Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

"Nenhum candidato apresentou um Programa especifico para Beja nem explicou como o executaria"

Zé LG, 13.09.17

Em muitas alturas li este blog, sem nunca o comentar. Talvez porque repugne a ideia daqueles que sob o anonimato "insultam gratuitamente" (devia ser acrescido de valor acrescentado: ou em opiniões/comentários válidos e construtivos, ou de IVA mesmo...estávamos mais ricos e talvez a derrama e o IMI não fossem questão).
Entendo porque o fazem, todos usamos "máscaras" para sermos socialmente aceites. Mas são efectivamente poucos os que são sinceros (principalmente com eles mesmos), dão a cara, o nome, dão o corpo às balas, pegam o touro de frente...como queiram designar.
Sou filha, neta e irmã de "Comunas" como são designados por aqui. No entanto fui criada em Liberdade, permitiram-me ter a minha própria opinião, a formatar-me enquanto pessoa.
Não sou nem militante, nem apoiante, nem tão pouco simpatizante de nenhum partido em particular. Talvez seja porque nunca me permiti a grandes amarras ideológicas: políticas, religiosas, filosóficas. Existem grandes homens e mulheres de todos os quadrantes políticos.
A sério, que algum de vós está por e com Beja?
Essa Cegueira, que vos consome, nem vos permite fazer uma análise concreta do que viram e ouviram.
Nenhum candidato apresentou um Programa especifico para Beja no programa emitido na RTP, nem explicou como o executaria.

Que o João Rocha não é um bom orador, não é novidade. Novidade, é que o único que segue um discurso em linha recta sem se atabalhoar é o candidato do BE.
Na minha avaliação, todos os outros candidatos não conseguem ser directos e concisos, fazendo com que a ideia se perca.
De grosso modo, todos os candidatos concordam que as grandes problemáticas da cidade, estão associadas à falta de acessibilidades e a um denominador comum no País que é o desemprego.
Gostei da forma como os candidatos do PSD e CDS, concordaram que, de algum modo foram penalizados devido ao anterior Governo.
Não gostei da postura do candidato do PS, começou por designar o executivo como sendo da Coligação Democrática Unitária, depressa passou a ser Comunista (está demasiado enraizado), o modo como trata os colegas como "estimado" qualquer coisa...Mas trata o candidato da CDU como excelentíssimo!
Foi o próprio candidato da CDU que se enterrou em duas ocasiões:
1.º Falar da regularização das contas. Candidato do PS, foi preparado e todos os Bejenses sabem que essa herança pesada não cabe ao PS (executivo do Dr. Pulido Valente). Foi inteligente a demonstração do gráfico, é sempre ilustrativo.
2.º Foi falar da Praça da República, quando se fala em obra pública. Depressa os outros candidatos aproveitaram para relembrar o programa Polis.
Sem grandes contra-ataques, candidato da CDU deixa cair a frase "que foi com o PS na frente que a acessibilidade ferroviária se perdeu".
Concordo plenamente com o candidato do CDS, quando afirma, que temos de desmistificar esse conceito de pessoa...porque pessoa, pode ser pessoal ou colectiva. E qualquer empresa, organização depende de pessoas.
Foi um debate muito abaixo das minhas expectativas enquanto cidadã.
Mas como citei em cima, é sempre de louvar quem dá a cara. E são os 5 candidatos que temos!
Não se ofendam, isto seria muito mais simples...se a Palavrinha Poder (não tivesse associada), se fosse efectivamente por e para Beja. Existirá muita gente dos diversos quadrantes habilitadas.
Façam lá é o favor de votar!

Ana Lúcia Serafim a 12 de Setembro de 2017 às 01:27, AQUI.

 

9 comentários

Comentar alvitre