Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

RUI MARREIROS CRITICA E QUESTIONA A OPÇÃO “SÓ FESTA” DA CÂMARA DE BEJA

Pela pertinência e pela oportunidade, transcrevo a conclusão do texto de Rui Marreiros, vereador da Câmara de Beja, que pode ser lido na íntegra AQUI:

13087418_1045586602185445_2508282189681394997_n.jp

“Qual o retorno direto e indireto no curto e médio prazo para Beja?

Principalmente: qual a estratégia para Beja que vá para além deste furor (furorzinho) mediático?

Trata-se de um Investimento reprodutivo?
Então qual o retorno e o valor acrescentado por cada euro gasto nestas iniciativas?

Festas e divertimento claro que sim, na medida, na conta certa e dentro das reais possibilidades das entidades que as promovem.

Claro que antes deve haver um árduo trabalho, os primeiros resultados, e só depois então, comemora-se!

Sejam quais forem as respostas, o desenvolvimento sustentável, o combate à desertificação, o contrariar da estagnação, o fomentar o progresso não pode passar só por isto!

Simultaneamente precisam-se também, claro que sim, de eventos e iniciativas mas que sejam consubstanciados numa estratégia integrada, consistente, que vá para além do objetivo único de nos entreter e adormecer, que envolva (verdadeiramente) os agentes locais, direcionados para nossa população e que simultaneamente sirvam de suporte à promoção e divulgação da nossa cultura.

Beja quer mais e precisa de mais, de muito mais!”

44 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Comentários recentes

  • Anónimo

    São apenas recomendações e mais nada.O que é que q...

  • Anónimo

    Há, aí no problem, eles entendem todos bem.Se for ...

  • Anónimo

    Os deputados vão de férias descansados. Quem fica ...

  • Anónimo

    É evidente que é bom negócio. A questão é quando p...

  • Anónimo

    Para os seres humanos a saúde faz parte do seu bem...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.