Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

“É esta sem dúvida a maior crítica que se faz à gestão da CDU” em Beja?

Zé LG, 31.12.23

Beja 001 - Cópia.jpg«Feitas que foram essas obras estruturais e a criação de condições e de quadros técnicos, houve como que uma separação das águas entre os diversos municípios.
Uns conseguiram passar para uma fase de desenvolvimento social e económico, não abdicando da melhoria e investimento nas estruturas locais, mas dando condições e estimulando a vinda de empresas para criar postos de trabalho e fixar as populações.
E outros como foi o caso, foram fazendo umas obras geralmente no total subsidiadas pelo poder central ou a união europeia, como foi o caso das desditas piscinas cobertas da cidade, e uns melhoramentos ou remodelações embora até talvez de melhor gosto do que as agora de Paulo Arsénio. Mas em que a maior preocupação era a gestão e manutenção da boyada, e no caso particular de Beja, até ao limite do afastamento de potenciais investidores privados, isto para manter o controlo dos eleitores e perpetuar o partido no poder. É esta sem dúvida a maior critica que se faz à gestão da CDU, LG, e de que hoje estamos a pagar uma fatura enorme em termos de atraso e antidesenvolvimento económico e social, com reflexos evidentes no tecido empresarial, no emprego, urbanístico, quadros técnicos, educação, saúde,... e de forma quase irreversível.» Anónimo, 29.12.2023, aqui.

6 comentários

Comentar post