Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aterrou em Beja o primeiro de seis aviões P-3C adquiridos à Alemanha

Zé LG, 10.02.24

Sem nome (15).pngAterrou, esta sexta-feira, na Base Aérea N.º11, em Beja, o primeiro de seis aviões P-3C adquiridos ao abrigo do contrato celebrado entre o Governo português e o Governo alemão. Os seis aviões vão agora ser integrados na frota da Esquadra 601 – “Lobos” que já opera a versão P-3C CUP+ Orion, responsável por assegurar a soberania e a vigilância do Espaço Estratégico de Interesse Nacional e a cobertura de toda a área das duas regiões de informação de voo e de busca e salvamento sob jurisdição do Estado Português – uma das maiores do mundo –, contribuindo decisivamente para as missões de busca e salvamento de muito longo alcance, o que garantem a salvaguarda da vida humana nos casos de acidente ou de situações de emergência ocorridos no mar.

Avião da Base Aérea de Beja permitiu salvar vida de bebé açoreano

Zé LG, 20.12.23

primeiro-transporte-aeromdico-do-kc-390_53406755332_o.jpgO novo avião KC-390, que aterrou em Beja no passado mês de outubro e que é um dos  cinco KC-390 adquiridos à Embraer, já conta com uma história feliz no palmarés da sua utilização. Esta segunda-feira, 18 de dezembro, este avião fez o primeiro transporte médico aéreo. Os Rinocerontes da Esquadra 506, sedeada na Base Aérea de Beja, foram a ponte essencial para salvar a vida de um bebé de apenas quatro dias entre os Açores e Lisboa. Este transporte foi crucial e determinante para que recebesse os cuidados neonatais fundamentais à sobrevivência. Veja aqui as fotos disponibilizadas pela Força Aérea.

Bejense comanda a Base Aérea de Beja

Zé LG, 25.10.23

Sem nome (57).pngO Coronel Piloto Aviador João Rosa, natural de Beja, é novo comandante da Base Aérea de Beja, a partir de hoje, substituindo no cargo o Coronel Carlos Lourenço, que assumia aquelas funções desde o dia 21 de outubro de 2021. A cerimónia da tomada de posse serviu ainda para assinalar os 59 anos da Unidade e foi presidida pelo Chefe do Estado-Maior da Força Aérea, General João Cartaxo Alves.

Maior e mais moderno avião aterrou na Base Aérea de Beja

Zé LG, 19.10.23

AA-696x464.jpgO maior e mais moderno jato (avião) fabricado no hemisfério Sul já aterrou , esta tarde, na Base Aérea de Beja. Este é o primeiro dos cinco KC-390 encomendados por Portugal, à Embraer, em 2019, para substituir os Hérculos C-130. As outras quatro aeronaves serão entregues a uma taxa de uma unidade por ano até fevereiro de 2027. A fábrica instalada em Évora, foi responsável pela construção dos revestimentos de asa e dos estabilizadores horizontais assim como parte da empenagem vertical. Daqui e daqui.

FA impede utilização do Aeroporto de Beja para aviação comercial regular?

Zé LG, 17.10.23

20220627214343247.jpgA Força Aérea defendeu junto da comissão técnica independente que o Aeroporto de Beja não pode ser usado para aviação comercial regular, porque a base da NATO utiliza a pista para exercícios militares. Será também por isso que a comissão recomenda ao Governo uma maior utilização – para aliviar Lisboa e Faro – mas só para carga e charters não regulares. O relatório conclui ainda que, por causa da falta de acessos, Beja não pode ser uma alternativa.

Em 2021 chegaram ao Aeroporto de Beja 221 aviões e 302 em 2022. Sobretudo jatos privados vindos dos EUA, França e Reino Unido, que estão a trocar Tires por Beja por causa do sossego e da proximidade às praias e empreendimentos de luxo da costa alentejana. Daqui e daqui.

Aspirantes a astronautas em experiência a Zero-G, partiram da Base de Beja

Zé LG, 03.09.23

Sem nome (40).pngOs 30 finalistas da segunda edição da iniciativa Zero-G Portugal - Astronauta por um Dia, organizada pela Agência Espacial Portuguesa (Portugal Space), seguiram para a experiência a Zero-G a bordo de um Airbus A310 operado pela Novespace, subsidiária da Agência Espacial Francesa (CNES), que partiu da Base Aérea nº. 11 da Força Aérea Portuguesa, em Beja.

Este conjunto de jovens do ensino básico e secundário, composto por 20 rapazes e 10 raparigas e vindo de vários pontos do país, inclui, pela primeira vez, finalistas vindos das regiões autónomas dos Açores e da Madeira, assim como de Faro e de Beja.Para lá da tripulação, composta por quatro pilotos e 16 membros, de instrutores a especialistas de segurança, passando ainda por um médico e coordenadores de voo, os jovens foram acompanhados por um conjunto de passageiros onde se destacam incluem Matthias Maurer, astronauta da ESA, que esteve também presente na primeira edição da iniciativa, e Jean-François Clervoy, ex-astronauta e presidente da Novespace. Daqui.

Base Aérea de Beja acolhe exercício militar europeu

Zé LG, 06.06.23

HOT-2023-BLADE_800x800.jpgA Força Aérea organiza o exercício europeu multinacional “HotBlade 2023”, de 7 a 21 de junho, na Base Aérea N.º 11, em Beja, no âmbito do Helicopter Exercise Programme, da Agência Europeia de Defesa (EDA), com a participação de cerca de 1000 militares e 25 meios aéreos de Portugal, Áustria, Bélgica, Eslováquia, República Checa e Suíça. Neste exercício participam ainda os Países Baixos e a Eslovénia com tropas no terreno. 

De acordo com a Força Aérea, o objetivo geral do exercício passa por aumentar a interoperabilidade de operações entre os Estados-Membros da EDA, expondo as forças participantes a um ambiente operacional complexo, no qual podem treinar técnicas, táticas e procedimentos, preparando-as para os teatros de conflito atuais e missões de apoio humanitário.

Base Aérea de Beja recebe nova Esquadra de Voo

Zé LG, 21.05.23

BA11.pngA Força Aérea Portuguesa tem uma nova esquadra de voo: a Esquadra 506, batizada com o cognome “Rinocerontes”, que ficará sedeada na Base Aérea nº 11, em Beja, no sul de Portugal.

A cerimónia de ativação da esquadra decorreu neste sábado, dia 20 de maio, em Beja, presidida pelo Chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA), general João Cartaxo Alves, tendo sido nomeado comandante da Esquadra 506 – “Rinocerontes” o major piloto-aviador Miguel Pousa.

Sob o lema ‘SÓ PODE O QUE IMPOSSÍVEL PARECIA’, a Esquadra 506 agora formalizada será equipada brevemente com o avião KC-390, tendo como missão executar operações aéreas no âmbito do transporte aéreo geral, combate a incêndios e reabastecimento aéreo.