Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
10
Out 17

IMG_2716.JPG

A intromissão do regadio intensivo em áreas da rede de protecção e de valorização dos ecossistemas naturais constitui uma preocupação enorme, e que tem sido expressada por vários agentes da administração e das universidades!...E salvo melhor opinião, assiste-se de modo quase irreversível ao empobrecimento dos solos agrícolas de maior potencialidade, destruindo-se áreas vastas de montado de sobro e de azinho, e respectivos ecossistemas! Há muita coisa errada nesta quase ausência de planeamento e de ordenamento agrícola e territorial, e iremos muito em breve pagar a factura desse descontrolo! Hoje é quase um lugar comum, que os solos de culturas intensivas, ficam saturados em poucos anos, irreversivelmente contaminados, esqueléticos e improdutivos!...e isto não é pouco, nem menosprezável pelos agentes com responsabilidades sobre a área, em Portugal!...é olhar para os elementos cartográficos e comparar o resultado nos últimos anos, dessas práticas agrícolas...No terreno ainda é mais notório o efeito nocivo!...Muito haverá a dizer sobre o assunto, mas não faz sentido, assobiarmos para o lado e encolher os ombros!

Ecce homo a 9 de Outubro de 2017 às 09:31, AQUI.

publicado por Zé LG às 13:56
A APA não fiscaliza estes trabalhos onde são destruídas as linhas de água? a modelação dos terrenos vai trazer no futuro próximo grandes problemas ambientais,não é só a saturação pela via da cultura intensiva, onde estão os verdes e a câmara que nada dizem nem intervêm, existe alguma conveniência politica nisto?
freguês a 11 de Outubro de 2017 às 19:57
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Em Beja as palhaçadas são mais isto:Áurea Dâmaso ·...
Em Beja também se trabalha nisso: https://www.face...
As empadas altas são muito boas!
Dizer mal de tudo e de todos é um passatempo nacio...
eheheheh não resisto, adoro o "para ali vão passar...
Já era tempo de essa pastelaria/ restaurante vir p...
O DN, sabe-se lá bem porquê, parece se o único jor...
Boa reportagem https://www.dn.pt/portugal/interior...
Esqueçam a eletrificação da linha férrea, o IP8 e ...
Os eleitores de Beja, tal como os de Portalegre, i...
Bem visto! Já agora era útil que se demonstrasse e...
E não é que a senhora tem toda a razão! Para não f...
Realmente é uma autêntica vergonha o péssimo estad...
No Baixo Alentejo os eleitores não votam em indepe...
Ponham ali os olhos, políticos do Baixo Alentejo. ...
blogs SAPO