Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

COMEÇOU UM TEMPO NOVO

1008867.jpegOntem, com a tomada de posse do governo de António Costa, que, pela primeira vez, conta com o apoio de uma maioria parlamentar constituída pelos deputados do PS, BE, PCP e PEV, formalizada em acordos bilaterais do PS com os restantes partidos, iniciou-se um tempo novo. Pela primeira vez o PS conta com os apoios dos partidos à sua esquerda, pondo fim à exclusão destes partidos de soluções governativas. De forma clara, como nunca antes, António Costa integrou o PS numa alternativa política, em vez das estafadas alternâncias.
É quase certo que o estado actual do país se vai revelar bastante pior do que tem sido apresentado. A situação que Portugal atravessa não aconselha a que se alimentem muitas expectativas quanto ao futuro próximo. Mas ter-se derrubado um muro que muitos apresentavam como intransponível é um bom começo para o aprofundamento da democracia e de uma verdadeira alternativa à direita e às suas políticas.
A direita ficou em estado de choque, muitos dos seus representantes mais proeminentes, a começar pelo PR e passando pelo primeiro-ministro e outros membros do governo, deputados, comentadores, etc., têm feito afirmações próprias de quem perdeu o controlo da situação. Hoje, são eles que aparecem a defender o que atribuíam ao PCP, ao BE e ao PEV: uma política de terra queimada, quanto pior melhor, estarem contra todas as políticas, medidas e propostas do novo governo e da maioria que o sustenta. Hoje, são os partidos da direita que se assumem com partidos de protesto. E Cavaco Silva acompanha-os.
Começou de facto um tempo novo.

2 comentários

Comentar post

Comentários recentes

  • Anónimo

    Se são carneirinhos ou não como V.a Ex.a defende, ...

  • Anónimo

    Ele não vai , LEVAM-NO !!!.

  • Anónimo

    Lá estás tu a pôr defeitos ao homem.Não o deixam e...

  • Anónimo

    Falar do que não se conhece é espalhar a própria i...

  • Anónimo

    Com tanta agro-industria de capital exclusivamente...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.