Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
27
Nov 17

003.JPG

Já dei conta aqui do que se tem passado com roturas na rede de água nesta rua (e noutros locais também). Acontecem quase todas as semanas. Vem a EMAS e remenda. De uma das vezes até tapou o buraco com alcatrão. Parecia que finalmente o problema estava resolvido de vez... mas, como sempre acontece, foi sol de pouca dura. E lá voltou a rotina, mais ou menos semanal, de rompe o cano, remenda a rotura...

 

Mudou a Câmara, mudou a Administração da EMAS e lá vieram reparar a rotura que tinha ficada das antigas. Pensei para mim: querem lá ver que fazem mesmo diferente e melhor. Enganei-me. Fizeram o que os outros faziam e a água continua a perder-se... e também nos pedem para não tomarmos banho nem limparmos a sanita tantas vezes para pouparmos água...

publicado por Zé LG às 08:43
"Fizeram o que os outros faziam"...está enganado, são os mesmos que continuam a fazer.
Anónimo a 27 de Novembro de 2017 às 10:49
E quando fazem é trabalho de rotina, porque não propõem substituir por exemplo de raiz a conduta para que os remendos acabem de vez, esperemos que os responsáveis e os trabalhadores comecem a ser interventivos e os chefes máximos lhe dêem ouvidos, afinal é dinheiro dos nossos impostos que interessa ser bem gerido com durabilidade.
Anónimo a 27 de Novembro de 2017 às 18:47
A via está tão boa quanto os passeios! Á força de tanta reformulação, de rotinas de tapa-destapa, com resultados empíricos e temporários, com os recorrentes custos de manutenção, já daria para uma requalificação mais séria e duradoura- digo eu!...
Falta vontade, mas também falta planeamento e boa gestão dos dinheiros públicos, como acontece em muitas autarquias por esse burgo fora!...E não é por falta de técnicos da área.
Anónimo a 27 de Novembro de 2017 às 20:21
Não sei se será a mais correta das abordagens querer que uns façam em dias o que outros não fizerem em anos, mais isso devo ser só eu a achar, não acham?
Anónimo a 27 de Novembro de 2017 às 21:24
Meu caro,
Vai ver que será tudo da mesma forma...
Toda a rede de água de Beja e Concelho "excepto a que já foi remodelada, carece de remodelação.
Se reparar estamos a falar de uma rede construída entre os anos 60/70.
Anónimo a 27 de Novembro de 2017 às 23:30
Meu caro,
Vai ver que será tudo da mesma forma...
Toda a rede de água de Beja e Concelho excepto a que já foi remodelada, carece de remodelação.
Se reparar estamos a falar de uma rede construída entre os anos 60/70.
Anónimo a 27 de Novembro de 2017 às 23:31
Novembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Vaidades corrosivas, vaidosos perigosos...
Ah , só assim se percebe a destruição que por aí h...
Não "patologizam os lugares", podem, se não forem ...
Digamos que as pessoas com esse distúrbio patologi...
isto tem um nome (que não o torna inimputável e, p...
Gostei demais deste post. Este site d[tem muitos a...
Entretenga de minudências.Respondam ao DOUTOR
Obrigada.Divulguem e participem
Temos Doutor.
A sua logica, puramente cartesiana, embora a quem ...
Quando, para o nosso gosto, achamos que algo é fei...
Bonita é a ferreira da rotunda de Ferreira...
Pensei o mesmo quando aí passei. O problema mantém...
Não concordo de forma alguma.O monumento ao preso ...
O dito "mamarracho" foi oferecido a Beja como home...
blogs SAPO