Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Terras Sem Sombra em Serpa

Festival-768x432.jpgSerpa é o segundo destino proposto pelo programa do Terras sem Sombra (TSS) 2019, que sugere para este sábado, e domingo, ouvir as vozes das aves na natureza, escutando-as em obras de grandes compositores, aprender a entoar o cante, preservar as raças de gado do Alentejo e conhecer o genoma do sobreiro.

Leia e oiça mais aqui e aqui.

“Travar as Monoculturas” é tema de Encontro Internacional do BE em Beja

P1010800.JPGNo dia 23 de Fevereiro, Marisa Matias, cabeça de lista às Europeias, visita a Feira do Queijo de Serpa e alguns campos agrícolas da região, em antevisão do encontro “Travar as Monoculturas”, que se realiza no dia seguinte, 24, em Beja. Esta iniciativa conta também com a participação da deputada do BE, Maria Manuela Rola e de representantes da Izquierda Unida, ecologistas da Andaluzia, membros da Associação Ambiental Amigos das Fortes e muitos activistas sociais e ambientais do distrito. Um encontro apresentado por Alberto Matos, da Coordenadora Distrital de Beja do Bloco de Esquerda. Leia e oiça também aqui.

CIMBAL recebe sessão sobre economia circular

CIMBAL-2.jpgA CCDR Alentejo promove uma sessão de trabalho sobre (Des)construção, associada à Agenda Regional de Economia Circular, nesta sexta-feira, dia 25, nas instalações da CIMBAL, em Beja, entre as 10.00 e as 12.30 horas.

A sessão destina-se aos técnicos e eleitos das autarquias, a associações empresariais e empresas de construção civil.

LIFE LiveAdapt - Adaptação às Mudanças Climáticas dos Modelos de Produção Pecuária Extensiva na Europa

201901081011147326.jpgSegundo a ADPM, um dos parceiros do projecto, as mudanças climáticas estão a ter um impacto negativo na indústria agrícola e pecuária, particularmente no sul da Europa, provocando por um lado escassez e deterioração da qualidade da água e das pastagens, por outro a erosão dos solos devido a situações de chuvas torrenciais e alterações nos padrões de pragas e doenças. Para fazer frente a este processo, foi lançado este novo projecto LIFE LiveAdapt-Adaptação às Mudanças Climáticas dos Modelos de Produção Pecuária Extensiva na Europa.

Nova ETAR de Beja entra em funcionamento em 2019

060320171621-840-NovaETARBeja.jpgA nova Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) de Beja está dimensionada para servir toda a cidade de Beja, com uma capacidade para tratar diariamente 5 000 m3 de águas residuais urbanas.

O investimento é da Águas Públicas do Alentejo e vai dotar Beja de uma infra-estrutura de “primeira linha”, que “colocará Beja como uma referência ao nível do tratamento de águas residuais urbanas”.

A nova infraestrutura vai permitir desativar duas ETAR que, pela sua tecnologia e dimensionamento, não são já suficientes para tratar adequadamente os efluentes e irá também contribuir para a melhoria da qualidade do ecossistema fluvial da bacia hidrográfica da Albufeira do Roxo, que é também a principal origem de água para abastecimento à cidade de Beja.

Primeira central fotovoltaica flutuante de grande dimensão vai ser instalada em Cuba

6757_big.jpgA EDIA – Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas do Alqueva adjudicou a construção de uma Central Fotovoltaica em Cuba, ao “dstgroup”, que, para além do projecto de execução e da empreitada de construção, ficará ainda responsável pela operação e manutenção da central pelo prazo de três anos, após a entrada em exploração.

Avaliada em 1 055 646 euros, a empreitada contempla a instalação de 3024 painéis fotovoltaicos, numa área de 10200 m2, que permitirá a produção de 1.735.981kWh . Será a primeira instalação de 1MW em estrutura flutuante numa estação elevatória a ser construída em Portugal.

EDIA avança com primeira URSA em Serpa

URSA.jpgA EDIA -Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas de Alqueva está a implementar a primeira unidade do projecto URSA – Unidade de Recirculação de Subprodutos de Alqueva, no concelho de Serpa.

Segundo a EDIA, “este projecto apresenta uma estrutura assente no uso eficiente de recursos, nomeadamente na protecção do solo e da água, e na valorização de subprodutos, contribuindo para acelerar a transição para a economia circular, através de uma agricultura em linha com os princípios deste novo paradigma”.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Então já se nota os efeitos do saneamento politico...

  • Anónimo

    Mais tarde o mais cedo, assim os nossos representa...

  • Anónimo

    É óbvio que não és comunista...

  • Anónimo

    Muito bem. A cegueira partidária não pode deixar d...

  • Anónimo

    Teremos de concluir,perante o que aqui dizem,neste...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.