Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

“DE MIM PARA MIM”

220120152213-669-DEMIMPARAMIM_.jpgNa Biblioteca Municipal de Beja foi apresentado, esta tarde, o livro “De mim para mim”, uma obra póstuma que reúne textos de Carolina Tendon, de 22 anos que faleceu, em Fevereiro de 2014, vítima de uma embolia pulmonar.
Carolina de Sousa Tendon nasceu em Portimão, foi uma criança alegre e muito responsável, uma aluna exemplar, um exemplo de vida, uma inspiração e preservou essas características até ao momento da sua partida, aos 22 anos, no dia 10 de Fevereiro de 2014, em Évora, cidade onde era estudante universitária, a concluir o último ano de Medicina Veterinária. Aos 10 anos de idade escreveu o primeiro texto que deixou todos aqueles que o leram surpreendidos e o livro “De mim para mim” reúne as frases e os textos escritos pela Carolina.
Pedro Pinto, natural de Beja, publicou os textos escritos por Carolina, desde os 10 anos de idade, e concretizou o “sonho” da sua namorada.
In: http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=6136
e http://www.vozdaplanicie.pt/index.php?go=noticias&id=4920

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Comentários recentes

  • José Filipe Murteira

    Excerto do despacho : " Pretender amordaçar a libe...

  • Anónimo

    http://www.pracadarepublicaembeja.net/2019/09/a-mi...

  • José Filipe Murteira

    Numa altura em que a vida política está toda (ou n...

  • Anónimo

    Quanto às 3 ou 4 capas do DA, ninguém tem a mínima...

  • Anónimo

    Marretas são aqueles que não querem ver o que de f...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds