Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

NÃO SEI SE É A MELHOR RESPOSTA

França está a bombardear Estado Islâmico

card_estado_islamico_isis_reuters.jpgO Governo francês confirmou que foi dado início a um bombardeamento a uma das cidades mais importantes do Estado Islâmico.
O Ministério da Defesa francês anunciou que está em curso um bombardeamento em massa ao quartel-general do Estado Islâmico, em Raqqa, na Síria. Doze aparelhos, entre estes dez caças, partiram ao mesmo tempo dos Emirados Árabes Unidos e da Jordânia e largaram 20 bombas, o maior 'raide' aéreo dos últimos temos.
Na mesma nota o ministro da Defesa afirma que foram destruídos um centro de controlo e de comando, um centro de recrutamento jihadista, um campo de treino e um depósito de munições do Estado Islâmico. A operação está a ser realizada em coordenação com os parceiros na região.
“O primeiro alvo destruído era utilizado pelo Daesh (acrónimo do Estado Islâmico, em árabe) como posto de comando, centro de recrutamento jiadista e depósito de armas e munições. O segundo alvo alojava um campo de treino terrorista”, pode ler-se no documento, citado pela France Press.

2 comentários

Comentar post

Comentários recentes

  • Ana Matos Pires

    Tem dias.

  • Anónimo

    Isso dependerá dos gostos e orientações pessoais! ...

  • Anónimo

    Concordo que a deslocação a Bruxelas possa provoca...

  • Anónimo

    A política é deveras interessante! Eu, ignorante m...

  • Ana Matos Pires

    Precisamos pois, com indicação precisa. Nunca deve...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.