Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Quem vai eleger o terceiro deputado por Beja?

2019_ar_banner.jpgParecendo certo que os dois primeiros deputados à Assembleia da República pelo círculo eleitoral de Beja serão eleitos pelo PS e pela CDU, resta saber quem vai eleger o terceiro:

1 – Será que o PSD, ao arrepio de todas as previsões e tendências, ainda vai conseguir elegê-lo?

2 – Será que os resultados vão ser semelhantes aos das eleições para o Parlamento Europeu e vai ser o Bloco de Esquerda a elegê-lo, o que aconteceria pela primeira vez?

3 – Será que a CDU vai surpreender e recuperar a votação que já teve em tempos idos e será ela a elegê-lo?

Para quem não tem disciplina de voto, vai votar e não quer uma maioria do PS, esta é uma questão fundamental para determinar a utilidade do seu voto.

A sério, António Costa? Não é sério.

costa.jpg"Quem quer uma vitória do Partido Socialista só tem um voto a dar: é o voto no PS para dar força ao PS para continuar a mudança de política que iniciámos há quatro anos e que tem que seguir agora com mais vigor para podermos fazer ainda mais e ainda melhor", disse Costa, secretário-geral do PS, num comício em Beja.

"Quando olhamos [PS] para o que acontece no aeroporto de Beja só podemos mesmo dizer: é preciso fazer mais, é preciso fazer melhor, porque não nos conformamos com o que acontece no aeroporto de Beja", afirmou. “Já quando vemos o atraso no desenvolvimento dos acessos rodoviários aqui no distrito nós dizemos: é preciso fazer mais, é preciso fazer melhor, porque não nos conformamos com o estado em estão os acessos rodoviários ao distrito de Beja", disse António Costa. 

Lembrando que o Governo PS inscreveu "no plano nacional de infraestruturas que a eletrificação da ligação ferroviária entre Casa Branca e Beja seria entre 2021 e 2025", António Costa disse que a "ambição" do PS é de a "poder fazer em menos tempo, mas nunca, nunca mais atrasar essa obra, que já tarda há muito" em ser concretizada.

Morreu o Prof. Pereira Guerreiro

Pereira Guerreiro.pngFrancisco Lopes Pereira Guerreiro, natural de Beja, com 85 anos, faleceu ontem. O funeral realiza-se hoje, às 15h30, das Casas Mortuárias para o Cemitério de Beja.

Conheci o Prof. Pereira Guerreiro em 1970, quando foi meu professor de História no antigo 5ª ano do Liceu. O nome comum serviu para nos aproximar e manter algumas conversas. Era um professor diferente da generalidade, pela sua maneira de ser e de lidar com os alunos.

Ainda há dias tinha estado a falar dele com um antigo colega, que me pôs ao corrente do seu estado de saúde e de onde se encontrava internado.

À família, designadamente à sua viúva D. Maria da Luz Vieira Marques, apresento os meus sentidos pêsames.

NERBE promove sessão de trabalho sobre “O Futuro do Baixo Alentejo” com candidatos às legislativas

nerbe.jpgO NERBE/AEBAL realiza hoje, a partir das 14 horas, na sua sede, uma sessão de trabalho sobre o tema: “O Futuro do Baixo Alentejo”, que conta com a participação dos candidatos do CDS-PP, do Aliança, do PSD, da CDU, do PS e do BE às legislativas 2019, pelo circulo eleitoral de Beja. Refletir sobre os assuntos regionais mais relevantes e elaborar um documento estratégico destinado a ser entregue aos grupos parlamentares dos partidos participantes são os objetivos.

Ver mais aqui e aqui.

Mariana Aiveca diz que vai “vai pôr o Alentejo e mais esquerda no Parlamento”

be.jpg“Defender o país é também exigir os investimentos que fazem falta”, afirmou Catarina Martins, coordenadora nacional do BE, na sessão de apresentação dos candidatos do partido pelo círculo de Beja, que reforçou a ideia de que “não vale a pena” falar de exportações “se isso for feito à conta da saúde de quem vive [no distrito] ou à conta da degradação dos solos e da água”.

Mariana Aiveca, cabeça-de-lista do BE pelo distrito, garantiu que “a campanha está a ser viva”, que a sua equipa é “uma equipa capaz de ganhar” e que “vai pôr o Alentejo e mais esquerda no Parlamento”. Apresentou ainda a emergência climática, o trabalho com direitos, serviços públicos e acessibilidades condignas como os eixos prioritários do Bloco do Esquerda para as próximas eleições de 6 de outubro. 

Líderes partidários em campanha eleitoral em Beja

cristas.jpgOntem, Assunção Cristas, líder do CDS-PP, esteve no distrito e disse, em Beja que “aqui faz sentido votar no CDS-PP”, que a agricultura e o mundo rural são as prioridades do seu partido e que o CDS-PP quer crescer no distrito e eleger

catarina.jpg

Esta tarde, pelas 18.00 horas, nas Portas de Mértola, Catarina Martins, líder do BE, participa, numa sessão pública de apresentação dos candidatos do Bloco de Esquerda pelo círculo de Beja, nas eleições legislativas de 6 de Outubro.

 

costa.jpg

António Costa, Secretário-Geral do PS, vai estar em Beja no próximo Domingo para participar num comício que vai decorrer a partir das 20.30 horas, no largo do Museu.

 

Governo é o único responsável pelo adiamento do Rally ‘Baja TT – Vindimas do Alentejo 2019’”

"Esclarecimento aos patrocinadores,pilotos, equipas e população.

baja-tt-vindimas-do-alentejo (1).jpg

O adiamento da nossa corrida tem 2 e apenas 2 responsáveis, chamam-se Eduardo Cabrita e Capoulas Santos.

… a Camara Municipal de Beja viu-se obrigada a cancelar o alvará da prova porque a GNR cancelou a sua autorização, estes apenas cumpriram as ordens que lhes foram impostas por decreto, não podiam ter feito outra coisa.. estando sempre disponíveis para as alterar até á hora de inicio da corrida."

Filipe Cameirinha Ramos

Rally ‘Baja TT – Vindimas do Alentejo 2019’” travado pela Câmara de Beja

baja-tt-vindimas-do-alentejo (1).jpgA Câmara Municipal de Beja revela que se viu “forçada a retirar o Alvará de Licença emitido para os dias 7 e 8 de Setembro do Rally ‘Baja TT – Vindimas do Alentejo 2019’”, devido à situação de Alerta face ao risco de incêndio florestal, depois de alertada pela GNR.

A Câmara Municipal de Beja assegura que “desenvolveu os melhores esforços para se ultrapassar a situação descrita e ajudar a repor as condições legais que permitissem a realização da prova”.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Num país em que o maior trambiqueiro político está...

  • Anónimo

    Uma vida saudável depende de muitos outros factore...

  • Zé LG

    A alimentação não é um factor importante para uma ...

  • Anónimo

    Porreiro, pá!É ver para crer!

  • Anónimo

    Acha mesmo?Talvez a surpresa maior venha a ser a d...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds