Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

CDU contra aumento do“tarifário de resíduos sólidos urbanos do Município de Beja para 2021”

Zé LG, 04.02.21

87029748_2731061786987441_2681103892527185920_o.jpOs vereadores da CDU na Câmara de Beja votaram “contra” a “aprovação do tarifário de resíduos sólidos urbanos do Município de Beja para 2021”, por considerarem que significa o segundo aumento “na fatura da água, neste mandato” e revela “uma total falta de sensibilidade do executivo PS, principalmente numa altura difícil para todas as famílias que em pleno período de pandemia e de estado de emergência”.

Vítor Picado, vereador da CDU, diz ser “fundamental que a aplicação da tarifa social da água para todos os consumidores se efetivasse o mais rapidamente possível até porque esta medida... foi aprovada por maioria, na Assembleia Municipal de 28 de setembro de 2020, continuando o PS na Câmara Municipal ... a não respeitar as deliberações” deste órgão.

26060133_405059736592942_4666802667944049120_o.jpgPaulo Arsénio, presidente da Câmara, responde dizendo que “o valor (pago à Resialentejo duplicou, em janeiro deste ano, por imposição esplanada em decreto-lei”, o que “obrigou ao aumento do tarifário em causa”

O presidente da Câmara , diz que “a proposta da CDU não explicava, nem sugeria, onde se poderia financiar o dinheiro não cobrado”, que “esta possibilidade não está fora de hipótese”, mas que “está a ser avaliada pela EMAS de Beja, não estando ainda concluídos os cálculos”.

17 comentários

Comentar alvitre