Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

“Por todos, no mesmo sentido e a uma só voz.”

Zé LG, 30.03.21

JR.png«…, embora valorizando o espaço de diálogo aqui existente, não poderia deixar de dizer, que este espaço poderia ser também um espaço para os homens. E digo isto, porque não consigo perceber vantagens em nenhum tipo de segregação.

Onde reside a diferença? – pergunto. A diferença só existe se quisermos que ela exista. E não deve existir!

A mudança tem de ser feita por mulheres livres e responsáveis, mas também por homens responsáveis e livres. Neste sentido, quero aqui deixar expressa esta ideia: tudo o que falta fazer na defesa do princípio da igualdade – e de tudo o que nos deve mover – tem que ser feito e participado por mulheres e por homens, com as suas vivências, experiências, saberes e desejos. Por todos, no mesmo sentido e a uma só voz.

A luta é a mesma e só juntos conseguiremos uma ação responsável, partilhada e livre, quaisquer que sejam os espaços, os sítios e as formas dessa participação.»

Assim termina João Rocha o seu texto, aqui.

14 comentários

Comentar alvitre