Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Morreu Miranda Calha

Zé LG, 02.04.20

91066385_2919157011494450_2603138545203806208_n MCO portalegrense Júlio Miranda Calha, morreu, no sábado, aos 72 anos idade, vítima de doença súbita.

Licenciado em Letras, chegou, entre outras funções internacionais, a desempenhar o cargo de presidente da Assembleia Parlamentar da NATO. Foi deputado, do PS, à Assembleia Constituinte e à Assembleia da República entre 1976 e 2019, desempenhou os cargos de Secretário de Estado do Desporto, Secretário de Estado da Administração Regional e Local, Secretário de Estado da Defesa e Governador Civil de Portalegre.

Miranda Calha foi ainda um dos fundadores da Rádio Portalegre onde chegou a desempenhar o cargo de presidente da Assembleia Geral.

À família e ao PS apresento as minhas condolências.

Edmundo Entradas morreu

Zé LG, 02.04.20

entradas.jpgEdmundo José Ferro Entradas, 65 anos, natural de Nossa Senhora das Neves, Técnico das Finanças, faleceu, no Hospital de Beja, vítima de doença prolongada, tendo sido enterrado ontem no Cemitério de Beja.

O Edmundo era meu contemporâneo e amigo. Conhecíamo-nos desde moços e mantivemos uma relação mais próxima nalguns períodos em que as circunstâncias da vida nos aproximaram. Nos últimos anos víamo-nos pouco. Vi-o pela última vez no princípio de Fevereiro, quando se realizou a Cimeira dos Amigos da Coesão em Beja. Há muito que não o via e tinha sabido há pouco tempo da doença com que se debatia. Mostrou-se animado, mas fiquei com a ideia de que a situação não estava controlada e se apresentava perigosa. Infelizmente, o tempo veio confirmá-la.

À Custódia e demais família apresento os meus sentidos pêsames.

Morreu António Felizardo

Zé LG, 27.03.20

2020032715420743.nb.pngAntónio Francisco Felizardo, de 79 anos, natural de Quintos, faleceu no Hospital de Beja. Electricista de profissão e empresário de serviços eléctricos e de panificação, foi presidente da Junta de Freguesia de Quintos, eleito pelo PS.

Conheci-o Há muitos anos, nas lides autárquicas e, embora de partidos diferentes, sempre mantivemos uma relação cordial e respeitosa. Era um homem muito dinâmico e interventivo.

O funeral realiza-se amanhã, às 11:15, da Casa Mortuária para o Cemitério de Quintos.

À família e ao PS apresento os meus sentidos pêsames.

Morreu José Mendes Pinto

Zé LG, 27.03.20

2020032715000228.nb mendes pinto.pngJosé Francisco Cano Mendes Pinto, de 65 anos, faleceu hoje, em casa da família, em Évora, na sequência de doença prolongada.

O Zé Mendes Pinto foi meu colega de Liceu. Embora tendo nascido em Beja, era tal como eu originário do concelho de Vidigueira. Estive vários anos sem saber dele, tendo voltado a encontrar-nos há uns anos. A última vez que o vi já se encontrava muito debilitado pela doença.

O corpo encontra-se em câmara ardente na Casa Mortuária do Cemitério de Beja, de onde sai amanhã às 08:45 para o Crematório de Ferreira do Alentejo.

À família apresento os meus sentidos pêsames.

Morreu Carlos Colaço

Zé LG, 26.03.20

90582273_2614533112113566_4334741433350094848_o co

Conheci o Carlos Colaço e com ele mantive sempre um relacionamento respeitoso e amistoso.

Foi de facto o que a Nota de Pesar refere. Um profissional apaixonado e empenhado no que fazia.

Há muito que não tinha notícias dele. Infelizmente voltei a tê-las pela pior razão.

À família enlutada e à Rádio Vidigueira apresento as minhas sentidas condolências.

Morreu Manuel Fialho

Zé LG, 26.03.20

fialho.pngManuel Fialho, fundador do mítico restaurante eborense que leva o seu nome, “o Fialho”, faleceu ontem, 25 de março. Manuel Fialho foi um dos grandes da gastronomia tradicional alentejana e que tão bem honrava no seu restaurante e em diversas livros gastronómicos.
Vítor Silva, presidente da Agência de Promoção Turística do Alentejo diz mesmo que “O Alentejo perde uma figura de vulto que tanto contribuiu para a gastronomia, a cultura e o turismo do Alentejo” e António Ceia da Silva, presidente da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo, que foi “uma grande referência não só para o Turismo do Alentejo, mas também de Portugal. Nunca teremos a noção daquilo que efetivamente lhe ficámos a dever. Mas, principalmente, foi um grande amigo, um companheiro de luta.”

Morreu António Mendes dos Santos

Zé LG, 07.02.20

2020020512082657.nb.pngAntónio Manuel Batista Mendes dos Santos, de 71 anos, motorista reformado da Câmara Municipal de Beja, morreu no passado dia 5 no Hospital de Beja, tendo-se o funeral realizado ontem para o Cemitério da Cidade. 

Conheci-o há muitos anos e relacionei-me com ele na Câmara Municipal de Beja. Era um bom trabalhador e um homem bom, de poucas conversas mas simpático e de bom trato.

À família apresento os meus sentidos pêsames.

Morreu João Palma

Zé LG, 22.01.20

2020012012400674.nb.pngJoão Manuel Soares Palma, de 71 anos, natural de Beringel, morreu no dia 20, no Hospital de Beja, vítima de doença prolongada. O funeral realizou-se, ontem, da Casa Mortuária de Beringel para o Cemitério daquela Vila.

João Palma era trabalhador da Câmara Municipal de Beja aposentado. Foi um dos dinamizadores do movimento de recuperação e valorização do Cante Alentejano.

Recordo-o como um bom homem, bem disposto e muito activo.

À família apresento os meus sentidos pêsames.

Morreu Mário Alves, primeiro árbitro internacional bejense

Zé LG, 22.01.20

imgLoader2.ashx.pngVítima de doença prolongada, faleceu, nesta segunda-feira, 20, Mário Gomes Alves, de 89 anos, antigo árbitro de futebol e primeiro juiz bejense a atingir a categoria internacional.
Mário Alves iniciou a sua carreira na arbitragem aos 25 anos, foi promovido à terceira categoria nacional na época de 1961/62 e teve uma ascensão rápida, quer à primeira categoria nacional, quer ao nível de árbitro internacional, estatuto que adquiriu na época 1969/70.
No ano de 1975, por imperativo de ter completado 45 anos, retirou-se da atividade, mantendo-se como formador do Conselho Nacional de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol, chegando, anos mais tarde, a presidir ao Conselho Regional de Arbitragem da Associação de Futebol de Beja. Ler mais aqui.
À família apresento as minhas condolências.

Morreu Amílcar Mourão

Zé LG, 12.01.20

amilcar-m-599x450.jpgAmílcar Bengla Mourão faleceu esta madrugada, segundo a Rádio e Jornal A Planície, de que era colaborador.

Economista e actual administrador da Caixa Crédito Agrícola Mútuo do Guadiana Interior, Amílcar Mourão foi também presidente do Instituto de Segurança Social de Beja e coordenador na empresa CLDS Moura.

Foi presidente da distrital de Beja da JSD e do PSD, Deputado do PSD, eleito por Beja, na Assembleia da República e actual eleito na Assembleia Municipal de Moura.

Foi com surpresa que tive conhecimento da sua morte. Cruzámo-nos muitas vezes na actividade política e guardo dele a imagem de um jovem convicto dos seus ideais, simpático, de muito bom trato.

Ao PSD e à família apresento os meus sentidos pêsames.