Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Centro Nacional de Apoio à Integração de Imigrantes já está a funcionar em Beja

Zé LG, 27.04.22

202204261216121552.jpgO Centro Nacional de Apoio à Integração de Imigrantes (CNAIM), do Alto Comissariado para as Migrações (ACM), já está a funcionar em Beja e responde a questões imediatas ou a algum tipo de apoio especializado. Procura ativa de emprego é a ajuda mais solicitada, sendo a maior parte dos imigrantes do Senegal, Índia, Nepal e Ucrânia.

Vladimir Duarte, do Alto Comissariado para as Migrações, explica que os trabalhos disponíveis são, na sua maioria, agrícolas e sazonais. Neste contexto, os imigrantes procuram resposta para recolocação nos períodos em que ficam sem atividade. A construção civil é muitas vezes a solução entre trabalhos agrícolas, garante. O objetivo é não deixar ninguém sem trabalho pois são períodos de grande vulnerabilidade, frisou.