Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Liberdade de expressão ou incentivo à violência?

Como penso ser evidente pela forma como faço a gestão do Alvitrando, em caso de dúvida acho que se deve permitir abusar um pouco da liberdade, não correndo o risco de a coartar.

As televisões devem cumprir um serviço público de (in)formação dos seus públicos, de acordo com as licenças que lhes foram concedidas pelo Estado e o governo deve fazê-las cumprir esse objectivo.

Ora, o que assistimos (mais nuns do que noutros) canais, nalguns dos programas que emitem parece-me evidente que não estão a cumprir a sua função. Há programas - alguns de debate sobre futebol, por exemplo -, em que a falta de educação e de civilidade dos intervenientes e o incentivo à violência se manifestam quase a todo o momento. 

Será este "um novo normal" que nos querem impor? Até onde nos vai levar? Não se estará a correr o risco de quando se quizer impedir males maiores ser demasiado tarde?

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Foram buscar o antigo imperador JR .....dizem que ...

  • Anónimo

    O Imperador está suficientemente saudável para c...

  • Anónimo

    As odalascas vêm com o calor...

  • Anónimo

    Alguém sabe em que dia desfila o imperador, as oda...

  • Munhoz Frade

    Um desabafo como este do Vitor Paixão é um momento...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds