Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

CDU acusa o executivo PS, na Câmara de Beja de deixar a “cidade e o concelho à deriva”

Zé LG, 13.08.20

44639204_364613634311498_1195327305858154496_n CDU

No boletim que está a ser distribuído, pelas várias aldeias do concelho, a CDU “lamenta profundamente os dois anos e meio de governação do PS”, que foi “tempo perdido devido à falta de visão e ausência de dinamismo na projeção do investimento municipal para beneficiação da cidade e do concelho” e porque “a promoção e afirmação de Beja não se concretizam com medidas avulsas, mas [sim] com sentido estratégico e convicção (…) para dar respostas com seriedade aos desafios que se colocam ao desenvolvimento do território”.

A CDU critica “a postura de pura negação que o Executivo PS assumiu, desde o inicio do mandado, em relação aos investimentos lançados e projetados pela CDU, com o argumento de fazer «melhor e diferente». Refere a “desatenção pelo espaço público (…) no que diz respeito à limpeza e higiene urbana (…) comprometendo o título alcançado no início de 2017 de “Cidade de Excelência”.

A CDU salienta também a “insensibilidade permanente, que o executivo PS manifesta para ouvir e atender às justas e reivindicações dos trabalhadores da autarquia” e o “silêncio do executivo PS, ao nível de reivindicações de medidas junto do Governo para a eletrificação da linha ferroviária, a ligação direta a Lisboa, a conclusão do IP8, a construção da segunda fase do Hospital de Beja, a construção do quartel da GNR e a construção do Palácio da Justiça”.

9 comentários

Comentar alvitre