Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
25
Out 15

Como funcionário do hospital venho pedir-lhe que verifique as seguintes informações que são abertamente faladas nos corredores;
- Em 2014 afastaram a Auditora Interna e abriram um concurso para novo auditor
- O concurso esteve parado mais de um ano
- Em junho de 2015 fizeram as entrevistas e apuraram como auditor um amigo do partido chamado Amilcar Mourão
- Este Senhor não tem CV nem experiência na função e, os outros candidatos impugnaram o concurso.
- Este Senhor iniciou funções em Agosto e não é visto a trabalhar nem faz o registo biométrico, que é obrigatório para todos os funcionários.
-Os estatutos do hospital obrigam à existência de um auditor. Não só estivemos mais de um ano sem auditor como agora temos um sem o perfil adequado que não vem ao hospital.
Há outras situações de má gestão internas que poderei avançar caso entenda noticiar.
Recebido por e-mail

publicado por Zé LG às 00:03
o Amilcar Mourão não tem CV mas mais importante tem cartão PSD e é amigo do Conde e do Simões. Está tudo dito.
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 09:18
O homem ,dizem ,tem um CV brilhante.Finalmente a ULSBA vai ter um auditor interno bem pago e a cumprir as suas funções! Ouvi dizer que picava o ponto em Moura.
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 13:14
São os "dizem" e os "ouvi dizer", venham de onde vierem, que legitimam as dúvidas. O post é titulado com uma pergunta, quem souber e quiser elucidar com verdade e clareza que o faça, caso contrário não vale a pena, os espíritos santos de ouvido só desinformam e perpetuam dichotes. Parece-me claro.
Senhora Doutora Ana:

A verdade está escarrapachada no post do LG.Pouco mais há para esclarecer.
Ganhou o dito concurso interno,entre concorrentes da casa e outros externos, o Dr. Amílcar Mourão. As razões , apontam os opositores ao concurso , estão no seu elevado CV, que agora conhecem , na qualidade de contra interessados de uma impugnacao administrativa para o Tribunal de Beja , feita por uma das concorrentes , a antiga auditora Dr. Joana Vacas de Carvalho.Verdade verdadinha , temos estado tão mal servidos que a Dra. Joana também nada fez nessas funções até porque não sabe e não quer. Prefere passar o dia na gestão da sua empresa de bolos na Preguicinha , local por excelência de lazer . Também uma outra candidata ,funcionária da casa ,com experiência de longos anos , a Dra. Custódia , recorreu superiormente porque teve classificação de zero no CV ,aliás à semelhança de outro concorrente da casa bafejado também com a nobre classificação de zero no CV.Mas este último , o engenheiro Fernando Mestre foi compensado com a nota máxima na entrevista . Parece que haverá também outros insatisfeitos com o processo mas não reclamaram , optando por outras formas de desagrado.
Certo é que se mal estávamos ,mal ficamos ...
Visao a 25 de Outubro de 2015 às 17:24
Agradeço o resumo. Ao contrário do que começa por afirmar, vexa forneceu-me informação acrescida e substancialmente diferente da que consta no post e esta sua simpatia permitiu-me perceber que não se trata de uma impugnação de um concurso, antes de um recurso judicial. Dúvida esclarecida, mais uma vez obrigada.
Ana Matos Pires a 25 de Outubro de 2015 às 23:08
o Conde precisa de ter bem controlado e á mão de semear , um pau mandado para poder substituir o Simões em qualquer momento. O Mourão fica desde já debaixo de sal para qualquer eventualidade.
é assim que o Conde tem controlado o PSD de Beja . São técnicas que ele aprendeu quando navegava na extrema-esquerda
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 15:31
Ora, ora, então não sabem? O Bengla tem tido tanto trabalho com a dita função de auditor que este ano nem sequer publicou alguma coisinha no seu blog cor de laranja.
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 09:27
O concurso ja se sabia q dava nisso.O pior e a forma como o pouco dinheiro q ha e publico e gasto com pessoas q nada produzem.Muito desmotivador por quem anda por la águenta do a casa.
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 10:14
Há instâncias superiores para se enviarem estes mails e outras informações que sabem.
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 10:41
É verdade. A inspeção.
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 10:56
E outros...
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 13:11
Mas afinal quem é esse Bengla?
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 11:13
Já foi deputado do PSD, e anda lá por Moura.
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 11:20
Aaah, isto é maldade!... Logo hoje, que a PCA tem uma vernissage...
Zagalote a 25 de Outubro de 2015 às 10:12
Pois é o Hospital vai-se governando com as "vernissages" da PCA. É o resto?
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 10:26
Não, o Hospital continua-se governando com as "vernissages" de todos os PCA que por lá têm passado.
E não estou a defender esta.
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 11:01
Então alguém o governa? Sim as exigências são cada vez maiores e a gestão de milhões públicos não é hoje nenhuma brincadeira de gente pequenina...
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 11:11
Pode ser gerido com competência, dispensando folclores para aparecer na fotografia.
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 11:16
Mas claro que alguém o governa, a Cacique da Logistica, senão já tinha caido
Anónimo a 29 de Outubro de 2015 às 21:11
Mas sabem o que é um cacique? É que a AH da logística é tudo menos isso.Só pode dizer isso é quem não a conhece,nem sabe avaliar o trabalho dela porque não lhe chega ao dedo mindinho e ainda revela dor de cotovelo. Se essa AH fizesse o mesmo dos outros colegas, e ela podia fazê-lo porque já não precisa daquilo para nada,mas sabe e gosta do que faz,já a queda tinha acontecido há muito.
Cuidado que isso é inveja ,não se sabe do quê, mas é da ruim.Aconselho-o ou a a ter mais cuidado com essa do caciquismo a quem o detesta.E olhe que sei do que falo.É melhor olhar para os lados e por a cabeça a funcionar!
JA a 29 de Outubro de 2015 às 21:34
Sim, para satisfação de vaidosos vai-se desperdiçando dinheiro público.
R. Dias a 25 de Outubro de 2015 às 11:14
Há aí um outro post que se referia aos problemas existentes na Gestão da ULSBA. Podem acrescentar mais este dos desperdícios dos dinheiros públicos ou melhor o problema do desgoverno do Conde e da PCA.

Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 11:29
Não faço a mais pálida ideia do que se passa com este assunto, desconheço em absoluto os trâmites processuais, mas há uma incongruência nestas informações. Se o concurso, como é dito, foi impugnado como pode o auditor ter iniciado funções entretanto? A menos que a conclusão do processo da alegada impugnação tenha ocorrido num período nada habitual - 1 mês, a fazer fé nas informações referidas no post - quem ficou em primeiro lugar no concurso não poderia tomar posse em agosto.
Ana Matos Pires a 25 de Outubro de 2015 às 11:38
Oh , doutora! Já vão sendo horas de saber alguma coisa do que se passa na casa. Nunca ouviu dizer que após um concurso pode haver um recurso hierárquico para o membro do governo ou um recurso administrativo para o tribunal?
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 13:09
Sou psiquiatra, não sou coscuvilheira, e não tenho por hábito falar do que não sei, lamento se o(a) desiludo mas não faço tensões de mudar. Quando não sei e me interessa pergunto, como é o caso (quando não me interessa nem tomo conhecimento). Acontece que no post fala-se de uma impugnação, não de um recurso. Consegue elucidar-me sem apartes patetas? Agradecida.
Ana Matos Pires a 25 de Outubro de 2015 às 14:01
Eh pá não aborrecam a berloquista, ela ainda digeriu a indegestão do sucesso, e ainda por cima não lhe compram a carripana
Anónimo a 29 de Outubro de 2015 às 21:15
Indigestão depois dos dias históricos que se viveram neste país nas últimas semanas e de estar a pensar seriamente num crowdfunding? Vexa é lerdinho(a).

E hoje estou particularmente contente, tomei conhecimento do Prémio Sakharov 2015: Raif Badawi - a propósito https://www.facebook.com/aiportugal/photos/a.123065757712783.16563.122344957784863/1063788933640456/?type=3&fref=nf&pnref=story
Ana Matos Pires a 30 de Outubro de 2015 às 00:26
Esses hipócritas vem agora descerrar placas, quando sempre trataram mal os trabalhadores! Nem mesmo quando morreram velhos funcionários da casa este CA deu uma palavra de reconhecimento.
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 12:08
Já agora, porque não põem uma lápide em memória a todos os que padeceram no Piso 6 onde agora se alcandoram?
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 12:14
Há de vir um governo de esquerda que corra com essa cambada! Nem os seus amiguinhos de PC vão poder interceder por eles.
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 12:29
Os estatutos da ULSBA obrigam não do à existência de auditor,mas a muitas outras coisas que não existem ou as que existem não funcionam nos termos legalmente definidos.
É uma questão de investigação simplificada.
Visao a 25 de Outubro de 2015 às 13:29
Está uma casa muito desarrumada, sem rei nem roque!
Funcionário a 25 de Outubro de 2015 às 13:34
Para além de estatutos, existe o Dec Lei 244/2012.
Anónimo a 26 de Outubro de 2015 às 19:05
Sinceramente acho que nunca existiu no hospital um Conselho de Admnistracão que fosse tão odiado por todos os profissionais. É muito dificil de conviver com esre tipo de gestão . Esta Administração è um verdadeiro caso de estudo.A incompetencia no seu melhor !
xxx a 25 de Outubro de 2015 às 14:20
Tem piada. Ouvi dizer exatamente o mesmo, nos últimos tempos do anterior.
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 14:32
Com os tempos a passarem , parece que este já consegue ser pior .
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 17:53
Não sei. No caso anterior até havia juras de acertos de contas, com pancadaria pelo meio.
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 21:48
Sabe , essa que refere de juras de acerto de contas e outras do mesmo tipo para caracterizar "gestões" não devem ser consideradas porque a gestão desta tão grande casa não é avaliada através de comentários desse tipo. Quando aqui alguns o referem, com qualificações como a deste post e mesmo outros comentários neste blog já efectuados , esses sim qualificam e são bons indicadores do que por lá vai.
Anónimo a 25 de Outubro de 2015 às 23:30
Este comentário é tão profundo que apenas o seu autor percebe.
Anónimo a 26 de Outubro de 2015 às 16:19
Não sei se o PAN o permite mas está na altura de tentar apanhar o boi pelos cornos, é que isto das sarnelhas não é fácil, apanhá-lo no meio dos outros "boYs" é sempre uma carga de trabalhos...
confuso a 26 de Outubro de 2015 às 18:14
Não será só o seu actor parece que quem o refere também o percebe! Estas respostas às vezes têm que ser mesmo assim PROFUNDAS.
Anónimo a 26 de Outubro de 2015 às 20:45
Profundas ou menos profundas, acabam sempre no mesmo, ou seja Rose Boys against Orange Boys.
Anónimo a 26 de Outubro de 2015 às 21:46
Quem vê estas discussões como coisa de disputa de tipo clientelar, sem discernir o conteúdo pertinente dos argumentos, fá-lo por preguiça mental.
Anónimo a 27 de Outubro de 2015 às 08:34
E sobretudo quem pretende armar-se em intelectual de café e quer colocar tudo no mesmo saco. Mesmo dando-lhe um toque naif e supostamente de amor sem fronteiras ao povo trabalhador. Vulgo, operários, soldados e camponeses.

É que o CA da USLBA não se resume só à princesa, ao conde, à duquesa, ao marquês ( não confundir com o caso Sócrates) ou a outro qualquer nobre que lá tenha sido colocado.

Há mais profissionais e de grande valor e dedicação. Cito por exemplo os responsáveis pelos cuidados primários e dos centros de saúde. Os quais são maioritáriamente da área do PS e foram escolhidos pessoalmente pelo elemento do CA, que é do PSD.
Anónimo a 27 de Outubro de 2015 às 09:31
Mas que grande abébia! Isso prova o quê?
Anónimo a 27 de Outubro de 2015 às 12:05
T´ás parvo?
Não sabes lêr?
Anónimo a 27 de Outubro de 2015 às 14:34
Você quer enfiar o barrete a quem?
Anónimo a 27 de Outubro de 2015 às 15:22
Então o que têm a ver com o CA os coordenadores dos Centros de Saúde? São nomeados pelo CA tal como os Directores de Serviço e outras chefias de enfermagem e ainda todas as outras chefias intermédias,algumas que já o são por profissão.
Portanto este comentário é de uma total ignorância.
Anónimo a 27 de Outubro de 2015 às 19:08
Pois, quer dizer que um CA nomeado por e subserviente ao PSD arranja umas nomeações para boys e girls do partido opositor, para os manter na esfera de controle. Sempre houve quem se prestasse a esses jogos de poder.
Anónimo a 27 de Outubro de 2015 às 19:28
Com que então não é a politica e só a politica que está por dentro e fora deste debate sobre o CA?
Quem é que afinal quer enfiar o barrete a quem?

Tal como se dizia no pós 25 de Abril de 1974, "Fascista" é aquele quem tem o lugar ou está na posição, para o ou a qual eu quero ir.

Porque lá chegados, como muito bem diz o camarada Jerónimo de Sousa, " É tudo farinha do mesmo saco".
Anónimo a 27 de Outubro de 2015 às 19:37
É evidente que isto é política. A necessidade de fiscalização democrática dos dirigentes do Estado. A necessidade de garantir que sejam nomeados os mais capazes e competentes. O que é isto senão política? De que forma a sociedade define os critérios de boa gestão do bem público?
Anónimo a 27 de Outubro de 2015 às 20:17
Os critérios da boa gestão do bem público reconhecidos pela sociedade devem ser objectivos , porque quantificáveis . So assim demonstram e justificam perante o outro, o avaliador, no caso a sociedade.
Vamos tentar enumerar alguns desses critérios:
- zero desperdícios dos dinheiros públicos;
- definição , cumprimento e avaliação de uma estratégia de gestão de criação de valor do bem público;
- capacidade de participação /envolvimento dos actores internos a esse subsistea público;
-imagem externa e interna forte , porque os outros , a sociedade, sente sabe e vê que " aquela gente está ali porque sabe o que está fazendo e nem precisava desse poder para ser diferente...";
-manifestações de princípios de ética e transparência total;
.
.
.
A completar,se quiserem analisar e discutir ao nível da cidadania.


Visao a 27 de Outubro de 2015 às 21:25
Concordo.
MF a 27 de Outubro de 2015 às 21:32
O que a ULSBA não precisa é de boys ou girls de qualquer partido,sejam eles do arco da governação ou dos extremos.A ULSBA, precisa sim, e isto se quer ainda tentar sobreviver enquanto instituição ou pelo menos como organização prestadora também de alguns cuidados diferenciados com razoável qualidade, de um órgão de gestão composto por elementos com conhecimentos diferentes e competências diferenciadas,agregador / cativante de vontades sobrantes e como tal de lideranças fortes, motivado e motivador da causa pública porque o Distrito é pobre e envelhecido .Em suma, um órgão que saiba e queira fazer GESTÃO, sem receio de uma mudança qualitativa em que o exercício do poder pelo poder não tem qualquer lugar.
Naturalmente ,que tais profissionais são votantes e não abstencionistas,têm princípios e valores que defendem na sua vida privada e pública, não podem é ser boys ou girls no conceito que tais termos encerram nos últimos longos anos.
Visao a 27 de Outubro de 2015 às 20:55
De acordo.
MF a 27 de Outubro de 2015 às 21:10
Não podem fazer parte da solução os que fazem parte do problema.
Anónimo a 27 de Outubro de 2015 às 21:30
E qual é o problema? A menos boa gestão não é verdade?ou há outros ou outros problemas?
Anónimo a 27 de Outubro de 2015 às 21:46
Um dos problemas é a obstaculização à mudança, que alguns que principalmente olham para os seus interesses egoístas movem contra a melhoria organizacional.
Anónimo a 27 de Outubro de 2015 às 21:52
Uma gestão só é eficaz,se competente e como tal capaz de remover essa obstaculizacao à mudança.
Anónimo a 27 de Outubro de 2015 às 21:59
Subscrevo.
MF a 27 de Outubro de 2015 às 22:03
Mudança?
Mudança de quê?
Nas na cor e nas caras dos boys?
Tal como dizia no filme, " De tempos a tempos, é preciso que algo mude, para que fique tudo na mesma." sic
Anónimo a 30 de Outubro de 2015 às 09:22
mas olhe que deste já se ouve há muito tempo, quiçá desde o inicio tais os pregaminhos do enxoval
escumalha a 28 de Outubro de 2015 às 21:04
é capaz de ser bem verdade, na vernissage da PCA, apenas estavam cerca de 50 pessoas pelo que corre.
escumalha a 28 de Outubro de 2015 às 21:02
eram 50 , mas eram bons:
4 militares,
2 padres
uns 20 reformados da casa
1 conde
1 pagem
1 ex deputado
1 peixe ao sal
6 secretarias do conselho de administração
1 fotografa
1 comunista do conselho consultivo (não está no numero dos reformados)
6 médicos
1 AS (tambem não contou nos reformados:):)
6 enfermeiros
1 quadro do PSD local
1 PCA
x figurantes

em suma uma vergonha essa tal de sessão de envernizamento, comemorar 45 anos, onde já se viu? temos visto muita coisa, mas tamanho despautério nunca!
a adesão à palhaçada revela a consciência da massa trabalhadora do HJJF que de modo algum se revê nestas tristes manifestações , bacocas e vazias de conteúdo, meras quimeras de uma cabeça vazia de conteudo, que em vão tenta conduzir um conteúdo de cabeça vazia...!
Anónimo a 28 de Outubro de 2015 às 21:17
Quem trabalha no Hospital de Beja não vê nenhum motivo para comemorar, antes pelo contrário: este hospital nunca esteve tão mal!
Zulmira a 28 de Outubro de 2015 às 21:20
Ó Zulmira, tu és xuxinha...
Diz lá, diz lá....
Anónimo a 28 de Outubro de 2015 às 21:41
Podem chamar-me xuxinha, mas não é por o PC estar em vias de firmar um acordo com o PS que se vai branquear a vergonhosa colaboração e descarado apoio que destacados comunistas da nossa praça tem dado ao atual CA da ULSBA.
Zulmira a 28 de Outubro de 2015 às 23:12
Não tenhas pressa, então.
Quando António Costa formar governo, tudo se resolverá.
É preciso é conter a ansiedade.
E quanto menos se falar do assunto, aqui pelos blogs, tanto melhor.
Senão estes ingratos começam logo a falar em saneamentos políticos e nas indeminizações compensatórias.
Anónimo a 28 de Outubro de 2015 às 23:17
Não há "indeminizações" por saneamentos políticos quando a dispensa é por justa causa: incompetência e não prestação de contas.
Z a 28 de Outubro de 2015 às 23:28
Com que então má gestão. Nem o MRPP com as suas pulgas e exposições públicas iria tão longe.
Acredita mesmo que o "conde", no seu tempo um dos mais competentes e prestigiados advogados cá do burgo, se deixaria entalar nessa patranha.
Iriam é arranjar maneira que ele e o restante CA tenham uma indeminização choruda à custa de todos nós. Isto só para satisfazer clientelas politicas ávidas de tachos.
Anónimo a 29 de Outubro de 2015 às 09:11
Só que de gestão e hospitalar o Conde nada sabe e trabalho não é com ele.Diz o ditado"burro velho não aprende linguagem" e esta da gestão hospitalar em tempo de crise não é para qualquer conde.
E quanto à princesa também já mostrou que o seu forte em gestão hospitalar não existe. Ainda se fossem festas e festarolas para a clientela politica ver...
Anónimo a 29 de Outubro de 2015 às 15:00
anonimo das 9 h 11m-----Com essa do CONDE ser " dos mais competentes e prestigiados advogados cá do burgo " até me rebolei no chão a rir e mijei a cuequinha.
anonimo a 29 de Outubro de 2015 às 20:38
De inveja, claro.
Digo eu e afirmo-o "dos mais competentes e prestigiados advogados cá do burgo" sic. A que acrescento honesto e integro.
E não sou PSD, nem coisa que o valha.
Aliás deixe que lhe diga, que é de baixo nivel tentar denegrir quem quer que seja, só porque não se concorda com as suas ideias ou práticas politicas.
De muito mau gosto.
Anónimo a 30 de Outubro de 2015 às 09:18
Este post tem a ver com o modo como a gestão da ULSBA está a ser (mal) feita. Portanto, um comentário a defender a honorabilidade profissional de um membro do respetivo CA é inadequado. A questão não é se é bom ou mau advogado, mas sim se está a ser competente ou não como gestor dessa unidade de saúde.
Zulmira a 30 de Outubro de 2015 às 10:19
Não, critique-se a prática e opções politicas de quem está frentre de instituições públicas.
Nunca, salvo com suspeitas bem fundamentadas, se ponha em causa a honra e o bom nome de quem quer que seja.

Misturar as duas coisas, como propõe aqui Zulmira, apenas revela a sua falta de escrupulos para atingir o poder, passando por cima de quem quer que seja.
Se não se retratar aqui e já, deixo imediatamente de lhe dar qualquer tipo de troco às prosas.
Anónimo a 30 de Outubro de 2015 às 11:48
O Sr. parece não saber ler, ou é de propósito que está a fazer confusão. O que eu disse foi exatamente que se separem as coisas!
Zulmira a 30 de Outubro de 2015 às 12:43
Comentário que dá graça mas com muito conteúdo ,feito por um anónimo com uma cabeça com conteúdo.
Outrem a 29 de Outubro de 2015 às 20:23
isso foi coisa do primo do escumalha, só pode
Anónimo a 29 de Outubro de 2015 às 21:08
não me digam que o ex-Deputado presente foi o Mario Simões e que o quadro PSD foi o João Araujo !!!!!!!!!!!!!
Anónimo a 29 de Outubro de 2015 às 20:40
na mosca !
Anónimo a 29 de Outubro de 2015 às 21:07
Anónimo a 30 de Outubro de 2015 às 13:08
e continua a não ser visto; este é talvez o caso mais escandaloso que temos vivenciado nos ultimos anos, o ponta de lança do conde goza com tudo e com todos aqueles que diariamente trabalham na ulsba para garantir um salario, muitas vezes miseravel que lhes permita sobreviver
Anónimo a 27 de Novembro de 2015 às 22:09
É uma afronta a quem diariamente trabalha nesta casa, situações desta natureza. Como pode ser nomeado um candidato quando existe um processo de recurso a decorrer que automaticamente suspende o concurso e outro recurso no Tribunal.
Anónimo a 28 de Novembro de 2015 às 23:38
Outubro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
O bom funcionário vive feliz e saudável, quando to...
às 11H00?
safa, aqui aprende-se pouco, ou mesmo nada!
A loucura anual, para depois ano após ano ficar tu...
Cada um lê aquilo quer e vossemecê não tem nada a ...
E o anonimo(a) das 11:24 leu, senão, leia, é capaz...
Que triste pasmaceira!
Estes não se preocupam com coisa alguma e não se ...
Passaram cinco anos. Mudou governo e administração...
Saudável era a dieta daquele ministro obeso. Os ca...
Ambiente saudável...
podia ter colocado uma foto da sala de macas da ur...
Tal como o cartel dos madeireiros.
e não é para menos! Vamos continuar a rir? Porque ...
Passando agora dos investidores chineses para os e...
blogs SAPO