Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

PSD apresentou e aprovou recomendação ao Governo para valorização de ZPE na Margem Esquerda do Guadiana

Nilza-de-Sena-768x432.jpgO grupo parlamentar do PSD apresentou e aprovou uma recomendação ao Governo para que este elabore o plano de gestão da Zona de Protecção Especial (ZPE) dos concelhos de Moura, Mourão, Barrancos e Serpa, na estratégia do Turismo 2027, no prazo de um ano, que estabeleça as medidas e acções de conservação, visando a compatibilização da conservação dos valores naturais com as actividades praticadas no Sítio e na ZPE”.

Recomenda aiunda que “a estratégia do Turismo 2027, que consagra a natureza como activo estratégico, contenha mecanismos de combate à sazonalidade” e que sejam criadas “medidas especiais de apoio aos agricultores e às agroindústrias existentes e às que futuramente se venham a instalar neste território, para aproveitar e incrementar o potencial do Empreendimento de Fins Múltiplos do Alqueva e a sua importância estratégica para o País”.

BE avança com iniciativas legislativas sobre monoculturas

O Bloco de Esquerda entregou na Assembleia da República dois projectos de lei e um projecto de resolução sobre monoculturas.

Segundo o BE o objectivo destes projectos é “promover o ordenamento numa área tão sensível para o ambiente, a saúde pública e o futuro das próximas gerações”. Consideram ainda os bloquistas que “é preciso acabar com a impunidade e a ausência total de regras que só servem a especulação e nada têm a ver com uma agricultura sustentável”.

Leia e oiça também aqui.

Beja “presente” na concentração nacional da CGTP-IN

cgtp.jpgA CGTP-IN promove, esta tarde, a partir das 14.30 horas, junto à Assembleia da República, uma concentração nacional para protestar contra a proposta governamental de revisão do Código do Trabalho e considerar que é preciso “sensibilizar” os deputados para a necessidade de mexer no Código do Trabalho para lhe retirar “as normas gravosas para os trabalhadores e que a proposta que está em discussão não deve ser aprovada porque só irá piorar a situação”.

Plataforma Alentejo entrega 4000 assinaturas de apoio na AR

PA.JPGA Plataforma Alentejo entrega nesta quinta-feira, dia 11, às 14.00 horas, na Assembleia da República (AR), as primeiras 4000 assinaturas de apoio à “Estratégia integrada de acessibilidade sustentável do Alentejo nas ligações nacional e internacional”. A Plataforma considera que ainda se está a tempo de “contribuir para um Alentejo mais desenvolvido e um Portugal mais coeso”, porque, com a entrega das 4000 assinaturas, a Assembleia da República deverá ouvir, obrigatoriamente, este movimento, publicar as suas propostas e agendar a discussão das mesmas em plenário.

“Os Verdes” chegaram a Beja de comboio e com uma hora de atraso

verdes.jpgO Grupo Parlamentar “Os Verdes” dedica as suas Jornadas Parlamentares, que decorrem, hoje amanhã, no distrito de Beja, ao olival intensivo e à ferrovia. “Os Verdes” decidiram vir para a capital de distrito de comboio e comprovaram os “dramas” com que se depara a população, pois chegaram com uma hora de atraso.

As Jornadas Parlamentares culminam a campanha iniciada pelo PEV, em que vários dirigentes percorreram concelhos dos 3 distritos alentejanos mais afetados, pelo olival intensivo, onde foram colocadas 500 bandeiras negras a assinalar estes locais nos distritos de Portalegre, Évora e Beja.

 

Nilza de Sena acusa Ministra da Saúde de “insensibilidade gritante”

Nilza-de-Sena-768x432.jpgA deputada do PSD eleita por Beja, Nilza de Sena, alertou para a falta de médicos, anestesistas, obstetras, ginecologistas, cardiologistas, urologistas, pediatras, cirurgiões e radiologistas, acrescentando que é “caricato” que tenham sido melhorados os equipamentos de radiologia e até imagiologia e não existam agora médicos para operar os mesmos.
Mostrando-se “indignada”, a deputada frisou, ainda, que “os tempos de espera para consulta assumem tempos incomportáveis”. Referindo-se ao exemplo da urologia, Nilza de Sena revelou que o “tempo máximo de resposta garantida” é de “278 dias” e que “aumentou 6% num ano!”. Terminou dizendo que “isto é de uma insensibilidade gritante”.

Faltam menos de 200 assinaturas

90336_1.jpg... para a AR ter de discutir a «Estratégia Integrada de Acessibilidade Sustentável do Alentejo nas ligações Nacional e Internacional” na revisão do PNPOT em curso, de forma a considerar um conjunto de prioridades no domínio das acessibilidades e transportes fundamentais para o desenvolvimento sustentável do Alentejo, bem como para a sua coesão social, territorial, ambiental e energética, com claros benefícios para a totalidade do território nacional.

Para garantir esse debate, se ainda não o fez, pode assinar a Petição Pública “PLATAFORMA ALENTEJO-Estratégia Integrada de Acessibilidade Sustentável do Alentejo nas ligações Nacional e Internacional” em: https://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=PT90336

Pedro do Carmo defende respostas para os pequenos agricultores e para os territórios de baixa densidade

p carmo.jpgSegundo o deputado do PS eleito por Beja , é necessário "defender a necessidade de haver respostas para os pequenos agricultores e para os territórios de baixa densidade, com culturas e produções de pequena escala para o contexto europeu, mas de grande relevância local".
Pedro do Carmo sustenta ainda "haverem necessidades permanentes na sustentabilidade dos eco-sistemas, na manutenção das infra-estruturas rurais e nos apoios às actividades agro-alimentares que são pilares importantes da identidade das comunidades locais do Mundo Rural".

Moisés Ferreira (BE) visita Hospital de Beja e reúne com movimentos cívicos

Moisés Ferreira.jpgO deputado do Bloco de Esquerda, Moisés Ferreira, na próxima segunda-feira, 18, visita o Hospital José Joaquim Fernandes, em Beja, onde contactará a gestão da ULSBA, profissionais de saúde e utentes, com o intuito de conhecer os principais problemas e experiências inovadoras.
Ao final da tarde o deputado, membro da Comissão Parlamentar de Saúde, reunirá com movimentos cívicos que representam utentes e intervêm em Beja na área da saúde.
Nestes contactos, o deputado apresentará o projeto do BE de nova Lei de Bases da Saúde, elaborado com os valiosos contributos de António Arnaut e João Semedo.

João Dias questionou Governo sobre futuro do Museu Regional de Beja

MUSEU--768x432.jpgO deputado do PCP eleito por Beja dirigiu várias questões ao Ministério da Cultura sobre a transferência do Museu Regional de Beja para a rede nacional de museus, designadamente que entidades foram ouvidas para que o governo tomasse esta decisão; qual o plano de investimentos previsto para o Museu Regional de Beja e como pode o Governo garantir que “todo o espólio e o acervo do Museu Regional de Beja será mantido à sua guarda, não sendo disperso por outras instituições nacionais ou internacionais”; em que moldes será feita a gestão partilhada com a Câmara Municipal de Beja e quais as responsabilidades de cada entidade envolvida.

Pretende ainda apurar o futuro dos trabalhadores no que respeita ao vínculo e entidade com a qual terão relação laboral. 

Daqui e daqui.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Tristeza de comentário!

  • Anónimo

    Vamos lá ver como é que os nossos políticos e afin...

  • Anónimo

    Fartura de partidos! Tudo quanto é demais não pres...

  • Anónimo

    Tem razão! No entanto é necessário não perder voz,...

  • Anónimo

    Foram buscar o antigo imperador JR .....dizem que ...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds