Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

FAMÍLIA CIGANA OCUPOU UMA CASA MAS FOI EXPULSA PELA CÂMARA DE BEJA

1190782 (1).jpg

Autarquia alentejana é acusada pela Associação Habita de ter cometido um acto ilegal ao despejar sem notificação uma família cigana com três filhos menores que sofrem de asma. 

Fábio Barão foi informado por uma técnica do serviço social da Câmara de Beja que na próxima terça-feira poderia ter “boas notícias” mas teriam de abandonar o edifício dos Paços do Concelho. Entretanto, encontrou abrigo provisório numa pequena comunidade cigana instalada na periferia da cidade de Beja.

O PÚBLICO fez várias tentativas para falar com o presidente da Câmara de Beja mas até ao momento não foi possível obter qualquer esclarecimento.

2 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 07.01.2018 11:02

    Sr.Presidente da Câmara, isto é verdade?
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Comentários recentes

    • Anónimo

      Não concordo. Como bem diz, dada a manifesta incap...

    • Anónimo

      Esta questão tem acontecido com a conivência de vá...

    • Anónimo

      Lixo e buracos nas ruas e estradas constituem a im...

    • Anónimo

      Uma gestão camarária que nem do lixo dá conta!Quan...

    • Anónimo

      Continua a apresentar boas respostas. Durante 40 a...

    Mais sobre mim

    foto do autor

    Sigam-me

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    subscrever feeds