Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Pelouros atribuídos na Câmara de Beja

Zé LG, 25.10.21

20211025151750772.png

Presidente da Câmara Municipal, Paulo Arsénio (PS) - Divisão Administrativa e Financeira, Gabinete de Apoio ao Investimento, Divisão de Turismo e Património, Divisão de Cultura, Serviço de Empreitadas, Gabinete Jurídico e Gabinete de Comunicação.

Vereador a tempo inteiro Rui Marreiros (PS) - Divisão de Ambiente e Sustentabilidade, Divisão de Administração Urbanística, Divisão de Serviços Operacionais (com exceção do Serviço de Empreitadas), Serviço Municipal de Proteção Civil, Gabinete de Gestão da Mobilidade e Gabinete de Apoio aos Eleitos.

Vereadora a tempo inteiro Marisa Saturnino (PS) - Divisão de Desenvolvimento e Inovação Social, Gabinete de Recursos Humanos, Divisão de Educação, Desporto e Juventude e Partido Médico Veterinário

Aos três vereadores da CDU, Vítor Picado, Fátima Estanque e Rui Eugénio e ao vereador da coligação Beja Consegue!, Nuno Palma Ferro, não foi atribuído qualquer pelouro.

As reuniões da Câmara Municipal serão quinzenais, às quartas-feiras, alternadamente às 10.00 e às 17.30 horas.

PS, PSD e Chega uniram-se para afastar a CDU da Mesa da Assembleia Municipal de Silves

Zé LG, 21.10.21

246988794_4727253240652326_1261468908764530755_n.j«E esta eleição da Mesa da Assembleia é um bom exemplo pelo qual existe um afastamento das pessoas em relação à política, a escolha e a vontade do Povo não foi respeitada nesta Eleição!!!

A escolha do Povo no dia 26 de Setembro foi clara e inequívoca, e escolheu a CDU como a Força mais votada para a Assembleia Municipal de Silves, tendo a CDU eleito o dobro dos membros de cada um dos 2 partidos democráticos desta Assembleia: PSD e PS.

Na politica temos que saber respeitar os resultados e as escolhas da população que nos elege e em vez do PS e PSD reconhecerem que a vitória clara da CDU lhe daria a legitima presidência da Mesa da Assembleia (como até aqui tem acontecido) o PS sendo a 3.ª força mais votada (força essa que se diz de Esquerda) preferiu aliar-se à Direita, com o PSD a abdicar da própria presidência da Mesa da Assembleia mesmo tendo sido entre essas 2 forças políticas a mais votada.»

In: DECLARAÇÃO DE VOTO DA CDU lida na Assembleia Municipal de Silves, no dia 18 de Outubro de 2021.

Tomé Pires regressou aos quadros da Câmara de Beja

Zé LG, 21.10.21

20861714_1635336929872836_2599926269898577525_o.jpO ex-presidente da Câmara e presidente da Assembleia Municipal de Serpa regressa ao seu local de trabalho de origem, a Câmara Municipal de Beja, enquanto técnico superior. Tomé Pires, 45 anos, é Engenheiro Técnico Civil de formação e foi coordenador na Divisão de Obras Municipais da Câmara Municipal de Beja entre 2005 e 2008.

Após deixar o cargo de presidente da Câmara Municipal de Serpa, Tomé Pires pediu a sua reintegração nos quadros da Câmara Municipal de Beja, enquanto técnico superior, tendo assumido o lugar.

O que é uma situação perfeitamente regular, tem gerado especulações políticas, como se o regresso ao seu posto de trabalho depois do exercício de funções públicas a tempo inteiro fosse uma situação de favor. Com tanta coisa que justificam ser debatidas e criticadas, para quê especular em relação ao que não tem nada de irregular ou de extraordinário?

Manuel Narra, antigo presidente da Câmara de Vidigueira, vai a julgamento acusado de peculato

Zé LG, 21.10.21

110820131550-787-ManuelNarra1.jpgManuel Narra, antigo presidente da Câmara Municipal de Vidigueira, que o Ministério Público de Évora acusou do crime de peculato e falsificação de documentos, vai a julgamento perante tribunal coletivo. A decisão instrutória foi anunciada esta quarta-feira por uma juíza de 1ª Instância do Tribunal de Competência Genérica de Cuba, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de termo de identidade e residência.

Ler também aqui e aqui.

“Não tentem encontrar bodes expiatórios”?

Zé LG, 20.10.21

pcp-psd1.jpg«É muito triste ver tanta AZIA tanto à esquerda como à direita por isso é que o burgo continua e continuará na mesma.
Larguem as palas e abram bem os olhos, as ideologias que tanto defendem e que até lhes atribuem nomes de flores, frutos e nobres ferramentas apenas nos servem para deturpar a mente, para quando um grupo de gente capaz e crente de fazer vingar bem alto o glorioso nome desta antiga colónia de Roma?!?
Colagens e pseudoprotagonistas!!!!
Não tentem encontrar bodes expiatórios, que por ventura poderão estar nos espelhos de vossas ou nossas casas.» PACESIS CIVILITAS 19.10.2021, aqui.

É importante que os partidos tornem mais claras as suas políticas de alianças

Zé LG, 18.10.21

Logo_AL2021.pngA propósito dos entendimentos formalizados a nível de várias autarquias em que ninguém obteve a maioria absoluta, importa referir que não ter a maioria absoluta, só por si, não impede quem ganhou as eleições de governar sozinho. Tem é de ter a capacidade de apresentar propostas que consigam ser aprovadas, mantendo sempre a humildade necessária e não cair na tentação de forçar a aprovação de propostas que, de antemão, sabe que contam com a oposição activa de todos os outros.

Mas, naturalmente, é mais fácil poder contar com uma maioria estável e daí a tentação de procurar entendimentos que assegurem o que não conseguiram nas urnas. É legítimo e um bom caminho, se tiver como objectivo central criar melhores condições para assegurar uma melhor governação e, em consequência desta, conseguir uma melhor prestação em prol das populações e do território. Se o objectivo principal for assegurar o poder (que os eleitores não lhe confiaram) apenas pelo poder, não passa de uma forma de desrespeitar as escolhas dos eleitores.

Concretizam-se, em todos os mandatos, os mais diversos entendimentos entre partidos. Não vejo nisso qualquer problema, desde que tenham por objectivo central servirem melhor as populações e se integrem nas estratégias autárquicas definidas pelos partidos. A lógica política dos partidos (diferentemente das candidaturas independentes) é nacional e como tal, se nada for esclarecido em contrário, é de esperar que a política de alianças a nível local seja a mesma que a nível nacional. É por isso que é importante que os partidos esclareçam bem qual a sua posição, para evitarem ser acusados do que, porventura, não são responsáveis, ou seja, de fazerem acordos para alcançarem ou manterem o poder a qualquer custo.

“Falta ação daqueles que têm as ferramentas para se chegarem à frente e assumirem as competências que lhes foram atribuídas.”

Zé LG, 16.10.21

resi_13.jpg«... Falar do que aconteceu e criticar o que não se fez ou o que se fez mal, é muito confortável pois… já passou. Mas quando temos a oportunidade de apoiar e de fazer a diferença…. Pensamos duas vezes.

O chavão de que “prognósticos só no final do jogo” cai aqui que nem um fato de modista. Vamos assobiar para o lado, vamos fingir que nada se está a passar até porque não queremos sair beliscados e nunca se sabe para que lado vai pender a razão. Queremos lá saber daqueles que têm de aguentar diariamente sabe-se lá por quanto tempo, esta situação. Quando a casa ruir vamos lá então apontar o dedo aos supostos culpados e passar a mão pela cabeça daqueles que se tentam reerguer no meio dos destroços….

Afinal… a edição deste comentário é um sinal de que ainda há quem se preocupe… fica a intenção! Falta ação por parte daqueles que têm as ferramentas para se chegarem à frente e assumirem as competências que lhes foram atribuídas.» Anónimo 13.10.2021, aqui.

Eleitos não se entendem para a constituição do executivo da União de Freguesias de Salvador e Santa Maria da Feira

Zé LG, 15.10.21

202110142209353972.jpgForam rejeitadas as duas propostas de constituição do executivo para a União de Freguesias de Beja – Salvador e Santa Maria da Feira, apresentada por António Ramos, eleito no passado dia 26 de setembro como presidente da Junta, liderando a lista do PS. As propostas de eleição de quatro vogais do PS e de três do PS e 1um da CDU, foram chumbadas por 7 votos contra 6.

Foi agendada para o próximo dia 28 de outubro, nova Assembleia de Freguesia, comprometendo-se António Ramos a encetar contactos para tentar  ultrapassar a situação, nos próximos dias.

Gosto de Vodka com Laranja, mas não na política

Zé LG, 14.10.21

logo_i.jpgDesconheço como chegaram ao entendimento da CDU com a coligação liderada pelo PSD para o Executivo da União de Freguesias de Santiago Maior e São João Baptista. Não sei se foram estabelecidos contactos com o PS e se este se escusou a participar no Executivo. Se tal aconteceu, foi uma opção sua, de que discordo mas tenho de aceitar. Se tal não aconteceu e o PS foi colocado à margem das negociações, considero um erro estratégico profundo, porque, se é verdade que, a nível local, o principal concorrente da CDU em Beja é o PS, não é menos verdade que a nível local foi criado um entendimento histórico entre as duas forças, que tudo deve ser feito para manter, para assegurar a governação do país.

Abílio Fernandes diz que Honoris Causa reconhece "coletivo e população"

Zé LG, 14.10.21

202110081555032788.jpg“Considero que esta ousadia da reitora” da Universidade de Évora (UÉ) é “um reconhecimento daquele período, em que não fui só eu”, mas sim “todo um coletivo e uma população” que colaboraram para “construir um país novo”, afirmou o ex-autarca, no final da cerimónia de atribuição do doutoramento.
Nas declarações aos jornalistas, Abílio Fernandes admitiu que foi surpreendido e que “esta homenagem não estava” no seu “programa”, uma vez que, já era “um cidadão pacato” e andava ocupado na sua vida e com a família.
“Foi surpresa, mas, ao mesmo tempo, foi muito gratificante, não tanto por mim pessoalmente, mas por tudo o que esta cidade e as pessoas fizeram durante aquele período em que todos nos podemos orgulhar de termos dado um grande salto na vida do nosso país para a democracia”, sublinhou.

Abílio Fernandes sempre igual a si próprio. Uma homenagem merecida. Muitos parabéns!

Descentralização de competências municipais para as freguesias

Zé LG, 14.10.21

Vitor-Besugo-690x450.jpgUm total de 79,2 milhões de euros vão ser transferidos dos orçamentos municipais para freguesias no âmbito de acordos de descentralização de competências entre estas duas entidades, segundo a proposta de Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). O delegado distrital de Beja da Anafre, (Associação Nacional de Freguesias), Victor Besugo, referiu que esta verba, não sendo “suficiente”, “é já uma melhoria”.

A celebração de autos de transferência de competências dos municípios para as freguesias visa reforçar as competências destas autarquias locais ao nível da gestão e manutenção de espaços verdes, limpeza das vias e espaços públicos, sarjetas e sumidouros, manutenção dos espaços envolventes dos estabelecimentos de educação pré-escolar e do primeiro ciclo do ensino básico, utilização e ocupação da via pública, entre outras.

Abílio Fernandes recebe Doutoramento Honoris Causa pela Universidade de Évora

Zé LG, 10.10.21

abilio_fernandes-678x381.jpegO Doutoramento Honoris Causa pela Universidade de Évora a Abílio Fernandes, antigo presidente da câmara deste concelho, vai ser outorgado na próxima quinta-feira, às 11:00, na sala de atos do Colégio do Espírito Santo, após a pandemia de covid-19 ter adiado a cerimónia. O discurso laudatório vai estar a cargo de Rui Namorado Rosa, professor emérito da Universidade de Évora.

Abílio Miguel Joaquim Dias Fernandes, de 83 anos, natural de Moçambique, é licenciado em Finanças pelo Instituto Superior de Ciências Económicas e Financeiras de Lisboa e foi presidente da Câmara de Évora durante 25 anos, entre 1976 e 2001. A reitora da UÉ, Ana Costa Freitas, salientou que o autarca “teve um contributo inegável, a seguir ao 25 de Abril de 1974, para a afirmação do Poder Local”. O centro histórico de Évora foi reconhecido em 25 de novembro de 1986 como Património Mundial pela UNESCO.

Comentário do MAIS BEJA sobre os resultados eleitorais

Zé LG, 03.10.21

Camara-de-Beja2-1-768x512.jpg«Paulo Arsénio (PS) - O incumbente ganhou, mas o resultado foi mau: .... Só não foi muito mau porque manteve a presidência na Câmara e tem agora 7 Juntas de freguesia (em 2017 tinha 5).

Nuno Palma Ferro (PSD/CDS/PPM/IL/A) - Mereceu a eleição como vereador, lutando contra um incumbente, num concelho de esquerda.

Vítor Picado (CDU) - O PCP, local, regional e nacional tem de repensar tudo. Dúvido é que mude. ... A escolha do candidato não foi a melhor, uma vez que havia, até dentro do partido, quem não o apoiasse, o que é estranho no PCP. …

Chega - Foi a segunda grande surpresa. ..., como alguém que não compareceu em grande parte dos debates, sem ideias, programa eleitoral ou conhecimento da cidade tem tantos votos.

Bloco de Esquerda - Candidato fraquinho, deu um resultado fraquinho. ... Ainda assim, era mais competente que o candidato do Chega.

Abstenção - No concelho de Beja, foi 43%, igualando o valor em 2017.»

Leia aqui o comentário na íntegra.

PS disponível para “compromissos de legislatura ou pontuais” em Beja

Zé LG, 01.10.21

PS-Beja-1-768x432.jpgO PS ganhou as eleições para a Câmara e a Assembleia Municipal de Beja, mas sem maioria absoluta, nas eleições autárquicas de domingo. “Os resultados expressos no dia 26 de setembro obrigam à construção de compromissos políticos de legislatura autárquica ou pontuais, para os quais o PS está disponível”, refere a concelhia de Beja do partido. Aqui, aqui e aqui.

“Unidos por Mértola e pelas Pessoas” promete dar “continuidade ao trabalho e à sua intervenção”

Zé LG, 29.09.21

218857011_139872521599814_4733534676124252454_n.jpA candidatura “Unidos por Mértola e pelas Pessoas” à Câmara de Mértola, liderada Jorge Pulido Valente, considera que os resultados obtidos, nas eleições do último domingo, “ficaram claramente aquém” dos objetivos traçados, salientando, como um aspeto positivo, o contributo dado pela candidatura que liderou, à cidadania e à participação ativa das pessoas e promete que vai dar “continuidade ao trabalho e à sua intervenção pela participação e pela cidadania, como também, pela concretização dos projetos estruturantes que apresentou para a construção de um futuro melhor para Mértola e para as Pessoas”.

“Sobre a retirada do fibrocimento (amianto) da Escola Mário Beirão”

Zé LG, 24.09.21

José Lopes Guerreiro: E o amianto? Quando começa a empreitada? Vai ficar pronta antes das aulas começarem?

Paulo Arsénio: Consignação marcada para dia 16 de Agosto. A ideia do empreiteiro vencedor é remover um dos amiantos de cada vez (em cada uma das duas escolas) e depois colocar duas equipas, em simultâneo, uma em cada uma delas a colocarem as novas coberturas. Se vai correr bem ou não, não sei. Esperamos sempre que sim. Mas a "promessa" de que assim seja não podemos assegurar.

José Lopes Guerreiro: Parece-me pouco tempo... e trata-se de uma "matéria" complicada. Basta haver um pequeno problema para atrasar a obra e consequentemente o início das aulas. Esperemos que corra bem e sem estes atrasos indesejáveis. É preciso que nada falhe, o que não é o mais habitual...

Paulo Arsénio: ... Se eventualmente até 17 de setembro não estiver tudo concluído, importa salvaguardar que a colocação do novo telhado em terminação, não interfere com a atividade letiva.

Daqui, em 7 de Agosto.

BEJA-Mario-Beirao-1_800x800.jpg

Paulo Arsénio: Tendo as coberturas chegado finalmente no dia 15/09/2021, entendeu a empresa retirar toda a velha cobertura de amianto da escola de uma só vez nos dias 18 e 19 de Setembro (Sábado e Domingo) num total de 3.450 m² (3.230 m² de amianto e 220 m² de claraboias). Não era isso que estava acordado connosco. ...

José Lopes Guerreiro: Infelizmente, aconteceu o que era previsível que acontecesse atendendo ao período previsto para execução da obra. ...

Daqui, em 23 de Setembro.

Que cada um tire as suas conclusões...

São 58 os candidatos à presidência das 14 câmaras do distrito de Beja

Zé LG, 23.09.21

Logo_AL2021.pngDepois das eleições Autárquicas de 2017, o PS conquistou 10 presidências e a CDU 4, sendo que em Vidigueira o Executivo vencedor não dispôs de maioria absoluta.

Para as Autárquicas 2021, no total são 58 os candidatos às catorze autarquias do distrito de Beja, mais 8 do que em 2017, quando se apresentaram 50 candidatos à liderança das câmaras municipais. Veja aqui quem são.

Há quatro candidatos que poderão voltar à “cadeira do Poder” em autarquias que já lideraram, José João Guerreiro (Ferreira do Alentejo), António Sebastião (Almodôvar), Jorge Pulido Valente (Mértola) e Manuel Narra (Vidigueira).

O que defende Paulo Arsénio(?)

Zé LG, 23.09.21

20658194_wESZf.jpegPaulo Arsénio disse ontem em entrevista à Rádio Pax que os eleitores têm duas opções em cima da mesa. Em seu entender “quem quiser apostar na continuidade da linha de entretenimento como base de desenvolvimento da cidade de Beja” deve votar na CDU.

Por outro lado, “quem quiser seguir pelo caminho do empreendedorismo, da educação, da descentralização para as freguesias e da participação pública deve votar no Partido socialista”, concluiu Paulo Arsénio.

Há quatro anos, aqui.