Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

MANUEL BARROSO E FRANCISCO MARQUES DEMITIDOS DAS DRE DO ALENTEJO E ALGARVE

080820131531-328-manuel-maria-barroso-.jpg

“Atraso na contratação de auxiliares dita a exoneração do delegado do Alentejo”, Manuel Maria Barroso. “Processos disciplinares por comportamento indevido e por uso indevido de viatura vão levar à saída do dirigente do Algarve”, Francisco Marques. A Voz da Planície não conseguiu falar com Manuel Maria Barroso e Francisco Marques diz tratar-se de “atentado ao seu bom nome”.

Os dois delegados regionais de Educação em causa estão a exercer funções de “forma ilegal há um ano e 9 meses, depois do concurso que os selecionou ter sido anulado”. Contudo, não é este o motivo que leva a “secretária de Estado Adjunta e da Educação, Alexandra Leitão, a afastar os dois responsáveis.”

5 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 26.01.2018 11:20

    Tudo o que afirma pode ser verdade.
    O problema é a politização de cargos públicos e as nomeações encapotadas que passar a apresentar como legitimação os concursos cresap (com regras e critérios feitas à medida do que "queremos" nomear). Penso que tem conhecimento de uma entrevista dada pelo anterior presidente da cresap: só chegavam ao fim do concurso (3 "nomes"), em 99,9% dos casos, militantes e simpatizantes do psd e do cds (mérito, mérito e mais mérito do cartão.).
    Mas mais do que isso, o que é que o delegado regional fez durante os anos em que este nesse cargo para melhorar as escolas do Alentejo (uma só ação). Pergunte aos professores das escolas alentejanas o que foi feito durante o seu mandato?Quietude? Indiferença? Seguidismo? Que ética é esta?
    Eu ainda sou do tempo que as diretoras regionais (e sublinho diretoras) vinham com regularidade às escolas e falavam com os professores sobre os seus problemas e os da escola. Este delegado nunca o vi e já tenho 33 anos de serviço.
    Sei que os diretores de escola, em especial os da mesma cor política, se davam muito bem com ele!
    Pergunto: para que serve o delegado regional?
    Tudo isto me lembra um poema, dito pelo enorme Mário Viegas:

    Uma nêspera
    estava na cama
    deitada
    muito calada
    a ver
    o que acontecia

    chegou a Velha
    e disse
    olha uma nêspera
    e zás comeu-a

    é o que acontece
    às nêsperas
    que ficam deitadas
    caladas
    a esperar
    o que acontece.

    É isto!
  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 26.01.2018 11:46

    Muito bem , anónimo das 11:20.
    Só quero afirmar que a cresap seleciona , por concurso, e muito bem tudo o que refere é verdade,cargos dirigente do topo da administração pública, que não são empresas públicas.
    O caso da educação, figura de delegado regional , não é um cargo do topo e como tal não é objecto de seleccção pela cresap. Já em outras áreas como a da saúde ou Emprego temos um Presidente e dois vogais que são cargos do topo selecionados pela cresap.
    No caso das instituições de estatuto empresarial , os cargos dirigentes da administração pública são puramente de cariz politico , cuja cresap se limita a dizer "amém" à proposta apresentada..
  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 26.01.2018 12:41

    Obrigado.
    Eu sei, só sublinhei que tudo está politizado (e a cresap foi criada para legitimar) e o mérito é o cartão e, por outro lado, o que este delegado regional (porque é dele que estamos a falar) fez durante os anos em que exerceu o cargo para tornar as escolas do Alentejo melhores? Só isso, porque de conspirações estou farto! E a ética também é isto e deve ser isto em primeiro lugar. Lutas, mas lutas por melhores escolas no Alentejo: mais democráticas, mais livres, mais críticas, mais cidadãs... e em prol disto, que eu tenha conhecimento, nada foi feito. Portanto, é uma luta por lugares e mordomias de uns quantos em relação a outros e isso, na verdade, pouco me interessa. Importa-me que se coloquem estas situações como referência em vez das escola. Só isso!
  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 26.01.2018 14:11

    E são também os viúvos e viúvas do ex delegado regional a lamentarem-se (lá saberão porquê), chorando e apontando o dedo, como se o governo anterior não tivesse feito o mesmo: a anterior diretora/delegada é um bom exemplo do que não deve ser feito!
    Falar em interesse público e ética, por favor! Onde fica isso?
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Comentários recentes

    • Anónimo

      Há espaço para todos com certeza! Que o digam as c...

    • Anónimo

      Tenho todo o gosto em lhe responder de modo claro!...

    • Anónimo

      Muito bem! Exemplo de como uma ideia simples pode ...

    • Anónimo

      Devemos viver num planeta diferente, porque neste ...

    • Anónimo

      Alguém que nem sequer tem coragem para se mostrar ...

    Mais sobre mim

    foto do autor

    Sigam-me

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    subscrever feeds