Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Quem vai eleger o terceiro deputado por Beja?

2019_ar_banner.jpgParecendo certo que os dois primeiros deputados à Assembleia da República pelo círculo eleitoral de Beja serão eleitos pelo PS e pela CDU, resta saber quem vai eleger o terceiro:

1 – Será que o PSD, ao arrepio de todas as previsões e tendências, ainda vai conseguir elegê-lo?

2 – Será que os resultados vão ser semelhantes aos das eleições para o Parlamento Europeu e vai ser o Bloco de Esquerda a elegê-lo, o que aconteceria pela primeira vez?

3 – Será que a CDU vai surpreender e recuperar a votação que já teve em tempos idos e será ela a elegê-lo?

Para quem não tem disciplina de voto, vai votar e não quer uma maioria do PS, esta é uma questão fundamental para determinar a utilidade do seu voto.

3 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 16.09.2019 17:00

    Bem analizado, J. Espinho.
    Aliás, embora a comunicação social tenha dito e redito que seria ao BE ou o PAN quem poderá retirar a maioria ao PS. Não é verdade.
    Quem poderá tirar a maioria ao PS é sem dúvida e apenas o PSD.
    Daí o autêntico massacre a Rui Rio, onde tudo vale e sempre que há um elemento do PSD que diz o que quer que seja contra ele, não há rádio, televisão e jormal que não o propague aos sete ventos e até à exaustão.
  • Sem imagem de perfil

    João Espinho 17.09.2019 17:57

    Ora bem. Pessoa amiga, entendida no método de Hondt, teve a gentileza de me telefonar e esclarecer as dúvidas que foram levantadas. Assim, no caso do Distrito de Beja ( 3 deputados) os votos revertem em 3 mandatos, sendo que:
    - O partido mais votado mete o 1º deputado
    - o 2º partido mais votado mete o 2º deputado
    - o 3º deputado é metido ou pelo partido mais votado ou pelo 3º partido. Depende da relação de forças entre o 1º e o 3º.
    Vamos a exemplos: se o PS tiver 28.000 votos , o PSD (terceiro partido) terá de ter 14.000+1 (isto é, metade do PS +1). Se o PSD tiver 13.999, o 3º deputado é do PS.
    Outro exemplo: PS - 25.000 votos, o PSD (3º partido mais votado) mete deputado com 12.501 votos. E se o PSD tiver 12.499, o PS mete o 3º deputado.
    São basicamente estas as aritméticas. Pelo que se pode concluir que a CDU jamais meterá o 3º deputado, tudo indicando que, mesmo sendo o PSD o 3º partido mais votado, muito dificilmente conseguirá meter o 3º deputado.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Comentários recentes

    • Anónimo

      Já agora em jeito de contributo para a "literacia ...

    • Anónimo

      Humm...precisamos de "Literacia politica"...."faze...

    • Anónimo

      Ou a um feiticeiro...

    • Anónimo

      Atão quem emprestou o autocarro é de que partido??

    • Anónimo

      O problema é mesmo esse. Enquanto oposição nada tê...

    Mais sobre mim

    foto do autor

    Sigam-me

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    subscrever feeds