoje, porque me lembrei desse desejo e porque pude contar com a prestimosa colaboração de um colega, avancei. Ainda não será este o aspecto final, porque ainda pretendo fazer alguns ajustamentos, mas já e finalmente "lavei a cara" do Alvitrando. Espero que nada se tenha perdido e que gostem...

 

A REGIONALIZAÇÃO É UM IMPERATIVO NACIONAL

Mas a regionalização não é apenas um imperativo constitucional, é também, e principalmente, uma necessidade nacional de mais e melhor democracia, de mais e melhor administração pública, de mais racional e participada gestão dos recursos públicos.

Só assim se compreende que, passados mais de trinta anos e várias revisões, a regionalização continue inscrita na Constituição da República Portuguesa como um imperativo.

Só isso explica que os que tendo podido a não a concretizaram, não se tenham atrevido a propor a rua retirada da mãe de todas as leis. Preferem usá-la como arma de arremesso na luta partidária, quando tal lhes interessa…

Assim terminei a minha crónica, lida na Rádio terra Mãe, em 22.11.2007.

“SERIA UMA MAIS VALIA O ARRANJO DA ROTUNDA E ESPAÇO EM REDOR”

20875466_V9Otd.jpeg

Rotunda de Beja (estrada IP 8)

Um dos pontos de entrada ou passagem em Beja é a chamada “rotunda de Serpa”, que liga o IP8 à Rua Afonso III e Rua do Carmo Velho. Este local, mais parece um baldio, uma vez que não existe qualquer arranjo paisagístico ou monumental na rotunda, tornando esta entrada na cidade um local feio e sem qualquer motivo de interesse. Igualmente, no espaço envolvente, não existe qualquer arruamento ou ciclovia e a Ermida de São Pedro, que se situa a poucos metros da rotunda, encontra-se decadente.

JORGE BARNABÉ APRESENTOU QUEIXA NO MP CONTRA “A MENTIRA E AS CALUNIOSAS E DIFAMATÓRIAS ACUSAÇÕES AQUI PROFERIDAS”

Ao Proprietário/editor do Blogue e aos respectivos comentadores visados:
Felizmente a realidade não é igual nem à mentira nem às caluniosas e difamatórias acusações que aqui foram proferidas, absolutamente a despropósito! Pelo menos no meu caso!...
Considerando o aqui exposto apresentei queixas formais no MINISTÉRIO PÚBLICO para que possam os difamadores e caluniadores ter a oportunidade - com elementar e democrática justiça - de defender as suas acusações, comprovando o que aqui e noutros foruns foi afirmado sobre este assunto!
...
Não existe maior ofensa que a calúnia e a boataria. Porque sendo anónima e cobarde não nos deixa interlocutor para nos defendermos! Felizmente existe sistema judicial e nele terão a oportunidade de dar a cara e de provar o que afirmaram.
Jorge Barnabé a 5 de Março de 2018 às 22:04, AQUI.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Esta malta da EMAS devia descansar um pouco!! Será...

  • Anónimo

    Sim, mas não tantos ….

  • Anónimo

  • Anónimo

    São tantas as campanhas, ações e divulgações da EM...

  • Anónimo

    Os presentes sobre as viaturas são feitos por pard...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds