Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Morreu Eugénio Fernando, Vice-presidente da ACOS

EF.jpg

Eugénio Cristiano Lopes dos Anjos Fernando, de 62 anos, natural de Beja, faleceu hoje na sua residência, vítima de doença.

Eugénio dos Anjos Fernando era agricultor e director da ACOS, há 30 anos.

O seu corpo vai estar em câmara ardente a partir das 18 horas (a confirmar), nas Casas Mortuárias de Beja, de onde sairá amanhã, Sábado, às 13:30 horas o Cemitério da Quinta do Conde, onde será cremado.

Morreu a Alice. Até sempre Camarada!

alice.pngMaria Alice de Sousa Guerreiro, natural de Aljustrel, com 70 anos, viúva de João Honrado, faleceu hoje no Hospital de Beja. O seu corpo encontra-se nas Casas Mortuárias de Beja e o funeral realiza-se amanhã, às 13 horas, para o Crematório da Quinta do Conde.

A Alice marcou-me – e a todas as pessoas com que se cruzou – pela sua grande disponibilidade, solidariedade, camaradagem e amizade. Tive o privilégio de a conhecer há mais de 40 anos e de ter partilhado com ela muitos sonhos e combates por uma sociedade mais justa.

A Alice foi uma emigrante muito interventiva, militante do PCP desde antes do 25 de Abril, companheira dedicada do saudoso João Honrado. Integrou o Gabinete de Apoio à Presidência da Câmara Municipal de Castro Verde, de que viria a ser vereadora. Manteve sempre uma intervenção cívica activa, designadamente no associativismo, de que destaco, entre tantas outras, a sua responsabilidade no Grupo Rouxinóis do Alentejo.

Esteve sempre presente. Discreta mas interveniente, frontal, amiga.

Até sempre Camarada Alice!

À família apresento os meus sentidos pêsames.

Morreu o Prof. Pereira Guerreiro

Pereira Guerreiro.pngFrancisco Lopes Pereira Guerreiro, natural de Beja, com 85 anos, faleceu ontem. O funeral realiza-se hoje, às 15h30, das Casas Mortuárias para o Cemitério de Beja.

Conheci o Prof. Pereira Guerreiro em 1970, quando foi meu professor de História no antigo 5ª ano do Liceu. O nome comum serviu para nos aproximar e manter algumas conversas. Era um professor diferente da generalidade, pela sua maneira de ser e de lidar com os alunos.

Ainda há dias tinha estado a falar dele com um antigo colega, que me pôs ao corrente do seu estado de saúde e de onde se encontrava internado.

À família, designadamente à sua viúva D. Maria da Luz Vieira Marques, apresento os meus sentidos pêsames.

Rui Gaibino Morreu

18157568_1457304264344224_6087045699034072552_n.jpRui Gaibino, professor, faleceu ontem, no Hospital de Beja. O corpo encontra-se nas Casas Mortuárias de Beja, de onde sairá, às 16 horas, para a Quinta do Conde, onde será cremado.

Sei pouco do Rui Gaibino. Conheci-o há uns anos, quando, com outro colega do IPBeja, organizou uma iniciativa na Ovibeja. Convivemos poucas vezes, mas sempre que tal aconteceu pareceu-me que éramos amigos desde sempre. Era um Homem fraterno, solidário, desassossegado, polémico, participativo, empenhado em causas, que "estava em todas" em que acreditava. Pelo menos, era assim que o via.

Embora não haja insubstituíveis, o Rui Gaibino é uma daquelas pessoas que fica a fazer falta e que deixa saudades...

Os meus sentidos pêsames à família.

Ruben de Carvalho morreu

ruben_carvalho.jpgRuben de Carvalho, membro do Comité Central do PCP e do Executivo da Comissão Nacional da Festa do «Avante!», faleceu hoje, com 74 anos, em consequência de problemas de saúde que exigiram internamento hospitalar.

Intelectual comunista, assumiu uma intervenção destacada na actividade do Partido, tendo desempenhado importantes tarefas, cargos e responsabilidades. Ruben de Carvalho teve uma vida de intervenção e de luta na resistência antifascista, no movimento associativo estudantil, abraçou com intensidade a Revolução de Abril e defendeu os seus valores e conquistas. Destacou-se no jornalismo, na imprensa e na rádio. Deixou à sociedade portuguesa um contributo de grande relevo no conhecimento da música, na sua dimensão artística, cultural e social, no plano nacional e internacional, das suas raízes populares à sua dimensão erudita.

Ao longo de toda a sua vida, Ruben de Carvalho empenhou-se na luta, com o seu Partido, pela liberdade e a democracia, por uma sociedade nova liberta da exploração e da opressão, o socialismo e o comunismo. 

Ver toda a notícia aqui.

Morreu António Jerónimo, antigo presidente da Junta de Freguesia de Entradas

62069046_2247600015336591_941383782479429632_n.jpgAntónio Jerónimo, de 39 anos, antigo presidente da Junta de Freguesia de Entradas, faleceu neste sábado, 8 de Junho,vítima de doença prolongada. O funeral realiza-se hoje, às 11 horas.

Natural de Entradas , António Jerónimo foi presidente da Junta de Freguesia de Entradas durante três mandatos, entre 2005 e 2017 e actualmente era deputado na Assembleia Municipal de Castro Verde, sempre eleito pela CDU.

Desempenhou funções no Gabinete de Apoio à Vereação da CMCV entre 1999 e 2004 e depois dessa data ingressou na SOMINCOR (Minas de Neves-Corvo) como operador de lavaria.

Foi também dinamizador do movimento associativo do concelho, tendo desempenhado cargos directivos no Lar Frei Manoel das Entradas, na Sociedade Recreativa e Desportiva Entradense e na Casa do Benfica de Castro Verde.

Conheci o Tói, como era conhecido, há muitos anos, tendo convivido com ele em diversas situações no desempenho das nossas funções. Era um jovem muito dedicado à sua Terra e empenhado em tudo o que fazia.
À família enlutada manifesto o meu mais sentido pesar.

Fernanda Mestre morreu

fERNANDA.jpgMaria Fernanda da Costa Pereira Mestre faleceu, no passado dia 25. Tinha 82 anos e era viúva e natural de Lisboa, residente em Beja há dezenas de anos.

A Fernanda Mestre era um pessoa muito conhecida em Beja, pelas diversas actividades que desenvolveu, tendo alcançado maior notoriedade quando, desde os primeiros tempos e durante muitos anos, foi radialista na Rádio Voz da Planície, onde animou programas de grande audiência e muito populares.

Conheci e relacionei-me de perto com a Fernanda Mestre quando ambos militámos do PCP, integrando em simultâneo algumas das suas organizações locais.

A Fernanda Mestre era uma Mulher um pouco à frente do seu / nosso tempo. Interveio activamente na política, na rádio e na sociedade em geral. Era uma Mulher educada, sensível, simpática, discreta e amiga, que sabia ouvir. Apesar da sua vida nem sempre ter sido fácil não lhe ouvi um só queixume.

Só hoje, ao ler necrologia no Diário do Alentejo, soube do seu falecimento.

À família apresento os meus sentidos pêsames.

Morreu Ercília Martins

Faleceu Ercília Vitoriano Martins, uma Mulher do Poder Local Democrático

55478648_2133559343407326_4322348288037617664_n.jp

É com tristeza que comunicamos o falecimento de Ercília Vitoriano Martins, uma mulher que muito contribuiu para o Poder Local Democrático em Castro Verde. Eleita pelas listas da CDU nos órgãos autárquicos do Município entre 1994 e 2005, desempenhou funções na Assembleia Municipal, a que presidiu no mandato 1994 – 1996, e devereadora na Câmara Municipal de Castro Verde nos dois mandatos seguintes.
Ercília foi também uma professora dedicada durante grande parte da sua vida. 
Uma pessoa sempre disponível para trabalhar em prol de Castro Verde e das causas em que acreditava.

Obrigado Ercília! A tua dedicação será sempre para nós um exemplo.

 

Para além de tudo o mais, uma boa Amiga.

Apresento os meus sentidos pêsames à família.

Morreu Maria José Palma Cruz

Maria josé cruz.pngMaria José Palma Cruz, de 82 anos, natural de Beja, faleceu ontem em sua casa, tendo o funeral sido realizado esta tarde para o Cemitério de Beja. Só agora vi a notícia.

Conheci a Dona Maria José, há 36 anos, quando assumi a presidência dos então Serviços Municipalizados de Beja (hoje EMAS), de que foi funcionária e se aposentou. Era uma Senhora de bom trato, simples e bem disposta com quem sempre mantive uma relação cordial. Há já muitos anos que não tinha notícias dela.

À família apresento os meus sentidos pêsames.

Comentários recentes

  • Anónimo

    E nem sequer sobre o facto de a CDU ter aqui tido ...

  • Anónimo

    Desta vez ninguém comentou sobre quem fez parte da...

  • Anónimo

    As saudades da Rural Beja têm que ver com a qualid...

  • Anónimo

    Olhe que não, olhe que não!

  • Anónimo

    Também este blog já não é o que era.Nem uma pequen...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds