Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
06
Jan 17

201120141234-46-concentraoenfermeirosII.jpg

De acordo com o sindicato há carência de enfermeiros nas diversas unidades de saúde e os que lá trabalham estão exaustos.
Edgar Santos, coordenador do SEP no Alentejo, afirma que esta carência de profissionais está a levar à acumulação de horas extraordinárias e, nalguns casos, impede o gozo de feriados.
Ainda segundo, Edgar Santos, a solução passa naturalmente por integrar mais enfermeiros no sistema, porque eles existem só falta é vontade por parte da tutela para os contratar.

publicado por Zé LG às 12:46
Exaustos??
Estes enfermeiros é só risada.
Coisa que não os vejo é exaustão, vejo mais é preguiça, deve de ser do nevoeiro.
Tenham juizo
Pedro a 6 de Janeiro de 2017 às 14:26
Estão todos exaustos no hospital,sobretudo os membros do Conselho de Administração, que aturam isto tudo e os trabalhadores da Preguicinha!
Anónimo a 6 de Janeiro de 2017 às 14:42
A urgência está um caos porque a Diretora Clínica não fez (nem sabe fazer) o trabalho de casa.
Anónimo a 6 de Janeiro de 2017 às 15:13
O Dr. Monteverde diz que a culpa é dos "doentes oportunistas"...
Anónimo a 6 de Janeiro de 2017 às 16:14
Ele chama de oportunistas os que não têm dinheiro para ir ao consultório dele.
Anónimo a 6 de Janeiro de 2017 às 16:25
É uma vergonha ver a camarada Conceição Margalha na lista desse tipo à Ordem dos Médicos.
Anónimo a 6 de Janeiro de 2017 às 17:02
São amizades do tempo das viagens pagas pelos laboratórios farmacêuticos.
Anónimo a 6 de Janeiro de 2017 às 17:08
O que os utentes do SNS do Baixo Alentejo esperam dos médicos que estão estabelecidos em Beja há tantos anos é que não se constituam em lóbi para impedir as medidas de melhoria dos serviços públicos de saúde. É que é bem sabido que os interesses de alguns se realizam por força do atual estado de desorganização. É também sabido que a Ordem dos Médicos só se mexe quando lhes tocam no bolso. Enquanto a política de saúde não os belisca, ficam bem caladinhos
Anónimo a 8 de Janeiro de 2017 às 14:30
É verdade! Recordem-se algumas oportunidades em que a secção Distrital da Ordem dos Médicos podia ter tomado uma posição de força: quando se encerraram camas no Hospital, quando se verificou o recuo do apoio médico especializado e efetivo aos doentes oncológicos, quando o desinvestimento e subfinanciamento se tornaram crónicos, etc.. Para além de declarações vagas, não se pronunciaram contra isso nem fizeram qualquer pressão séria para evitar o prejuízo dos serviços de saúde do Baixo Alentejo, que teve como consequência a degradação da qualidade dos Cuidados neles prestados.
Anónimo a 8 de Janeiro de 2017 às 15:09
Geringonça alargada ao CDS.
Anónimo a 8 de Janeiro de 2017 às 19:41
Explique nos melhor!
Anónimo a 8 de Janeiro de 2017 às 19:43
O maestro (do CDS) tirou os do PSD e juntou-lhe um cheirinho de PCP, deixando um espertalhão saltar para o lugar de cereja do bolo. Os do PS fazem de bobos da corte.
Anónimo a 8 de Janeiro de 2017 às 20:25
Quem pode há muito que vai a Évora ao Hospital da Misericórdia; quem não pode - o povo - está bem lixado...

Beja a caminho do precipício na ULSBA e não só
não interessa a 8 de Janeiro de 2017 às 20:43
A ULSBA está tão calma que as águas mais parecem as de um autêntico pântano.
Não há camas que cheguem para os doentes.
Na urgência, segundo novo modelo de humanização, os familiares que pedem para ter acesso a um familiar velhote, são impedidos de entrar pelos enfermeiros e segurança.Só entram os ciganos que têm medo deles.
Não há fraldas,pijamas, papel, prateleiras vazias de medicamentos e por aí.
Os Centros de saúde estão às moscas e na urgência os corredores estão cheios.
Onde iremos chegar por este caminho?
Anónimo a 12 de Janeiro de 2017 às 15:21
E ninguém dá conhecimento disto ao ministro?
Anónimo a 12 de Janeiro de 2017 às 15:34
Mais sabe ja o Ministro...
Anónimo a 12 de Janeiro de 2017 às 16:29
Ai, ai! Vêem aí mais processos disciplinares.
Anónimo a 12 de Janeiro de 2017 às 16:30
Agora que destaparam a careca da consultora jurídica, pode ser que não...
Anónimo a 12 de Janeiro de 2017 às 16:44
O CA atribuiu-lhe funções indevidamente?...
Anónimo a 12 de Janeiro de 2017 às 18:51
Quando esse bando de incompetentes se vai embora do piso 6 e voltam a abrir as camas para os doentes?
Anónimo a 12 de Janeiro de 2017 às 19:00
Os próximos também precisam de poleiro ou não?
Anónimo a 12 de Janeiro de 2017 às 20:28
Deverão empoleirar-se noutro local.
Anónimo a 12 de Janeiro de 2017 às 23:11
Alguém pode explicar alguma coisa mais, para ver se percebemos,não?
Anónimo a 12 de Janeiro de 2017 às 20:29
Mas estamos a falar dos enfermeiros ou dos medicos?
Lá está a mania dos enfermeiros falar dos médicos. Estudassem.
Ahh, mas gosto muito do que faço, nota-se!
Pedro a 10 de Janeiro de 2017 às 00:17
Janeiro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Na saude esta quase tudo inaceitável. O objectivo ...
(O que é certo é que é sempre ele a atirar a pedra...
A dotação orçamental para o SNS é inaceitavelmente...
Parabéns, Paulo Barriga.
E para o Cante e a boa comida!
Vamos todos para Évora! Património Universal... De...
Ampliar o quê e para quê se o Alentejo alegadament...
Depende da sorte: se calhar num dos dois dias da s...
E se for um ataque cardíaco ou outra pataleca grav...
Ah, isso já não é preciso. É só ver os programas d...
Dará?
A Presidente da ULSBA vai dar conta publica disso ...
Então que paguem a saúde porque os privados agrad...
Sim, porque a pretensa falta de poder de compra ne...
Vão à CUF,aos Lusíadas, às clinicas das especialid...
blogs SAPO