Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

CEBAL conseguiu financiamento do Alentejo 2020 para 13 projectos de investigação

CEBAL-768x512.jpgO CEBAL – Centro de Biotecnologia Agrícola e Agro-Alimentar do Alentejo está a apresentar alguns dos 13 projectos financiados pelo Alentejo 2020. O Centro está a avaliar novas candidaturas, muitas na área da transferência de tecnologia, segundo Fátima Duarte, directora executiva do Centro, que enaltece a importância do financiamento comunitário para o desenvolvimento de projectos de “investigação estratégica para problemas que têm grande impacto a nível regional e nacional”.

Município de Alvito cria creche em Vila Nova da Baronia

OBRAS ARRANCAM AINDA ESTE ANO

creche de alvito.jpgCom o objetivo de criar uma resposta social inexistente no Concelho de Alvito e proporcionar uma resposta especializada na área da infância à população do Concelho, o Município viu aprovada a candidatura ao Alentejo 2020 para a requalificação de uma antiga escola primária em Vila Nova da Baronia para instalação de uma creche com berçário (dos 3 meses aos 3 anos de idade).

Pretende-se, assim, contribuir para a inclusão das mães das crianças no mercado de trabalho e promover a criação de postos de trabalho, fixando a população jovem na região.

Ministro do Planeamento preside Conselho Regional em Beja

pedro_nuno_santos_foto_antonio_cotrim_lusa1482d68dO Conselho Regional da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo (CCDRA) reúne, esta tarde, pelas 15 horas, no auditório do NERBE, em Beja.

Neste encontro, em que marca presença o novo ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, o objetivo é discutir a estratégia para os investimentos estruturantes da região Alentejo, nomeadamente, os que estão relacionados com o Programa Nacional de Investimentos 2020-2030.

Daqui e daqui.

CPC de Beja tem Centro de Apoio à vida Independente

cpc.jpgO CPCB- Centro de Paralisia Cerebral de Beja está, desde o mês passado, a desenvolver o projecto “Centro de Apoio à Vida Independente”, que surge no âmbito da candidatura aprovada aos Fundos Europeus Estruturais e de Investimento – Programas Operacionais do Portugal 2020.

Este projecto visa “disponibilizar assistência pessoal a indivíduos com deficiência e incapacidade para a realização de actividades da vida diária e de mediação em contextos diversos” e vai ser desenvolvido “durante 36 meses” e vai abranger “24 destinatários”.

Vidigueira vai ter um novo Centro de Saúde

vidigueira.jpgO novo Centro de Saúde, que vai nascer num terreno cedido pela autarquia de Vidigueira, tem um orçamento de cerca de 1 milhão e 700 mil euros, financiado em 85% por fundos comunitários, o restante é suportado pela ULSBA. No inicio deste mês, foi publicado, em Diário da República, o concurso público para adjudicação da obra.

Câmara de Alvito reabilita área degradada e instala edifício multiusos

CM-Alvito-multiusos-768x432.jpgA Câmara Municipal de Alvito deu início à empreitada de reabilitação e reconversão do terreno do Assis, cujo projecto prevê a recuperação dos imóveis degradados e a instalação de um edifício multiusos dotado de condições para acolher serviços administrativos.
O investimento na ordem dos 950 mil euros é comparticipado pelo “Alentejo 2020”.

Câmara de Beja vai reabilitar Arco dos Prazeres e estabilizar muralhas interiores e exteriores do Castelo de Beja

51492254_627219641043616_4762909420327796736_n.jpgA candidatura da Câmara de Beja ao PORA para recuperação de troços da muralha do Castelo de Beja e reabilitação do Arco dos Prazeres, que sofreu danos aquando da demolição do depósito da água na Rua da Moeda, foi aprovada, com um financiamento FEDER de € 160.017,60. A Câmara de Beja assumirá os restantes € 28.238,40 não comparticipados.
Vai assim ser reabilitado o Arco dos Prazeres e estabilizadas as muralhas interiores e exteriores do Castelo de Beja orientadas para a porta de entrada do monumento.
Foto: CM Beja - Arco dos Prazeres.

CCDRA e Alentejo 2020 constituíram Conselho Regional de Inovação

201901311651174521.jpgA CCDRA e o Alentejo 2020 constituíram o Conselho Regional de Inovação, previsto no modelo de governação da Estratégia Regional de Especialização Inteligente (EREI), a quem cabe promover a política regional de inovação e a implementação da EREI.

O Conselho integra a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo, que preside, bem como entidades representativas do Sistema Cientifico e Tecnológico Regional, produtores de tecnologia e utilizadores avançados, entidades de planeamento e gestão de políticas sectoriais e de I&I relevantes, entidades empresariais e outros agentes económicos e sociais, entidades intermunicipais.

Expansão do Parque das Empresas de Ferreira do Alentejo com Financiamento Comunitário

201812261625113766.jpgFoi aprovado o financiamento comunitário para a expansão do Parque das Empresas de Ferreira do Alentejo. Trata-se de um investimento de cerca de 2 milhões e 60 mil euros, com uma comparticipação através do FEDER de 85% a fundo perdido. 

Com esta aprovação vai ser possível expandir em 7,36 ha a área já existente, acrescentando 38 novos lotes aos que já existem actualmente.

Aljustrel tem “o maior investimento de sempre no concelho apoiado por fundos comunitários”

Aljustrel-parques-768x432.jpgA Comissão Directiva do Alentejo 2020 aprovou quatro projectos - Centro de Negócios de Aljustrel; a Área de Acolhimento Empresarial de S. João de Negrilhos; a Área de Acolhimento Empresarial de Ervidel e a Expansão da Área de Acolhimento Empresarial de Aljustrel -, no montante de investimento global de cerca de 5 milhões de euros.

A Câmara Municipal adianta que “as novas áreas irão permitir um ambiente privilegiado para o crescimento de novas unidades empresariais, com forte componente de inovação e empreendedorismo, apostando no acolhimento e suporte de projectos de base tecnológica, que potenciem a renovação do tecido empresarial”.

Comentários recentes

  • Anónimo

    A polémica interna já estalou.

  • anónimo

    e porque não vem a publico a solução encontrada pe...

  • Anónimo

    Até os valores são quase os mesmos. 41 mil no 25 d...

  • Anónimo

    Panelinha em Castro Verde ?

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.